In order to view this object you need Flash Player 9+ support!

Get Adobe Flash player
Joomla! Slideshow

VELO CAB2012


OS PILOTOS DA MERCEDES NO DTM

OS PILOTOS DA MERCEDES NO DTM

 

 

Eis o mgrupo de pilotos que irá defender esta épocas a Mercedes no DTM de 2015.equipamercedes dtm2015_Copy

 

MINI PREPARA NOVO CARRO

MINI PREPARA NOVO CARRO

 

A Mini está a preparar um novo modelo, que para já não se sabe ainda qual a designação que vai receber.Este novo modelo da Mini está já a ser testado em países da Europa CEntral, e como é óbvio surge todo camuflado conforme a única im,agem que dispomos.NOVOMINI Copy

 

NOVO SEAT LEON ST CUPRA

 

automóvel de competição ideal para o dia-a-dia
Nuevo-SEAT-Len-ST-CUPRA Copy


/ Potência, performance e versatilidade combinados num automóvel
/ Disponível com 280 CV e com caixa manual ou DSG
/ Diferencial autoblocante, direção progressiva e suspensão pilotada DCC para um superlativo comportamento dinâmico
/ Pacote Performance e os Pacotes “Line” de cores realçam a exclusividade, tal como o novo sistema de navegação High com ecrã tátil de 6,5 polegadas.
/ O design, a exclusividade e o equipamento de um CUPRA em formato carrinha


 A SEAT apresenta o automóvel ideal para disfrutar dos momentos familiares e das fortes emoções, já que o Leon ST CUPRA combina o desenho e a funcionalidade com as mais elevadas prestações numa fórmula única no segmento. O SEAT Leon ST CUPRA 280 cumpre os 0 a 100 km/h em apenas 6,0 segundos, mantendo integralmente a capacidade máxima de carga de 1470 litros: Funcionalidade e prestações em perfeita harmonia. O design único, o equipamento exclusivo e os acabamentos de excelente qualidade fazem do Leon ST CUPRA uma proposta sem paralelo no segmento. E como é norma na SEAT, este novo CUPRA garante uma excelente relação qualidade/preço.
O SEAT Leon CUPRA surpreendeu e destaca-se entre a concorrência, tanto na versão de três portas como na de cinco portas. Diferencia-se no design e superioriza-se no comportamento em estrada. O novo Leon ST CUPRA acrescenta uma nova dimensão: o espaço de uma carrinha, para trabalhar, para a família, para o desporto ou para os tempos livres.
“O novo Leon ST CUPRA é o complemento perfeito para a nossa gama de modelos de elevadas prestações. Combina o excelente comportamento dinâmico e as elevadas prestações com o conforto e a condução tranquila nas longas viagens. Único.” diz Jürgen Stackmann, Presidente da SEAT S.A. “O Leon ST CUPRA encarna o melhor dos valores SEAT. Orgulhamo-nos da excelência técnica e da qualidade que encerra.”
Um impressionante concentrado de tecnologia assegura as performances do SEAT Leon ST CUPRA. No coração está o motor 2.0 TSI com injeção dupla e distribuição variável, que resulta numa potência de 280 CV. O Controlo de Chassis Adaptativo DCC, o diferencial autoblocante ativo VAQ, a Direção Progressiva, o CUPRA Drive Profile e os faróis Full_LED incluídos de série são alguns dos exemplos de sofisticada tecnologia.
O nível desportivo do Leon ST CUPRA pode ser ainda mais elevado com o pacote opcional Performance . Inclui um sistema de travões Brembo, composto por pinças de quatro pistões de alto rendimento e discos dianteiros perfurados com 370 X 32 mm, jantes exclusivas de
19" (com escolha de cor Preta ou Laranja) e pneus Michelin Pilot Sport Cup 2. Outra das novidades são os pacotes “Line” com cores exclusivas da versão mais desportiva da Gama SEAT. Assim, os retrovisores, a moldura da grelha frontal, as jantes e o lettering CUPRA na traseira, podem acrescentar uma nota de exclusividade ao serem pintados nas cores Branco, Preto ou no Laranja específico do Cup Racer de competição.
“O novo Leon ST CUPRA é um puro SEAT – emoção e performance, design e dinâmica são a receita para o prazer de condução, quilómetro após quilómetro. Transpira tecnologia de ponta, que se evidencia na precisão do comportamento mas também na impressionante eficácia.” sublinha Dr. Matthias Rabe, Vice Presidente Executivo I+D da SEAT. “Investimos imenso em pequenos detalhes para garantirmos que o Leon CUPRA mantivesse o elogiado comportamento das versões SC e de cinco portas também no formato carrinha – adicionando um dose significativa de funcionalidade.”
Com o novo Leon ST CUPRA entramos no capítulo seguinte de uma história de sucesso. A primeira geração foi lançada em 1996, com o Ibiza, e desde então os dinâmicos CUPRA assumiram o papel de ícone desportivo no seio da SEAT. Nesta geração Leon a versão CUPRA fica disponível, pela primeira vez, em três carroçarias: SC, cinco portas e ST.
Design desportivo O design é um dado essencial da família Leon. Na sua variante de três e cinco portas, o Leon é um veículo de proporções perfeitamente equilibradas que seduz à primeira vista, com linhas nítidas e bem marcadas a transmitirem vitalidade, precisão e potência em partes iguais. E são estas impressões que se repetem na familiar Leon ST, cuja carroçaria é 27 centímetros mais comprida.
Visto de perfil, o Leon ST tem uma proporção equilibrada entre as superfícies de vidro e de metal. Em rigor, a relação entre a área de vidro e da carroçaria é de um terço de vidro para dois terços de metal. Esta proporção realça a sensação de robustez e o porte atlético. A característica Linha Dinâmica desenha um arco descente até à cava da roda. Os painéis laterais também não são completamente planos, tendo uma ligeira curvatura que enfatiza a noção de força. Não há dúvida que os clientes apreciam muito a linguagem do design do Leon. E este tem sido um dos maiores argumentos de compra e é um elemento chave no êxito da nova família Leon.
Novo equilíbrio entre potência e elegância A linguagem de design aperfeiçoou-se na versão ST CUPRA, com um novo equilíbrio entre potência e elegância. Destacam-se inúmeros detalhes, sobretudo na parte frontal e nos flancos. A zona inferior da seção dianteira está marcada pelas tomadas de ar de grandes dimensões, cobertas com rede em ninho de abelha de desenho tridimensional, que aumentam o caudal de entrada de ar para refrigerar o motor e os travões. Por cima do espaço para a matrícula, uma assinatura dos modelos CUPRA: cinco aberturas horizontais que reforçam a imagem desportiva. Por outro lado, o formato da rede inferior também acentua a vertente desportiva do novo Leon CUPRA.
A secção traseira é outra das partes realmente diferenciadoras. O bordo inferior do para-choques com a faixa preta prolongada e concluída com refletores nos seus extremos realçam a largura total. Enquanto isso, o defletor e as duas ponteiras de escape nos extremos anunciam a potência do CUPRA.
Outro destaque no equipamento de série vai para os faróis full LED. Consomem pouca energia e têm uma duração muito longa. Projetam uma luz com temperatura de cor de 5.500 kelvin, semelhante à luz do dia. Com esta intensidade a vista é menos esforçada. E visualmente, o seu formato em flecha é imediatamente reconhecível, tanto de dia como de noite. Nos grupos óticos traseiros impera a mesma tecnologia por LED.
As jantes em liga leve de 19” revestidas em cinzento titânio têm um desenho exclusivo, enquanto as pinças de travão são pintadas a vermelho e recebem o logotipo CUPRA. A imagem desportiva fica reforçada pelos vidros laterais traseiros escurecidos. Destaque ainda para o conjunto aerodinâmico que inclui spoiler na tampa da mala, prolongando o aspeto desportivo, que tem mais um apontamento nos retrovisores pintados a preto.
Por dentro: qualidade apurada
O dinamismo que marca o exterior também se reflete por dentro do novo SEAT Leon ST CUPRA. A seção dianteira, dedicada ao condutor e passageiro, tem um desenho limpo e fluido. Todos os interruptores, botões e controlos estão estrategicamente colocados para garantirem a maior comodidade e estão orientados para o condutor. O tablier tem um desenho atraente e os dois tons dão a sensação de que o tablier flutua no habitáculo.
O mais marcante no interior é o volante desportivo CUPRA, de desenho exclusivo e com o segmento inferior plano. Revestido a couro perfurado anti deslizante, ajuda a assegurar a precisão em curva. Os braços originais do volante integram comandos multifunções e suportam, atrás, as patilhas da caixa DSG opcional.
Por outro lado, os assentos desportivos forrados em Alcantara cinzento escuro com pespontos brancos fazem parte do equipamento CUPRA. Também está disponível o revestimento em pele preta com tiras de couro branco nos flancos e costuras a condizer; a mesma tonalidade do forro dos painéis das portas. Para um suporte máximo do corpo, também estão disponíveis as “baquets” de competição. Como novidade, incluem-se no CUPRA os comandos elétricos dos bancos, melhorando significativamente a qualidade de vida a bordo. Para completar o ambiente “racing”, os pedais e as soleiras estão revestidos a alumínio, enquanto os frisos do habitáculo apresentam o revestimento em preto brilhante (ou em cromado clássico).
Destaque ainda para o ambiente interior CUPRA, com luzes LED nos painéis das portas que realçam formas e sombras além de enaltecerem a sensação de qualidade e de conforto. Esta iluminação, que ajuda a localizar objetos, compartimentos e a aumentar a sensação de
habitabilidade, pode ser ajustada através do Perfil de Condução CUPRA – normalmente em tonalidade branca, em encarnado no modo CUPRA.
Há muitos elementos que são exemplo do elevado nível de acabamento do SEAT Leon ST CUPRA. Detalhes como as costuras precisas da linha que cose o couro do volante e da alavanca da caixa; ou os movimentos exatos dos ventiladores, e os comandos do ar condicionado com peças tridimensionais e com superfícies de toque suave, garantindo uma qualidade de tato ímpar.
Carroçaria: a leveza do design
Uma carroçaria com excecional rigidez e baixo peso é um dos principais requisitos para um excelente comportamento dinâmico. O peso do Leon ST CUPRA em ordem de marcha não ultrapassa os 1.466 kg, o que faz dele um dos desportivos compactos mais leves da sua classe.
Por outro lado, uma carroçaria rígida também é sinónimo de segurança e de conforto, duas características que aumentam a sensação de qualidade. Para conseguir este equilíbrio, a carroçaria tem uma elevada percentagem de aços de elevada e ultra elevada resistência. A estampagem a quente do aço reforça a rigidez, permitindo a redução de peso da carroçaria.
Espaço e versatilidade interior
O novo Leon ST CUPRA, apesar do seu design tão dinâmico, surpreende no espaço interior e na imensa versatilidade. O espaço disponibilizado para a bagageira alcança os 587 litros, extensíveis a 1.470 litros rebatendo as costas dos bancos traseiros, o que pode ser feito com imensa facilidade a partir da bagageira.
Teto de abrir panorâmico
O teto de abrir panorâmico aumenta a sensação de espaço no habitáculo, sobretudo para os ocupantes do banco traseiro. Esta opção inclui uma enorme superfície de vidro escuro que faz contraste com a tonalidade clara da pintura, o que constitui outro elemento de design. A seção anterior do vidro desliza sobre a parte posterior à ordem do comando interior ou da chave.
Condução – performance de topo incluída CUPRA é sinónimo de potência, performance e dinâmica – e o novo Leon ST CUPRA preenche todas as promessas na perfeição. O CUPRA com a caixa opcional DSG, bandeira da marca, cumpre a tradicional aceleração entre os 0 e 100 km/h em apenas 6,0 segundos; 6,1 segundos com caixa manual. A velocidade máxima está limitada eletronicamente a 250 km/h. O binário máximo tem o valor impressionante de 350 Nm, mantido numa curva constante entre as 1.700 rpm e as 5.600 rpm, garantindo impetuosas acelerações em qualquer situação ou ritmo.
E apesar destas prestações, o novo Leon ST CUPRA é espantosamente eficiente. A média de consumo fica-se pelos 6,6 litros com caixa DSG, e sobe ligeiramente aos 6,7 litros com caixa manual. Isto equivale a emissões de CO2 de 154 g/km e de 157 g/km, respetivamente.
SEAT Leon ST CUPRA, gama de motores:
2.0 TSI 280 CV 2.0 TSI 280 CV DSG kW/CV 206/280 206/280 Nm/ rpm
350 1750-5600
350 1750-5600 Vmax (km/h) 250 250 0-100 (s)
6,1
6,0 l/100 km 6,7 6,6 CO2
157
154
Motor com tecnologia de ponta
Como verdadeiro desportivo, o bloco 2.0 TSI responde espontaneamente a qualquer solicitação do acelerador, devorando rotações num exercício acompanhado de um som contagiante, ajustado por modulador. O turbocompressor nasce da mais recente e sofisticada tecnologia de sobrealimentação.
Os pistões têm fundição numa liga de alumínio específica com revestimento e rolamentos de fricção reduzida. As bielas foram reforçadas e giram sobre um novo tipo de rolamentos que transferem melhor as forças à cambota. O bloco moldado em aço grafitado está reforçado nas zonas onde apoiam os rolamentos. A cabeça dos cilindros é fabricada numa nova e particularmente leve liga de alumínio-silício, muito leve mas também muito resistente à temperatura.
O novo turbocompressor, de grandes dimensões, está concebido para gases de escape de até 1.000ºC. Com uma carga máxima de 1.1 bar, é capaz de comprimir 900 quilos; isto é, 750.000 litros de ar por hora. Um eficiente permutador ar/ar consegue reduzir significativamente a temperatura do ar comprimido, aumentando assim a massa da queima e, logo, a quantidade de oxigénio. A válvula de descarga tem comando eletrónico, muito rápido e preciso, reduzindo o trabalho de bombagem, já que sob carga parcial reduz a pressão básica de trabalho e, portanto, a contrapressão dos gases de escape.
Injeção dupla: preparada para o futuro
O motor 2.0 TSI encerra soluções de ponta em muitas áreas de tecnologia. Uma delas é o sistema suplementar de injeção indireta, que complementa a injeção direta de gasolina FSI em condições de cargas parciais. Esta dupla injeção reduz o consumo e particularmente as emissões. A injeção FSI, que trabalha com pressões de até 200 bar, funciona no arranque e em situações de maior carga do motor: cada injetor tem seis furos.
Os quatro cilindros estão sempre cheios, em qualquer regime. O came de admissão é ajustável num ângulo de 60º da cambota e o came de escape num ângulo de 30 graus. As válvulas de escape têm um sistema de abertura variável em dois níveis, ou seja, a amplitude de abertura é ajustável às necessidades e carga do motor.
O coletor de escape está integrado na cabeça do motor, podendo assim ser arrefecido pelo circuito de refrigeração – esta solução baixa a temperatura do motor mas também acelera o aquecimento do motor no arranque a frio. Neste inovador sistema de controlo de temperatura, duas válvulas rotativas unem-se no módulo regulador do fluxo de líquido refrigerante, assegurando assim que o óleo do motor alcança a temperatura correta mais rapidamente no arranque, o que resulta no melhor equilíbrio entre fricção mínima e máxima eficiência termodinâmica.
Um inovador revestimento das saias dos pistões e os rolamentos de baixa fricção nos veios de equilíbrio reduzem o atrito das peças móveis; enquanto a bomba de óleo apenas funciona quando necessário. O plano de eficiência completa-se com o sistema start/stop e sistema de recuperação de energia de travagem.
Transmissão: manual ou DSG
O novo Leon ST CUPRA traz uma caixa manual de seis velocidades, num carter muito leve de magnésio, para transmitir a potência do motor às rodas. O comando da alavanca é leve, preciso e com um curso muito reduzido. Em alternativa, a SEAT disponibiliza a transmissão DSG. Tal como na caixa manual, as relações baixas são muito curtas, enquanto a sexta tem uma relação longa para beneficiar os consumos. O elevado nível de eficiência é, portanto, comum às duas transmissões.
O condutor do novo CUPRA pode controlar a caixa de dupla embraiagem DSG através do seletor na consola ou com as opcionais patilhas no volante. Há um modo totalmente automático disponível, e outro manual. O modo D está programado para reduzir consumos e baixar rotações, enquanto o modo S está calibrado para uma condução desportiva, incluindo regimes de motor mais elevados. O modo CUPRA, que vem programado de série no Perfil de Condução, assegura as experiências mais dinâmicas.
O Chassis: a sofisticação da precisão dinâmica
O nome CUPRA é sinónimo de dinâmica imbatível, precisão e agilidade referenciais no restrito clube de desportivos. O novo Leon ST CUPRA, no entanto, eleva a fasquia consideravelmente.
Com o Controlo Adaptativo da Suspensão DCC, o diferencial autoblocante ativo VAQ e a direção progressiva, tudo incluído de série, o novo Leon CUPRA consegue melhorar os tempos em pista e a eficácia em estrada. Simultaneamente permite uma condução mais relaxada e confortável nas viagens longas. A segurança da elevada capacidade de travagem é reforçada com o conjunto de alta performance específico do CUPRA e reconhecível pelas pinças vermelhas.
Controlo de Chassis Adaptativo DCC Os ingredientes principais para uma boa dinâmica são o baixo peso e a rigidez estrutural. O desenho estruturalmente leve da nova família Leon reflete-se também no ST CUPRA. A nova geração do Controlo Adaptativo da Suspensão (DCC) desenvolvido especialmente para o CUPRA é mais sensível e rápido, adaptando as características da suspensão às condições existentes, ajustando-se a todas as mudanças em milissegundos. Em complemento, o Perfil de Condução CUPRA permite ao condutor definir as suas preferências dinâmicas.
Diferencial autoblocante dianteiro O novo eixo dianteiro com autoblocante aumenta significativamente a tração e a agilidade do Leon CUPRA. O sistema recorre a uma unidade multidisco ativada hidraulicamente por controlo eletrónico. O sistema admite um binário máximo de 1600 Nm, podendo, em casos extremos, canalizar 100 por cento da força para uma única roda. O controlo do bloqueio está integrado na rede da gestão eletrónica, que comanda também sistemas como o ESC ou o EDS. O dispositivo não só melhora as perdas de tração como também elimina os efeitos de torque na direção, melhorando o tato e a informação do volante.
Direção progressiva Também incluída de série, a Direção Progressiva é um elemento que melhora de forma impressionante a experiência de condução do Leon ST CUPRA. O condutor ganha uma relação mais próxima com a direção, precisando de menos voltas de volante nas estradas mais sinuosas, curvas apertadas ou simplesmente nas manobras de estacionamento. A direção do novo Leon CUPRA funciona com dentes com ângulo de ataque progressivo na engrenagem da cremalheira.
Com a Direção Progressiva consegue-se o maior ângulo de abertura das rodas com apenas 1,1 voltas de volante, contra 1,4 voltas na direção convencional que aplica uma relação constante. A maior diferença técnica entre os dois sistemas está na cremalheira da Direção Progressiva, que tem uma engrenagem de relação variável e um motor elétrico mais potente.
Controlo eletrónico de estabilidade
O ESC também foi especialmente calibrado para o Leon ST CUPRA, permitindo a condução desportiva mas sempre com a função de segurança pronta a intervir, se necessário. Numa condução limite, em pista, por exemplo, pode ser desligado em dois patamares – num primeiro nível desliga a função de controlo de tração e deixa o ESC em modo Sport, permitindo maiores amplitudes de rotação. Num segundo nível desativa por completo todas as funcionalidades do ESC.
Perfil de Condução CUPRA O Perfil de Condução CUPRA permite ao condutor ajustar o desempenho do novo Leon ST CUPRA às vontades dinâmicas do momento. Para além dos modos Comfort e Sport, o que mais se evidencia é o modo CUPRA, especialmente afinado pelo piloto de testes da SEAT, Jordi Gené, a par dos engenheiros de Martorell. Neste modo, o acelerador torna-se especialmente sensível e a caixa DSG assume-se especialmente rápida nas mudanças de relação; enquanto o som do motor sobrealimentado evoluí de forma mais envolvente. A suspensão DCC bem como a direção progressiva e o autoblocante também aqui assumem as definições mais desportivas.
Tecnologias e sistemas de ajuda ao condutor
Os engenheiros da SEAT recorreram a um completo leque de elementos de alta tecnologia na construção do novo Leon ST CUPRA. Inclui os faróis Full LED e Sistema de Travagem Automática Pós Colisão que ajuda a prevenir colisões secundárias que podem resultar de um acidente. Outro elemento de série é o Sistema Media Plus. Entre os opcionais estão o Cruise Control Adaptativo e o Front Assist que inclui a função travagem de emergência em cidade.
Faróis Full LED
O novo Leon ST CUPRA traz de série os inovadores faróis Full LED em combinação com as luzes de dia e com os grupos óticos também em LED. Além das vantagens estéticas, esta tecnologia de iluminação tem francos benefícios de segurança – os faróis iluminam a estrada com uma temperatura de luz de 5.500 Kelvin, valor próximo da luz natural do dia. Esta luz não cansa a vista. São também energeticamente muito eficientes – em médios, cada farol consome apenas 20W.
O contorno distinto das luzes de dia do SEAT Leon ST CUPRA é conseguido com dois LED brancos por farol. Nove LED amarelos integrados em cada unidade fazem as luzes intermitentes. Os médios são assegurados por seis módulos de LED e para os máximos ativam-se mais três potentes LED e os médios “sobem”. Um sistema inteligente assiste automaticamente os máximos, alternando a intensidade no cruzamento com trânsito contrário. Os novos faróis de LED não requerem qualquer tipo de manutenção e duram a vida útil do veículo.
Uma das funcionalidades dos faróis de LED consiste em elevar o foco de luz quando a velocidade ultrapassa os 110 km/h por mais de 30 segundos. Desta forma melhora-se a visibilidade sem prejudicar os condutores em sentido contrário.
ACC com Front Assist
O Cruise Control Adaptativo (ACC) que inclui monotorização do trânsito (Front Assist) do pacote de sistemas de assistência à condução, tem um papel decisivo. Este sistema recorre a sinais de radar para manter a velocidade desejada e uma distância segura e regulada pelo condutor, acelerando e abrandando consoante as condições do trânsito. Pode ser selecionada uma velocidade de cruzeiro entre os 30 e os 160 km/h. O controlador
inteligente de velocidade ACC pode ser associado à caixa manual ou à DSG. Com caixa DSG, o sistema, em caso de necessidade, tem a capacidade de travar autonomamente até à total imobilização da viatura.
O sistema de radar Front Assist, que inclui a função de travagem de emergência em cidade, controla o trafego que circula à frente na mesma faixa de forma a evitar a colisão. Se identificar, entre os 30 e os 210 km/h, uma situação de distância demasiado reduzida, o sistema emite um alerta sonoro e visual, preparando o sistema de travagem para uma ativação de emergência. Esta é uma ajuda dinâmica para que o condutor evite o acidente agindo da forma mais correta e rápida.
Se o perigo de colisão persistir, o sistema ativará automaticamente os travões para reduzir a velocidade de um possível impacto. O sistema Front Assist também ajuda o condutor a aplicar a máxima força de travagem se necessário, contribuindo para a proteção dos ocupantes.
A função de travagem de emergência em cidade é uma extensão do sistema Front Assist que opera em situações de congestão do tráfego. Entre os 5 e os 30 km/h o sistema atua os travões se detetar risco de colisão.
Sistema de navegação High: ecrã tátil com 6,5” e melhor resolução
A SEAT incluiu uma gama completa e atualizada do sistema de informação e entretenimento no novo Leon ST CUPRA. Destaca-se o novo sistema de navegação High, que apresenta um ecrã tátil com 6,5 polegadas, uma resolução de 800 x 600 pixéis e uma grande quantidade de novas funções. Podem ser emparelhados telefones por Bluetooth, gerir perfis de utilizador, ou ainda ler e escrever mensagens de texto. No mapa de navegação surgem imagens detalhadas dos edifícios principais, o sistema sugere rotas alternativas segundo as preferências, indicando o caminho mais direto, ou o posto de combustível mais próximo quando o combustível chega à reserva. Também pode ser comandado por voz para as funções do rádio, telefone e navegação; incluindo ainda um disco rígido com a capacidade de 10 GB.
De série, o Sistema Media Plus inclui um ecrã tátil com 5,8” e gráficos tridimensionais de alta definição, sintonizador DAB opcional, reconhecimento de voz e oito colunas. Quatro botões de cada lado controlam as mesmas funções dos sistemas de 5”, além das funções de “telefone” e de “voz”. As ranhuras para cartões SD, USB e iPod estão colocadas no porta-luvas. O ecrã de alta resolução tem um largo leque de cores.
Sistema de Som SEAT
O SEAT Sound System é um opcional com uma potência de 135 Watts e recurso a dez colunas. O som nítido chega de forma equilibrada aos cinco lugares graças ao efeito da coluna central no tablier e a um subwoofer com 35 Watts encastrado na bagageira.
Equipamento exclusivo O Leon ST CUPRA também assume o papel de topo de gama SEAT e, como tal, tem um leque de equipamento muito completo e exclusivo. São disso exemplo a Direção Progressiva, o Controlo Adaptativo da Suspensão DCC, o Diferencial com autoblocante, o Perfil de Condução CUPRA, o Sistema de Travagem de alto desempenho, as jantes de 19” com design exclusivo, os espelhos exteriores em preto e as pinças de travão vermelhas com a sigla CUPRA.
Também fazem parte do equipamento de série os faróis Full LED e farolins traseiros em LED. O sensor de chuva, de luz e o espelho retrovisor eletroluminescente pertencem ao Pacote Conveniência, incluído de série no ST CUPRA, tal como o Cruise Control, o sistema Climatronic ou o assistente de máximos.
Outros elementos que se unem ao vasto equipamento de série são os bancos desportivos forrados em Alcantara, o volante CUPRA, e o Sistema multimédia Media Plus que inclui ecrã tátil de 5,8 polegadas. Num rasgo de exclusividade no interior os LED nos painéis das portas realçam o design e a qualidade do habitáculo. A tonalidade dos LED pode ser ajustada com o Perfil de Condução CUPRA: em modo CUPRA emitem um tom vermelho, na configuração normal, luz branca.
Como já referido, a imagem do Leon ST CUPRA pode ser personalizada com o Pacote Performance (não está disponível em PT) e os pacotes White Line, Black Line e Orange Line que dão uma personalidade ainda mais forte ao novo modelo da marca espanhola que, como a restante gama Leon, é produzido na fábrica da SEAT em Martorell (Barcelona).
SEAT é a única companhia no seu sector com a capacidade total de desenhar, desenvolver, fabricar e comercializar automóveis, em Espanha. Membro do Grupo Volkswagen, a multinacional tem a sua sede em Martorell, Barcelona, exportando mais de 80% dos seus veículos, estando presente em mais de 75 países. As vendas globais da SEAT, em 2014, totalizaram um volume de 390,500.
O Grupo SEAT emprega 14,000 profissionais nos seus três centros de produção em Barcelona, El Prat de Llobregat e Martorell, onde fabrica, entre outros, os tão bem sucedidos modelos Ibiza e Leon. Adicionalmente, a companhia produz o modelo Alhambra em Palmela (Portugal), o Mii em Bratislava (Eslováquia) e o Toledo em Mladá Boleslav (República Checa).
A multinacional espanhola também tem um Centro Técnico, um ‘núcleo de conhecimento’, com um total de cerca de 900 engenheiros, que têm como objetivo, contribuírem como força impulsionadora de inovação, do investidor industrial número um em I&D em Espanha. Em linha com o seu compromisso declarado na proteção ambiental, a SEAT baseia a sua atividade central na sustentabilidade, nomeadamente na redução de emissão de CO2, eficiência energética e reciclagem de recursos, bem como a sua reutilização.

 

SIVA COM LOJA ONLINE

 

Loja Online da SIVA
Campanha de inverno com 10 por cento de desconto em toda a gama de acessórios das nossas Marcas
Uma nova Campanha promocional de inverno irá decorrer na Loja Online da SIVA, entre os dias 18 de fevereiro e 31 de março de 2015, com o aliciante de 10 por cento de desconto sobre qualquer produto, acrescido da oferta dos portes de envio.
Através do endereço http://eshop.sivaonline.pt/ poderá consultar uma grande variedade de acessórios e produtos das nossas Marcas – Volkswagen, Audi, ŠKODA, Volkswagen Veículos Comerciais, Bentley e Lamborghini – com valores bastante aliciantes.
Alguns exemplos são, no caso da Volkswagen, a guarnição de bagageira (Golf Variant), suporte para bicicletas com perfil de alumínio ou cadeirinha para criança One Plus (0-13 kg). Na Audi podemos destacar a rede divisória de carga longitudinal (Q5), jantes em liga leve de 7,5 x 17 polegadas com design em V (A1) ou o jogo de tapetes de borracha para a parte dianteira da gama Q3.
Na ŠKODA poderá encontrar, por exemplo, encontrar uma rede de proteção solar (janelas traseiras), jantes em liga leve de 7 x 17 polegadas “Gigaro” (em preto), uma geleira com capacidade para 18 litros e tapetes em borracha para a bagageira. Já na Volkswagen Veículos Comerciais, destaques para as cintas para bagagem (Transporter) e para o Amarok um roll-bar de 3 polegadas de tubo duplo em Inox ou ainda a Full-Box em preto 2T2T (incluindo kit anti-pó).
Nas mais exclusivistas Bentley e Lamborghini são propostos o Polo Shirt para homem em cor verde e guarda-chuva preto com pega reta, no primeiro caso e T-shirt para criança (verde e branco), no caso da marca sedeada em Sant'Agata Bolognese.
SIVA Campanha_de_inverno_2015_Copy
A SIVA, distribuidor para Portugal das marcas do Grupo Volkswagen é a maior empresa do setor automóvel do país. Representamos as marcas Audi, ŠKODA, Bentley, Lamborghini, Volkswagen e Volkswagen Veículos Comerciais. Contamos com as mais modernas redes de concessionários, apoiadas por um centro técnico equipado com meios de diagnóstico e reparação de última geração, um parque com capacidade para 9000 automóveis, o maior armazém de peças do país e um completo centro de formação automóvel

 

NOVO SKODA SUPERB

 

ŠKODA Superb - uma nova era:
estreia mundial do Novo e emblemático modelo da ŠKODA em Praga


> Estreia mundial com a presença de 800 convidados no Fórum Karlín em Praga
> Pleno de emotividade: novo ŠKODA Superb revolucionou o design da ŠKODA
> Nova geração: um gigante em espaço e conforto, com a melhor habitabilidade interior da sua categoria
> Tecnologia MQB: máxima e otimizada segurança, valores ambientais de topo, os mais avançados sistemas de conetividade
> Lançamento no mercado nacional em Setembro de 2015
Azambuja, 18 de fevereiro de 2015 – Espetacular estreia mundial para o melhor ŠKODA de sempre: no Fórum Karlín, em Praga, o Novo ŠKODA Superb foi ontem apresentado pela primeira vez .O Novo ŠKODA Superb revolucionou o design da Marca. Generosas dimensões, sistemas de assistência inovadores para a segurança, meio ambiente e conforto, potentes motores já em conformidade com a norma EU6 e as já tradicionais soluções “Simply Clever” permitem ao emblemático modelo da Marca passar a ocupar uma posição cimeira no seio da sua categoria de mercado. Em resumo: o Novo Superb é o melhor ŠKODA de sempre e, ao mesmo tempo, a Marca realiza a maior campanha de sempre no lançamento de um modelo ŠKODA.
O Prof. Dr. H.C. Winfried Vahland, CEO da ŠKODA, destacou nesta primeira aparição do Novo ŠKODA Superb: "Este veículo marca o início de uma nova era para a ŠKODA. Nos últimos anos temos renovado e ampliado a nossa gama de modelos. O Novo ŠKODA Superb evidencia as nossas aspirações no segmento superior do mercado.

Em termos de criatividade e tecnologia, atinge um novo nível de performances, reclamando a posição outrora ocupada pela ŠKODA e lidera o caminho para o futuro da Marca. Este fantástico carro irá atrair para a ŠKODA novos clientes particulares e empresariais", acrescentou Vahland.
A estreia mundial do Novo ŠKODA Superb aconteceu no Fórum Karlín, em Praga, numa cerimónia que contou com a presença de 800 convidados em representação da imprensa internacional, convidados do grupo e personalidades empresariais, da política e de vários ramos da sociedade. O Novo ŠKODA Superb foi a "estrela" da noite. Nesta sua primeira aparição foi acompanhado pela estreia mundial da “Symphony Superb” com a Orquestra Filarmónica Checa. Outros destaques: as atuações da lenda do soul Chaka Khan e da cantora Aura Dione.
A ŠKODA pretende continuar a história de sucesso do emblemático Superb que agora entra na sua terceira geração. Até o momento, a ŠKODA já vendeu mais de 700.000 unidades do Superb, da primeira e segunda geração.
Elegância, sofisticação, dinamismo – o revolucionário design da ŠKODA
Com o seu novo design, o Novo ŠKODA Superb demonstra a força emocional da Marca e as formas expressivas do show car "ŠKODA VisionC” mas com novas e dinâmicas proporções trazidas agora para um veículo de grande produção. "A distância entre eixos foi aumentada em 80 mm e, ao mesmo tempo, a distância entre o centro da roda e a frente do veículo é mais curta em 61 mm do que antes. Essa nova arquitetura transmite ao veículo uma elegância dinâmica de exceção", salienta Jozef Kaban, Diretor de Design da ŠKODA. Ao mesmo tempo, o Novo Superb oferece uma melhor funcionalidade e ainda mais espaço.
A parte dianteira transmite poder e auto confiança. A marcante grelha do radiador e os distintos faróis dão à arquitetura da parte dianteira profundamente desenhada uma aumentada visualização ótica. O capot do motor destaca enérgicos contornos, O perfil lateral surge mais dinâmica e elegante.

A afilada linha tornado afiada amplifica o veículo e, em conjunto com superfícies mais leves adicionais, cria contrastes efetivos entre luz e sombra. Os finos pilares do veículo, os precisos contornos das janelas e a linha do tejadilho levemente inclinada para trás transmitem ao veículo uma aparência de estilo coupé. As grandes rodas e as marcantes cavas das rodas enfatizam uma aparência exclusiva. O Novo Superb cativa por uma geometria clara, superfícies com contornos bem definidos, formas esculturais, precisão purista e linhas elegantes, como se tudo tivesse sido feito a partir de uma única peça.
O desenho da seção traseira também transmite poder e auto confiança. As linhas horizontais também são aqui acentuadas. Os farolins de duas peças são amplos e brilham com a tecnologia LED (de série) e ao mesmo tempo, acentuam e intensificam a típica forma em “C” das luzes dos modelos da ŠKODA. Paralelamente, os elementos cristalinos fornecem aos farolins uma luminosidade adicional. Impressionante: o contorno do portão traseiro. O interior completamente redesenhado é uma continuidade dos detalhes essenciais do design do exterior. Isto inclui a ênfase nas linhas horizontais, o que dá ao já de si espaçoso interior uma sensação ainda mais generosa. Formas claras, acabamentos precisos e a utilização de materiais de alta qualidade resultam numa aparência premium.
Em suma: com o seu exterior expressivo, o modelo emblemático da ŠKODA ganhou em estatuto e destaca um impacto visual de um veículo de um segmento superior: formas afinadas e musculadas, mais equilibradas e transmitindo uma emotividade nunca antes vista. As formas expressivas e significantes do exterior também podem ser encontradas no interior do carro.
Uma nova dimensão de conforto e espaço num interior ao nível de veículos de categoria superior
O objetivo dos engenheiros e designers da ŠKODA foi criar um espaço interior superior, com um visual mais moderno, elegante e sofisticado. Com nova melhoria das dimensões interiores, a ŠKODA transitou qualidades dos veículos de categoria superior ao segmento em que o Superb está inserido.

Com um conjunto incomparável de cotas interiores em todos os níveis, no conforto, nas novas soluções técnicas e de alta qualidade e em acabamentos precisos, o Novo ŠKODA Superb é verdadeiramente a nova referência no seu segmento face à concorrência.
O espaço do Novo Superb aumentou, mais uma vez, em comparação com os valores já generosos do modelo anterior. O condutor e o passageiro da frente desfrutam de 39 milímetros mais de espaço, ao nível dos cotovelos e na altura ao tejadilho. Com 157 milímetros de espaço para as pernas na parte traseira poder-se-á dizer que é quase “imponente”. Uma cota quase duas vezes superior à encontrada no modelo concorrente mais próximo. A altura ao tejadilho é de 980 milímetros: nenhum outro modelo no segmento também oferece tão generosa cota. Na parte traseira, também a cota ao nível dos cotovelos aumentou em 69 mm. A capacidade da bagageira de 625 litros não só é a melhor volumetria de todo o segmento como sofreu um incremento de 30 litros em relação à segunda geração do Superb.
O Novo ŠKODA Superb é o primeiro modelo da Marca a oferecer o chassis adaptativo dinâmico (Dynamic Chassis Control / DCC), incluindo o Driving Mode Select. Novos sistemas de ar condicionado, incluindo, pela primeira vez, uma variante de três zonas, fornecem e otimizam um controlo de temperatura ideal e uma qualidade do ar superior. O teto elétrico panorâmico deslizante e inclinando é opcional no Novo ŠKODA Superb. Aquecimento auxiliar, bancos aquecidos, para-brisas aquecido e lava faróis aquecidos estão disponíveis para os meses mais frios. O sensor de chuva / luz muda os limpa para-brisas e desliga automaticamente e alterna automaticamente entre as luzes de circulação diurna e os médios, conforme necessário.
Em vez de um guarda-chuva na porta traseira esquerda, existe agora um guarda-chuva em cada uma das portas da frente. O novo e elétrico portão traseira é particularmente vantajoso e pode ser complementado com o opcional pedal virtual. O portão elétrico traseiro e o pedal virtual trabalham em conjunto com o bloqueio automático do sistema KESSY. O Novo Superb é proposto com a mais recente geração do sistema de ajuda ao estacionamento (Park Assist) que automaticamente facilita sobremaneira as respetivas manobras. Além disso, o veículo possui, pela primeira vez, uma camara de visão traseira.

O travão de mão tradicional é substituído por um travão de estacionamento elétrico (de série).
Perfeitamente ligado
Novos meios de ligação fazem a sua estreia na terceira geração do ŠKODA Superb. São propostos um total de quatro sistemas de informação e entretenimento totalmente com base na tecnologia MIB do Grupo Volkswagen (Modularer Infotainment-Baukasten). O modelo de topo Columbus está disponível em opção com uma ligação de internet de alta velocidade integrada e baseada no padrão standard LTE. Mais uma estreia num modelo da ŠKODA.
O ŠKODA Superb pode ser ligado pela primeira vez a um smartphone e vários aplicativos selecionados pode ser executados a partir do ecrã do sistema infotainment. O SmartLink inclui o MirrorLinkTM, o Apple CarPlay e o Android Auto. O interface SmartGate, desenvolvido pela ŠKODA, permite que determinados dados do veículo para ser acedidos em aplicativos de smartphones do utilizador. O novo app ŠKODA Media Command e o Wi-Fi hotspot integrado no sistema de Columbus permitem que o sistema de infotainment seja controlado remotamente, pela primeira vez, a partir dos bancos traseiros. O Canton Sound System, com doze altifalantes e uma potência de saída de 610 W transformam o Novo ŠKODA Superb numa verdadeira sala de concerto sobre rodas.
Uma nova dimensão “Simply Clever”
O Novo Superb é o ŠKODA mais inteligente de sempre. Equipado com 29 soluções “Simply Clever” facilitam sobremaneira a vida a bordo do condutor e dos passageiros. 23 soluções são novas no Superb, dez das quais são completamente novas para a Marca. As novas soluções “Simply Clever” incluem itens práticos, tais como um dispositivo mecânico retrátil para reboque, um suporte para um tablet na parte traseira, um compartimento de armazenamento para tablet na Jumbo Box dianteira, uma porta USB e uma tomada de 230 V na parte traseira, porta-objetos para garrafas de 0,5 litros e um compartimento extra de armazenamento para coletes refletores de alta visibilidade em todas as quatro portas.

Todas as portas possuem compartimentos para garrafas de 1,5 litros. A versatilidade do interior é aumentada pela opção de rebater os bancos traseiros desde a bagageira. O banco do passageiro pode também ser dobrado para baixo. Novos elementos de fixação de carga garantem mais segurança para os objetos soltos no porta-bagagens. Um raspador de gelo na tampa do depósito de combustível é de série no Superb. Além disso, existem novas redes de armazenamento nos contornos interiores dos bancos da frente e uma lanterna removível em LED na bagageira.
Eficiência de topo
As novas motorizações do Novo ŠKODA Superb oferecem menores valores de consumos e de emissões de C02 até 30 por cento. O ŠKODA Superb GreenLine consome apenas 3,7 l/ 100 km e as emissões de CO2 não ultrapassam 95 g/km. O veículo é mais leve até 75 kg e a aerodinâmica também foi melhorada. A combinação entre uma potência superior até 20 por cento, uma reduzida resistência ao ar e uma diminuição no peso também resulta numa notável dinâmica de condução.
O Novo ŠKODA Superb é proposto com motores turbo de injeção direta com base na tecnologia MQB (cinco blocos TSI a gasolina e três TDI common-rail). Todas as motorizações cumprem as normas EU6 e são propostas com o sistema stop-start e recuperação de energia de travagem (de série). Os motores a gasolina debitam potências compreendidas entre 125 Cv (92 kW) e 280 Cv (206 kW), enquanto os blocos diesel oferecem potências entre 120 Cv (88 kW) e 190 Cv (140 kW). Exceto a versão base a gasolina, todos os motores estão disponíveis com uma moderna transmissão de dupla embraiagem. Quatro motores estão disponíveis com tração integral permanente baseada no sistema Haldex 5.
Sem compromissos em matéria de segurança
É impressionante a segurança de nível superior do Novo ŠKODA Superb. O Sistema de Controlo de Estabilidade que inclui os travões multicolisão é de série.

O equipamento de série adicional para os países da UE inclui: Front Assist com Emergency Brake, monotorização de pressão dos pneus, sete airbags e cinco cintos de segurança de três pontos com alerta automático da fixação, bem como apoios para a cabeça de segurança. Airbags laterais traseiros são opcionais. Também de série: o XDS +, uma função do bloqueio eletrónico do diferencial. A partir do nível de equipamento Ambition, o Speedlimiter é proposto de série.
Variados sistemas de assistência opcionais também estão disponíveis: Adaptive Cruise Control (ACC) que permite manter o veículo a uma distância segura do veículo da frente; o Crew Protect Assist atua como um reforço da proteção do condutor e do passageiro em caso de uma colisão iminente; o Lane Assist mantém o veículo na sua faixa de rodagem; o Traffic Jam Assist, disponível pela primeira vez para o modelo e para a Marca, aumenta a segurança e o conforto no trânsito durante a utilização do sistema stop-start. O novo Emergency Assist ativa os travões, caso do condutor não conseguir “dominar” o veículo, travando automaticamente o veículo perante uma eminente colisão.
O novo sistema Blind Spot Detect ajuda o condutor a mudar de faixa de rodagem com maior segurança, alertando-o para os veículos que se encontram no ângulo morto. Um componente central do Blind Spot Detect é a função que alerta o tráfego que circula na traseira do Superb, o qual está disponível pela primeira vez para o Superb e a ŠKODA.
O Travel Assist com reconhecimento dos sinais de tráfego, disponível pela primeira vez no ŠKODA Superb, informa de forma contínua o condutor sobre a situação atual do trânsito.
Os faróis são equipados com tecnologia de halogéneo ou com luzes bi-xénon, incluindo a função AFS e luzes diurnas em LED. Os “máximos” podem ser controlados eletronicamente via Light Assist ou através da extensão inteligente da função Smart Light Assist. Impressionantes farolins em LED são de série no Novo Superb que possui também dois refletores de ambos os lados do para-choques traseiro.

O Novo Superb possui uma suspensão totalmente nova com uma geometria do tipo McPherson no eixo dianteiro e com uma estrutura multi-link no eixo traseiro que transmitem a máxima estabilidade e uma condução otimizada, mesmo em situações mais exigentes.
KODA Superb_01_Copy
O Novo ŠKODA Superb
A afilada linha tornado torna visualmente maior o veículo e, em conjunto com superfícies

 

OPEL TEM A MELHOR GAMA DIESEL

Opel tem a melhor gama Diesel de sempre

 

 

  • Motores turbodiesel da nova geração destacam-se pelo refinamento;
  • Prazer de utilização, resposta rápida e baixos consumos;
  • Evoluído tratamento dos gases de escape reduz emissões de óxido de azoto

Com 27 novos modelos e 17 novos motores para lançar no mercado entre 2014 e 2018, a ofensiva de produtos da Opel continua a desenrolar-se. Nesta onda de renovação, os motores Diesel de cada gama de modelos serão completamente modernizados. A Opel já detém atualmente a linha de motorizações turbodiesel mais moderna da sua História. Com a introdução na gama do novo motor 2.0 CDTI no primeiro semestre de 2015, a marca passará a dispor de uma nova geração de propulsores a gasóleo para modelos de três categorias de cilindrada, desde o Corsa ao topo de gama Insignia. Os motores 1.3 (‘pequeno’), 1.6 (‘médio’) e 2.0 (‘grande’) foram desenvolvidos segundo a mesma filosofia:

  • Melhorar a eficiência e reduzir todos os tipos de emissões;
  • Aumentar a capacidade de resposta e o binário a baixas rotações;
  • Reduzir acentuadamente o nível de ruído e as vibrações para aumentar o conforto.

1.3 CDTI: mais ‘redondo’ e mais económico

O novo 1.3 CDTI de 95 cv de potência acaba de ser lançado com o novo Corsa. Em apenas quatro meses de produção, a nova geração do utilitário da Opel já alcançou a fasquia de 120 mil encomendas. À saída da fábrica, o 1.3 CDTI de quatro cilindros está disponível em versões de 75 cv e 95 cv, ambas complementadas por um binário máximo de 190 Nm. Em Portugal é comercializada apenas a variante mais potente. O propulsor foi modernizado para se tornar mais silencioso do que o antecessor da geração anterior do Corsa e para oferecer também uma superior capacidade de resposta. O novo turbocompressor, da geração mais recente, garante melhor resposta ao acelerador nos baixos regimes, minimizando a geração de ruído. E o sistema Start/Stop dá um contributo em matéria de consumo de combustível. A versão 1.3 CDTI de 95 cv é a mais económica. Com transmissão automatizada Easytronic 3.0 e sistema de recuperação da energia de travagem consegue reduzir as emissões de CO2 para apenas 82 g/km e o consumo de combustível para 3,1 l de gasóleo a cada 100 km no ciclo misto.

1.6 CDTI: silêncio de funcionamento e eficiência

Construído em alumínio, o turbodiesel 1.6 é a estrela da classe dos modelos compactos da Opel. Os especialistas são unânimes nos elogios ao funcionamento silencioso. Esta geração completamente nova fez a sua estreia no Zafira Tourer, no final de 2013, com uma potência de 136 cv. Pouco tempo depois, surgiu uma versão de 110 cv. À saída da fábrica, o motor 1.6 CDTI está agora disponível para o Meriva (com níveis de potência de 95 cv, 110 cv e 136 cv), para o Astra (110 cv e 136 cv) e o desportivo Astra GTC (136 cv). O novo motor 1.6 turbodiesel da Opel é tido como o mais silencioso e eficiente da sua classe.

Agora igualmente disponível para o Opel Mokka, este motor sobressai pelo elevado refinamento, pelos baixos consumos (escassos 4,1 l de gasóleo aos 100 km no ciclo misto, o que representa apenas 109 g/km de CO2) e pela capacidade de resposta. O Mokka 1.6 CDTI acelera de 0 a 100 km/h em 9,9 segundos, tempo que regista também na transição dos 80 aos 120 km/h em 5.ª velocidade.

2.0 CDTI: 170 cv e 400 Nm

O topo da linha de motores Diesel da Opel é ocupado pelo 2.0 CDTI, que acaba de ser lançado. Este novo ‘quatro cilindros’ produz um elevadíssimo binário de 400 Nm e debita uma potência máxima de 170 cv às 3750 rpm. Impele o Insignia de 0 a 100 km/h em apenas nove segundos e consegue levá-lo a atingir a velocidade máxima de 225 km/h. Já na próxima primavera, o novo motor 2.0 CDTI passará também a equipar o Zafira Tourer e, posteriormente, outros modelos da Opel, como o descapotável Cascada.

À semelhança dos restantes motores a gasóleo da Opel, o novo 2.0 CDTI cumpre as rigorosas normas de emissões Euro 6, conseguindo obter excelentes níveis de emissões, comparáveis aos de um motor a gasolina. O outrora típico ponto fraco da motorização Diesel, a emissão de óxidos de azoto, passou à história. O Insignia está dotado de sistema BlueInjection de redução catalítica seletiva (SCR) da Opel, que elimina óxidos de azoto dos gases de escape do motor. Pequenas quantidades de AdBlue®, um líquido inofensivo composto por ureia e água, são injetadas no caudal dos gases de escape a montante do catalisador SCR e a jusante do filtro de partículas diesel (DPF). A solução é imediatamente convertida em amoníaco (NH3), que é absorvido pelo catalisador SCR. Depois, numa reação química com amoníaco, o óxido de azoto contido nos gases de escape é seletivamente reduzido a azoto e vapor de água.1424090719997 Copy

 

GGOD YEAR E DUNLOP EM GENEBRA

 

Goodyear e Dunlop mostram os seus protótipos com tecnologia de futuro no Salão Automóvel de Genebra 2015

 

  • A companhia foca-se na inovação para oferecer pneus de alta qualidade hoje e no futuro 

 

A Goodyear, uma das principais companhias de fabricantes de pneus, adianta hoje o que irá apresentar no seu stand, o número 2056 (corredor 2), durante o Salão Internacional do Automóvel de Genebra 2015.

 

A companhia vai apresentar dois protótipos de pneus Goodyear que respondem aos desafios do futuro ao nível de mobilidade. O primeiro destes dois protótipos pretende oferecer uma solução para impulsionar os veículos do futuro, enquanto que o segundo se centra em oferecer um novo nível de versatilidade, adaptando-se às mudanças das condições de condução e melhorar assim o rendimento.

 

"O Centro de Inovação da Goodyear no Luxemburgo criou estes protótipos de pneus com o objetivo de oferecer soluções para fazer frente aos problemas de mobilidade que provavelmente iremos ter que lidar no futuro” declarou Jean-Pierre Jeusette, Diretor Geral do Centro de Inovação no Luxemburgo.

 

A Goodyear apresentará também a sua nova linha de pneus EfficientGrip Performance com a qualificação AA da Etiqueta Europeia. Esta qualificação supõe o grau mais alto estabelecido pela regulação da Etiqueta Europeia e significa que os pneus proporcionam o “A” quer em eficiência de combustível quer na aderência em piso molhado. Atualmente, a Goodyear é a empresa que oferece maior número de medidas de pneus com a qualificação AA da Etiqueta Europeia do mercado.

 

Por outro lado, a Dunlop vai exibir o Mercedes SLS AMG GT3 em colaboração com a Mercedes AMG Driving Academy, mostrando a herança desportiva da marca e o seu compromisso com os pilotos. A empresa está a desenvolver novas especificações de pneus de corridas tanto para AMG como para Nürburgring com o propósito de repetir a sua vitória de 2013 nas 24Horas de Nürburgring, uma das poucas competições onde ainda existe competição em termos de pneus.

 

Por último, a Dunlop irá mostrar um jogo completo de pneus de corridas que permitem oferecer novas variáveis estratégicas, não só para os pilotos mas também para as equipas do mundo da competição.

 

A Goodyear continua a ser o único patrocinador da área de imprensa do Salão de Automóvel de Genebra, facilitando o seu trabalho aos milhares de jornalistas que irão passar pela feira Suíça, uma das mais importantes do sector a nível internacional.

 

Para mais informações de Goodyear Dunlop durante o Salão Internacional do Automóvel de Genebra, estará ativa a página web www.goodyear-press.com. Para mais material de imprensa ou seguir a atividade da companhia, poderá também aceder a Twitter @goodyearpress.

 

 

Sobre a Goodyear

 

A Goodyear é uma das maiores empresas produtoras de pneus a nível mundial. Tem cerca de 67.000 empregados e fabrica os seus produtos em 50 instalações localizadas em 22 países em todo o mundo. Os seus dois Centros de Inovações, em Akron, no Ohio, e em Colmar-Berg, no Luxemburgo, esforçam-se por desenvolver produtos e serviços de última geração que estabelecem o padrão da indústria em termos de tecnologia e desempenho.

 

 

Para mais informação acerca da Goodyear ou os seus produtos, consulte www.goodyear.com/corporate

 

 D443868m_HD_Copy
 

PNEUS BRIDGESTONE

 

Pneus premium da Bridgestone: VT-TRACTOR

Para uma agricultura mais eficiente e sustentável 

 

A Bridgestone, o maior fabricante de pneus e produtos derivados de borracha a nível mundial, entrou pela primeira vez no mercado dos pneus agrícolas premium em 2014. Tal foi possível com o lançamento do pneu VT-TRACTOR, o topo da gama de pneus agrícolas premium da Bridgestone e que representou uma clara aposta da marca no segmento agrícola. Concebido para permitir aos agricultores e prestadores de serviços coadunar tanto as exigências de produtividade e eficiência com a necessidade de proteção dos solos de forma sustentável.

 

Com uma construção e um design avançado de “elevada flexão", o VT-TRACTOR, em comparação com outros pneus existentes no mercado, pode operar a níveis de pressão mais baixas, deixando grandes pegadas, ajudando os agricultores na obtenção de colheitas com maiores rendimentos, bem como a trabalhar mais rápido, consumindo menos combustível, ao mesmo tempo que preserva o solo.

 

 

RETA CRECE 30%

 

RETA cresce 30% no SERVIÇO DE REPARAÇÃO

DE TRATORES MULTIMARCA

 

O serviço de reparação de tratores da Reta – Serviços Técnicos e Rent-a-Cargo, S. A. registou, no último trimestre de 2014, um crescimento de 30% em faturação, relativamente ao período homólogo de 2013. Uma aposta ganha pela marca que, há um ano atrás, deu início à oferta desta atividade de mecânica de tratores, nos Centros de Assistência Técnica.

 

“Após 22 anos a trabalhar exclusivamente para o mercado de semirreboques, a Reta iniciou em 2013 a atividade reparadora dedicada a tratores e camiões multimarca, para a qual muito contribuiu a parceria firmada com DAF com o Centro de Assistência Técnica do Carregado, para a manutenção e reparação de tratores da marca holandesa. O balanço de atividade é muito positivo face ao crescimento que temos vindo a registar”, sublinha Paulo Caires, diretor de marketing.

 

Através desta estratégia, a Reta tem vindo a consolidar a posição da marca no mercado nacional, afirmando-se como líder na prestação de soluções globais para veículos pesados, disponibilizando todos os serviços num único local. Ao serviço dedicado a semirreboques, os clientes têm também à sua disposição um serviço multimarca de reparação e manutenção de tratores e camiões, com peças e acessórios das marcas DAF, e TRP (marca de peças multimarca da DAF).

 

Sobre a Reta

O core business da Reta compreende a manutenção e reparação, venda e aluguer de semirreboques e aluguer de curta duração de tratores. A empresa conta com uma rede de Centros de Assistência Técnica, estrategicamente localizados e com boas acessibilidades, nas localidades do Carregado, Vila Nova de Gaia e Perafita.

 

 

NOVO HONDA HR-V

 

NOVO HONDA HR-V COMBINA
ESTILO DINÂMICO COM ESPAÇO LÍDER-DA-CLASSE

 


 Design e versatilidade de coupé com postura robusta de um SUV
 Espaço interior versátil e líder-da-classe com elegância sofisticada
 Sistema de informação e entretenimento Honda Connect disponível de série nas versões Sport e Executive
 Sistemas Avançados de Assistência à Condução disponíveis de série nas versões Sport e Executive
A Europa vai receber o novo Honda HR-V no Verão de 2015, um modelo que representa uma proposta única no segmento Crossover: estilo dinâmico, versatilidade de um monovolume, dinâmica de condução sofisticada e divertida e ainda performances potentes e eficazes. Este novo modelo fará parte da gama de veículos Honda que demonstram a abordagem pioneira da marca às inovações tecnológicas.
O HR-V apresenta uma postura cheia de carácter, com as linhas esculpidas, distintas e arrojadas de um coupé, fundidas com a presença forte e sólida de um SUV.

No interior, o HR-V oferece um espaço líder-da-classe – graças a inovador sistema de Bancos Mágicos ® da Honda – também possui uma elevada versatilidade. Os materiais são de toque macio e de elevada qualidade, uma característica que define o habitáculo do HR-V, onde os engenheiros da Honda combinaram o espaço e a sensação desportiva num cockpit envolvente.
O novo sistema de informação e entretenimento Honda Connect, que funciona à base de aplicações (Apps) como num smartphone, é controlado por um ecrã de sete polegadas colocado no centro do tablier e permite aceder à Internet, receber notícias, informações de trânsito e actualizações do estado do tempo em tempo real, bem como utilizar serviços de música por streaming.
O novo HR-V estará disponível com um motor 1.6 litros i-DTEC diesel de 120 CV e elevadas respostas ou uma unidade de 1.5 litros i-VTEC a gasolina e 130 CV, ambos da série Earth Dreams Technologies da Honda.
O pack de Sistemas Avançados de Assistência à Condução, que recorre a uma câmara e a um radar de médio alcance, incorpora uma série de tecnologias avançadas de segurança, algumas das quais são novidade no segmento crossover.
O novíssimo Honda HR-V vai estar à venda em toda a Europa no Verão de 2015.
Linhas arrojadas e cheias de carácter de um coupé, com a postura sólida de um SUV
O novo HR-V mistura a personalidade dinâmica de um coupé com a postura robusta e sólida de um SUV, criando um veículo cheio de carácter e com uma atracção emocionante.
O formato da carroçaria e a linha do vidro traseiro que afunila na parte traseira resultam num perfil lateral dinâmico e desportivo, complementado pelos puxadores "ocultos" das portas traseiras. A linha distinta de corte abrupto que corre ao longo e que dá forma às partes laterais da carroçaria ajuda a dar ao HR-V uma presença objectiva e avançada, com uma sensação de movimento e agilidade, mesmo quando parado.
O HR-V também evoca uma presença reconfortante e robusta. Os contornos profundos dos painéis inferiores da carroçaria transmitem aquela sensação de robustez, solidez e segurança característica dos SUVs de grande porte, um aspecto reforçado pela forte orientação horizontal dos pára-choques dianteiros e traseiros.

Para além de darem ao HR-V uma identidade distinta e assumida na estrada, os designers não deixaram para trás a sua linha de identidade familiar. Por exemplo, este modelo partilha o design arrojado de "guarda-lamas fluidos" com o CR-V de 2015, em termos de grelha frontal, faróis unificados e a linha pontiaguda dos vidros traseiros.
Atrás, o HR-V dá continuidade ao estilo vivo. Os farolins traseiros afilados alargam-se para dentro da ampla porta da bagageira, na linha arrojada e esculpida dos "guarda-lamas fluidos".
Espaço interior líder-da-classe, com a versatilidade de um MPV
O novo HR-V apresenta um espaço interior líder-da-classe, com amplo volume e incrível versatilidade, colocando em evidência e trazendo, pela primeira vez, as virtudes de um MPV ao segmento Crossover.
A base do interior versátil e espaçoso do HR-V é a plataforma global da Honda para o segmento B, que incorpora soluções inovadoras em termos da disposição dos componentes. Por exemplo, o depósito de combustível de baixo perfil, montado por baixo dos bancos dianteiros, liberta o espaço por baixo dos bancos traseiros, permitindo montar o reconhecido e inovador sistema de Bancos Mágicos ® da Honda.
Cada Banco Mágico ® traseiro, com divisão 60:40 pode adoptar diversas configurações de forma a maximizar a versatilidade do habitáculo espaçoso. Em modo "Utilitário", o banco traseiro pode ser deitado para a frente e os encostos rebaixados, criando um piso longo e plano na bagageira. Em modo "Alto", os assentos dos bancos traseiros são colocados na vertical, libertando espaço do piso até ao tecto. O modo "Longo" permite rebater para a frente os encostos do banco traseiro e do passageiro dianteiro, numa posição horizontal.
Depois de sentados, todos os ocupantes beneficiam de espaços líder-de-classe para as pernas, ombros e cabeça, tanto à frente como atrás, mais comuns de encontrar nos segmentos dos veículos maiores.
Também a bagageira oferece um volume impressionante, com 453 litros de capacidade, disponíveis com os bancos em posição normal; com os bancos rebatidos, a capacidade aumenta para 1.026 litros. A ampla abertura da bagageira e a baixa altura de carga oferecem excelente acesso.

Design interior refinado e sofisticado, com materiais de qualidade, tecto de abrir panorâmico e sistema avançado de informação e entretenimento
Para os ocupantes, os designers da Honda procuraram conciliar o espaço, a solidez reconfortante com o cockpit apertado e desportivo de um coupé.
A utilização de materiais suaves ao toque, subtilmente acentuados por apontamentos cromados, oferecem um ambiente premium, com o design do tablier a combinar uma sensação de solidez com detalhes de alta qualidade, incluindo um painel em preto que destaca a sensação de interior sofisticado.
Em frente ao condutor, o painel de instrumentos tridimensional com três indicadores e respectivas molduras "flutuantes" iluminadas aumenta a sensação de qualidade. A função ECO Assist da Honda muda a cor de fundo do velocímetro de branco para verde durante uma condução mais eficiente.
A versão Executive também oferece um tecto de abrir panorâmico com abertura e inclinação de um toque. O quebra-luz deslizante, de abertura automática em conjunto com o tecto de abrir, pode ser fechado à mão para bloquear a luz do sol.

No centro do tablier, o ecrã por toque de sete polegadas do sistema Honda Connect, instalado de origem nas versões mais elevadas (Sport e Executive), permite tirar todo o partido das excelentes capacidades de ligação do avançado sistema de informação e entretenimento. A versão Comfort está equipada com um ecrã de cinco polegadas.
O sistema funciona em plataforma Android 4.0.4 e as funcionalidades de utilização são as mesmas de um smartphone desta plataforma, com acesso intuitivo e semelhante por "aperto, varrimento e toque" com os dedos sobre o ecrã. O sistema Honda Connect permite acesso rápido e fácil a todas as funções, incluindo a navegação na Internet, informações em tempo real sobre trânsito, noticiários e estado do tempo, para além das plataformas sociais e estações de música por internet. Podem instalar-se outras aplicações descarregadas do Honda App Centre, para que o utilizador possa aumentar a sua experiência online com o sistema de "infotainment", para além de estar disponível também o acesso ao sistema de navegação integrado da Garmin.
O ecrã por toque do sistema Honda Connect também apresenta as diversas informações do veículo – como, por exemplo, conta-quilómetros parciais, indicadores de consumo e tempos de viagem.
Adicionalmente, o sistema Honda Connect permite a ligação e sincronização de smartphones e outros dispositivos multimédia através de ligação MirrorLink, WiFi, Bluetooth, HDMI e USB.
Em resumo, um conjunto de funcionalidades avançadas
Tal como com todos os veículos Honda vendidos na Europa, o HR-V está equipado com uma série de tecnologias avançadas de segurança, tanto activas, como passivas.
Os sistemas compreensivos de segurança activa combinam os dados recolhidos dos sensores de radar e das câmaras de visualização dianteira e traseira. Com a excepção da versão-base, todas as outras versões estão equipadas de série com o Sistema Avançado de Assistência à Condução da Honda. Este conjunto de tecnologias inclui Assistente Inteligente à Velocidade, Sistema de Travagem Activa em Cidade, Avisador de Colisão à Frente, Avisador de Saída de Faixa, Sistema de Reconhecimento de Sinalização de Trânsito e Sistema de Suporte dos Máximos.
O sistema de travagem activa em cidade é equipamento de série no HR-V.

Adicionalmente ao equipamento completo de airbags frontais e de cortina, a carroçaria de estrutura ACE™ (Advanced Compatibility Engineering™ – Engenharia de Compatibilidade Avançada) oferece as fundações para uma excelente performance em termos de segurança passiva. Uma série de elementos estruturais ligados em rede distribui a energia da colisão por toda a frente do veículo, reduzindo as forças transferidas para dentro do habitáculo e melhorando a protecção dos ocupantes em caso de colisão frontal. A carroçaria ACE também ajuda a minimizar o potencial para situações em que outros veículos fiquem por baixo ou por cima do HR-V em caso de acidente, como é o caso de colisões frontais ou impactos descentrados com veículos de menores dimensões.
Condução envolvente com performances eficientes
Disponível na Europa apenas com tracção dianteira, o HR-V vai ser oferecido com opção por um motor i-VTEC 1.5 litros a gasolina e 130 CV, de elevadas respostas e eficácia ou uma unidade 1.6 i-DTEC diesel de 120 CV. Ambas as motorizações estão disponíveis com uma transmissão manual de seis velocidades refinada e suave; a versão 1.5 litros i-VTEC a gasolina também pode ser equipada com uma caixa automática CVT.
Estes dois motores fazem parte da série de tecnologia Earth Dreams da Honda e foram concebidos para oferecerem elevadas capacidades de resposta e eficácia, cumprindo as normas de emissões Euro 6.
As novas unidades 1.5 i-VTEC a gasolina, com 130 CV, e 1.6 i-DTEC diesel, com 120 CV,vão estar ambas disponíveis no HR-V. Ambas as motorizações estão equipadas com uma transmissão manual, e a nova unidade 1.5 a gasolina também poderá ser equipada com transmissão semi-automática CVT.
O HR-V foi concebido propositadamente para oferecer uma condução semelhante à de um veículo de 4 portas; este objectivo foi plenamente alcançado graças ao seu baixo centro de gravidade e à carroçaria de elevada rigidez e de baixo peso. Esta rigidez –resultado de cerca de 27% da estrutura da carroçaria ser em aço de elevada tenacidade – ajuda a obter uma sensação reconfortante de solidez o que, por sua vez, oferece um elevado sentimento de segurança durante a condução, com reduzido efeito de rolamento. Isto permite obter também um comportamento excepcionalmente linear, o que torna o HR-V num dos automóveis que mais confiança inspira no segmento Crossover em condução mais entusiasmada.
HR-V 1_CopyHR-V 2_CopyHR-V 3_CopyHR-V 4_Copy
O HR-V vem trazer ao segmento Crossover as performances aerodinâmicas e líderes-de-classe que faltavam, tirando partido, não só da eficiência das suas motorizações, mas também do requinte do interior, graças ao baixo ruído do vento que se sente. Para minimizar esta intrusão de ruídos da estrada, o HR-V emprega um conjunto muito eficaz de isolamento acústico. Os materiais insonorizantes no interior das cavas das rodas à frente e atrás, a alcatifa do piso e a cobertura inferior do chassis contribuem para a sensação de atmosfera descontraída que se vive no habitáculo.

 

LAND ROVER EXPERIENCE INAUGURA

 

LAND ROVER EXPERIENCE INAUGURA UM NOVO CENTRO

NO CIRCUITO INTERNACIONAL DO F1 DO BAHREIN

 

 

Mark Cameron_Jaguar_Land_Rover_Global_Brand_Experience_Director_e_Shaikh_Salman_Bin_Isa_Al_Khalifa_CEO_International_Cricuit_Bahrain_CopyRange Rover_Sport_Land_Rover_Discovery_e_Range_Rover_Evoque_no_Land_Rover_Experience_Centre_Bahrain_International_Circuit_CopyRange Rover_Sport_no__Land_Rover_Experience_Centre_Bahrain_International_Circuit_Copy

 

 

   Um vanguardista centro Land Rover Experience abre as suas portas no Circuito Internacional do F1 do Bahrein.

•    É o primeiro centro Land Rover Experience na região do Médio Oriente e Norte de África.

•    Este novo centro disponibiliza experiencias de condução únicas e personalizadas a todos os seus clientes.

 

Todos os amantes da condução fora de estrada dispõem agora de um novo centro Land Rover Experience com instalações vanguardistas para praticar e melhorar as suas capacidades ao volante na região do Médio Oriente e Norte de África. A Land Rover, o fabricante britânico de veículos todo-o-terreno Premium, inaugurou hoje o seu novo centro Land Rover Experience nesta região em parceria com o Circuito Internacional do Bahrein.

Bruce Robertson, Jaguar Land Rover Managing Director, Middle East & North Africa, declarou: “A Land Rover assumiu o compromisso de partilhar o espírito inimitável da marca com os seus clientes através de experiências de marca autênticas. Este novo Experience Centre é mais um feito do qual a Land Rover se pode orgulhar. Os clientes e fãs da marca terão mais oportunidades para experimentar os produtos da Land Rover, dado que podem aceder à nossa aprendizagem profissional de condução fora de estrada. Com os nossos centros Land Rover Experience temos como objetivo disponibilizar aos nossos clientes uma experiência única e especial. As atividades foram concebidas para superar as expectativas dos nossos clientes e para assegurar que desfrutam de uma experiência completa, dinâmica e, acima de tudo, inesquecível.”

Shaikh Salman Bin Isa Al Khalifa, Chief Executive do Circuito Internacional do Bahrein, declarou: “É com muito orgulho que o Circuito Internacional do Bahrein se associa à Land Rover e inaugura este novo e maravilhoso centro Land Rover Experience no lar da competição automóvel do Médio Oriente. Estamos orgulhosos por podermos disponibilizar algumas das experiências mais exclusivas do mundo, tanto na condução no nosso circuito permanente de Fórmula 1, competindo no nosso circuito de karts com homologação FIA de Grau A, na nossa pista de dragsters da National Hot Rod Association ou testando as suas capacidades fora de estrada neste emblemático Land Rover Experience Centre, esforçamo-nos por assegurar que as melhores atividades desportivas podem ser desfrutadas, vividas, no Circuito Internacional de Bahrein. Em conjunto, contamos com a vossa visita ao Circuito Internacional do Bahrein no futuro.”

Posicionado no coração do deserto de Sakhir, as pistas de testes da Land Rover incluem mais de 3,5 quilómetros de diversos tipos de terreno, como areia, pedras, colinas e poças de água. Existem 32 obstáculos naturais e artificiais que permitem aos convidados desfrutar de rampas inclinadas, pistas de gravilha e cursos de água enquanto avaliam as condições que os rodeiam, testam as possibilidades da tecnologia e dos seus veículos e, ainda mais importante, desenvolvem as suas capacidades ao volante dos veículos Premium com maiores capacidades do mundo.

Mark Cameron, Jaguar Land Rover Global Brand Experience Director, declarou: “Este é um complemento fantástico e pioneiro aos nossos centros Land Rover Experience, um total de 49 em 20 países diferentes. As instalações vanguardistas e os serviços internacionalmente reconhecidos do Circuito Internacional do Bahrein, complementam na perfeição as prestações dos nossos veículos e temos a certeza que este acordo irá conseguir satisfazer a procura dos nossos clientes da região do Médio Oriente e Norte de África.”

 

NASCIMENTO DO NOVO RENAULT DE TROFÉU

NASCIMENTO DO NOVO RENAULT DE TROFÉU

 

 

Eis algumas imagens do novo Renault de troféu, que esta época irá encantar largos milhares de pessoas que habitualmentere1asciimento rs01_Copyre2 Copyre3 Copyre4 Copy seguem de perto as provas de fim de semana da Renault.

 

LAMBO JE SUIS CHARLIE

LAMBORGHINI JE SUIS CHARLIE

 

Outra obra prima de um desenhadores que foi morto em Paris, por terroristas, na qual a máquina escolhida foi este Lamborghini cujo looking final ficou soberbo, conforme imagem anexa.lambohomenagemjesuischarlie Copy

 

LEXUS LF-SA EM GENEBRA

 

Estreia mundial do concept Lexus LF-SA no Salão Automóvel de Genebra 2015

LF-SA Copy

A Lexus vai revelar o seu novo concept LF-SA, na 85ª edição do Salão Automóvel de Genebra, que vai decorrer entre os dias 5 e 15 de Março.

Sendo este concept a demonstração da paixão da Lexus e indicando as novas tendências do design, o concept LF-SA representa a visão da marca num segmento no qual nunca esteve presente. Com um design disruptivo e emocional esta estreia mundial representa um importante e inovador passo para a Lexus.

Num futuro próximo, as sociedades podem ficar cada vez mais dependentes da tecnologia e das experiências virtuais, no entanto, o concept LF-SA foi desenvolvido como um veículo centrado no condutor, refletindo a visão da Lexus em que a experiência real e o contacto com a viatura vão ser dos pontos mais importantes na experiencia de interação com a marca.

O concept LF-SA vai ser revelado na conferência de imprensa Lexus, que terá lugar a 3 de março de 2015, pelas 12:30, no stand Lexus, no pavilhão 4. 

 

JAGUAR NOS LIMITES

 

IDRIS ELBA E MARTIN BRUNDLE LEVAM O NOVO JAGUAR XE AO LIMITE NO CIRCUITO DE SPA-FRANCORCHAMPS NA BÉLGICA 

#IdrisXERoadTrip


Na segunda parte de uma série de quatro filmes que documenta a viagem de Idris Elba entre Londres e Berlim, o ator e apaixonado por automóveis põe à prova a performance do novo XE 3.0 gasolina 340 CV.

Idris participa num intenso teste no circuito de Spa-Francorchamps, na Bélgica, acompanhado pela lenda da Fórmula 1, Martin Brundle.
 
O link para o segundo filme pode ser encontrado aqui: http://youtu.be/m19AARe6XuA
 
O próximo filme estará disponível a partir de 18 de fevereiro e a história final será partilhada a partir de 22 de fevereiro.

 

LINDE COM NOVIDADES

 

Linde Material Handling apresenta a sua última série de
empilhadores retráteis R14G-R20G com Rodas maciças
super-elásticas (SE)


Estes novos equipamentos caraterizam-se pela sua flexibilidade, uma vez que
podem ser utilizados tanto no exterior como no interior. A sua utilização é ideal para
setores tão diversos, como o metalúrgico, o de alimentação e bebidas, e o de
distribuição.
Alcochete, 16 de fevereiro de 2015.- Os novos modelos de empilhadores retráteis
para aplicações tanto no interior como no exterior da Linde Material Handling, já estão
disponíveis na categoria de capacidade de carga de 1,4 a 2 toneladas. Equipados com
rodas maciças super-elásticas (SE) de maior dimensão e com uma maior distância ao
solo que as versões standard, estes empilhadores podem transpor superfícies
irregulares ou molhadas. Por este motivo, são perfeitos para a carga e descarga de
camiões, assim como para a sua utilização em rampas, estantes elevadas ou em zonas
exteriores.
Esta flexibilidade faz com que estes empilhadores sejam muito interessantes, por
exemplo, para as lojas de bricolage, onde os artigos como tintas, azulejos e aparelhos
elétricos se armazenam em salas de exposição, enquanto os materiais de construção,
os equipamentos de jardinagem e as plantas têm o seu espaço em estantes exteriores.
Noutros setores, incluídos os distribuidores de produtos alimentares e de bebidas, os
fornecedores de serviços de distribuição, os fabricantes de materiais de construção e
as empresas nas indústrias do metal, são necessários empilhadores retráteis robustos,
para evitar conexões adicionais entre o seu armazém e as zonas de receção e envio de
mercadorias. Na verdade, a utilização destes empilhadores no envio e receção de
mercadorias aumenta a sua produtividade.
Os novos empilhadores retráteis R14G-R20G da Linde dispõem de rodas de carga com
diâmetros de até 458 mm, rodas maciças super-elásticas e uma distância inferior ao
solo de 168 mm. Além disso, têm um chassis mais amplo que compreende entre 1.398
e 1.458 mm, assim como uma maior largura entre braços de carga e uns braços de
suporte mais largos. O operador pode aceder de forma confortável à posição elevada
do assento, e ter o controlo ideal da carga, graças a um encosto adicional no chassis.
Em superfícies irregulares, a particular suspensão da unidade de tração e o assento
com suspensão pneumática ajustável em altura beneficiam o operador. A posição
ajusta-se de forma automática para uma suspensão ideal do assento durante a
condução, em função do peso do operador. No mesmo sentido, os novos elementos
amortecedores separam o posto de trabalho do resto do chassis, o que proporciona
uma proteção adicional ao operador contra impactos e solavancos. Equipados com um
4148 4628_BX21_Copy
motor de tração de 6,5 kW, os empilhadores retráteis alcançam velocidades de tração
máximas de 14 km/h.
Disponíveis em três modos de rendimento diferentes, estes também oferecem uma
opção entre a máxima capacidade de manuseamento da carga e o mínimo consumo
energético. Além disso, dispõem também de numerosas opções, por exemplo, os
mastros de inclinação resistentes à torsão podem ser standard ou triplex. Ambas as
versões oferecem ao condutor uma ampla visão através do mastro, que pode elevar a
carga até 7.700 mm de altura.
Outra caraterística opcional é a proteção ambiental. A versão básica tem uma cabina
instalada com vidro de segurança frontal no sentido do mastro. Outra possível
configuração é equipar o empilhador com vidros adicionais nas laterais, e a versão com
proteção completa que vem com uma porta envidraçada, luzes em cabina e pára-brisas
traseiro e frontal aquecidos, assim como um pára-choques na porta. Todas as versões
da cabina de temperatura ambiental dispõem de um teto de vidro blindado de 28 mm
de série e, em função do modelo, contam com limpa pára-brisas em todos os vidros. A
porta com proteção contra correntes de ar é outra das caraterísticas opcionais.
Inclusivamente sem vidros, isto garante um maior conforto, uma vez que protege as
pernas do operador de desagradáveis correntes de ar.

 

EIS O NOVO SKODA FABIA PARA RALIS

EIS O NOVO SKODA FABIA PARA RALIS

 

 

Eis algumas imagens do novo Skoda fabia, que irá defender as côres da marca checa, nos diferentes camopeonatos de ralis onde participa.fabia1-emtestes Copyfabia2 Copyfabia3 Copyfabia4 Copy

 

NOVO CITROEN DS 5

 

novo ds 5: A INCARNAÇÃO DA MARCA DS

Estilo vanguardista, comportamento dinâmico, requinte e atenção ao detalhe e escolhas de tecnologias high tech, o novo DS 5 tem todos os atributos dos modelos DS da actualidade e do futuro. O navio almirante da DS inaugura a identidade da Marca e apresenta a nova zona frontal e outras evoluções que o tornam num DS!

 

Da grelha verticalizada e esculpida com o logótipo DS ao centro, aos faróis Xenon Full LED, do ecrã táctil de última geração, às motorizações performantes, entre outras, são tantas as novidades inerentes ao novo DS 5 que se ultrapassa tudo aquilo que o tornou num automóvel notável, como a sua silhueta inédita, o seu design exterior e interior fora do comum (requinte no mínimo detalhe e posto de condução do tipo cockpit).

Da Europa à China, o DS 5 marcou os espíritos de todos. O novo DS 5 eleva a fasquia ainda mais alto com uma nova secção frontal, mantendo o estilo de vanguarda, o requinte e a atenção ao detalhe, um comportamento dinâmico e sereno digno de um DS e tecnologias topo de gama ao serviço do design e das prestações. Em resumo, um automóvel magnetizante!

Apresentado em estreia mundial no Salão de Genebra de 2015, este modelo será comercializado a partir de Junho de 2015 na Europa.

«O novo DS 5 é mais que um novo automóvel. É o DS que lança toda a nossa identidade como Marca. Sessenta anos após o DS original, o novo DS 5 encerra todo o ADN da DS e permite-nos, principalmente, afirmar alto e bom som o nosso objectivo: renovar com o topo de gama francês!» – Yves Bonnefont, CEO da DS.

 


 

14BB16 JPG_Copy14BB17 JPG_Copy14BB22 JPG_Copy

UMA NOVA FRENTE PARA UMA NOVA MARCA

«Qualificado de ‘concept car’ rolante, o DS 5 é uma criação única, com um estilo simultaneamente expressivo e hipnótico. Para o novo DS 5 quisemos preservar os pontos fortes – e bastante identificativos – do DS 5, reforçando os códigos DS. O exemplo mais emblemático situa-se, nomeadamente, ao nível da frente!» Thierry Metroz, Director de Design DS.

Elemento incontornável de todas as viaturas premium é a secção frontal! A frente do novo DS 5 oferece um estatuto ainda maior e mais carácter, com uma verdadeira grelha verticalizada arvorando orgulhosamente o emblema DS – as DS Wings, num piscar de olho ao DS original – e adopta novos faróis.

Para reforçar esta nova frente perante todos os olhares, a grelha DS Wings de forma hexagonal ostenta um design único, esculpido e gráfico. O seu contorno cromado sublinha a sua elegância e prolonga-se por duas abas luminosas no interior dos projectores.

Tal como os DS 3 e DS 3 Cabrio, o novo DS 5 adopta a nova assinatura luminosa da Marca, com novos projectores que associam as tecnologias LED e Xénon a novos indicadores de direcção digitais e progressivos. Trabalhados como jóias salientes, estes projectores contribuem fortemente para a identidade da frente, oferecendo uma qualidade de iluminação,  e são, sobretudo, uma ilustração do requinte e da atenção dada a cada detalhe no DS! Lançados no DS 3 em Julho do ano passado, os mesmos passarão a fazer parte de todas as frentes dos futuros modelos DS.

 

UM DESIGN VANGUARDISTA

Esta nova frente – abrangendo a grelha, faróis e entradas de ar laterais – vai ao encontro do estilo vanguardista da viatura. De frente, de perfil ou de traseira, o novo DS 5 tem uma silhueta reconhecível entre as demais propostas.

De perfil, há um elemento que concentra todas as atenções e assina o estilo exterior, o sabre cromado afilado que evolui da ponta do projector aos vidros dianteiros.

 

 

 

Visto de traseira, o novo DS 5 reforça ainda mais as suas dimensões, fruto das vias muito largas. Dimensões sublinhadas pelas duas saídas de escape integradas no difusor traseiro. Em complemento, uma assinatura composta por seis guias de luz que contribui, também, para acrescentar valor à secção traseira.

 

UM OBJECTO ASSUMIDAMENTE TECNOLÓGICO

«O DS 5 é, desde o início, uma outra interpretação para a expressão ‘premium’. Uma viatura diferente das restantes, como que inclassificável! Para mim, é o encontro entre o requinte e a tecnologia. Duas palavras-chave que fazem todo o sentido neste novo DS 5! Porque, tal como acontece nas marcas ‘premium’, as evoluções situam-se nos detalhes!» – Eric Apode, Director de Produtos & Desenvolvimento da Marca DS.

 

Um posto de condução do tipo Cockpit

O universo interior do novo DS 5 relembra-nos o mundo da aeronáutica. O tejadilho do tipo cockpit é, porventura, o elemento mais simbólico. Este tecto dividido em três fluxos de luz cria um ambiente luminoso inédito e pessoal, tanto de dia como de noite. O posto de condução foi concebido verdadeiramente em redor do condutor, tendo os principais comandos agrupados em duas consolas centrais, uma baixa e uma no tejadilho, sob a forma de botões de pressão e toggles switches específicos, tudo sempre inspirado na aeronáutica.

 

Um ecrã táctil para uma ergonomia simplificada... e novos serviços de conectividade

A experiência de condução high tech continua graças ao ecrã táctil a cores, integrado no novo DS 5.

Este novo sistema permite um acesso fácil a todas as funcionalidades do automóvel (desde a navegação à música) e simplifica a ergonomia do habitáculo interior (por exemplo, são menos 12 os botões na consola central).

Este ecrã de última geração permite, também, a operação da funcionalidade New Mirror Screen, ou seja, a duplicação dos conteúdos do smartphone, para um melhor aproveitamento de todas as suas funcionalidades, em segurança.

Para assegurar segurança e serenidade, o novo DS 5 beneficia, igualmente, dos conteúdos da DS Connect Box, com o Pack SOS & Assistance, sistema percursor que permite a realização de chamadas automáticas de emergência e a assistência localizada da viatura, com o envio de socorros adequados na eventualidade de um problema. Até ao presente são mais de 230 000 os DS equipados com este sistema em circulação pela Europa.

E para garantir níveis adicionais de conforto e segurança, são agora propostos novos packs:

  • Pack Monitoring: guia de manutenção virtual (quilometragem automática e alertas de intervenções de manutenção), eco-condução (conselhos personalizados com base no estilo de condução detectado) e relatório de utilização (que sintetiza a utilização do veículo);

 

 

  • Pack Mapping: localização do veículo, exibição dos trajectos e informações sobre a utilização do veículo em caso de empréstimo;
  • Pack Tracking: geolocalização do veículo em caso de roubo.

Finalmente, o novo DS 5 inaugura o MyDS, uma aplicação móvel compatível com iOS/Androïd. Uma aplicação que tem como objectivo acompanhar o cliente nas suas deslocações (antes, durante e após a condução) e oferecer-lhe serviços intuitivos e inovadores. Através dela, o cliente tem todas as informações relativas ao seu veículo, os seus privilégios e as ofertas específicas a todos os clientes DS.

 

Uma riqueza de equipamentos que aliam segurança e conforto

Em paralelo, o novo DS 5 não esquece os equipamentos de ponta, grande parte disponível desde o primeiro nível de equipamento.

A vigilância de ângulo morto (SAM) junta-se, assim, à oferta de equipamento já composta pelo alerta de transposição involuntária de faixa com câmara (AFIL); pela comutação automática dos máximos, projectores direccionais que, associados às luzes estáticas de intersecção, optimizam a iluminação da estrada; pela ajuda ao arranque em plano inclinado; pelo controlo de trajectória e anti-patinagem inteligente; pela câmara de marcha-atrás; e pelo sistema de head-up display. São pelo menos 10 os equipamentos de segurança disponíveis no modelo.

O conforto não foi esquecido, com bancos com regulação eléctrica e função de massagem com memória, o acesso e arranque em modo mãos livres (ADML), incluindo às portas traseiras, retrovisores exteriores aquecidos, retrovisor interior electrocromático, iluminação ambiente e de acolhimento, climatização automática bi-zona, sistema HiFi DENON, etc.

Da segurança ao conforto, o novo DS 5 oferece um elevado nível de prestações ao seu condutor e respectivos passageiros.

 

Motores sempre com melhores performances

O novo DS 5 possui as mais recentes motorizações do Grupo PSA. Da gasolina ao Diesel, o conjunto de motores propostos no DS 5 oferece potência (dos 120 aos 210 cv) e respeito pelo ambiente (entre 3,8 l/100 e 4,3 l/100 km nos Diesel). Sem esquecer a cadeia de tracção Híbrida 4x4: 90g/km de CO2, para um consumo médio de 3,5 l/100 km em ciclo misto. O conjunto destas performances coloca o novo DS 5 ao nível das melhores propostas dos seus concorrentes do segmento premium.

Desde o seu lançamento, o cliente tem à escolha entre cinco motores Euro 6, plenos de garra e também de suavidade, cobrindo uma faixa de binário que varia dos 240 aos 400 Nm. Uma oferta que se verá enriquecida, a partir do final do ano de 2015, por uma motorização de 210 cv, o THP 210 S&S CVM6.

 

 

  • O motor THP 165 S&S EAT6

Dotado da caixa automática de seis velocidades da última geração (passagem mais rápidas, melhor eficácia, diminuição da fricção interna, etc…), o DS 5 THP 165 S&S tem um consumo, em ciclo misto, de 5,9 l/100 km e reivindica emissões de CO2 de 135 g/km, ou seja, um ganho de 30 g/km ou de 18% (em ciclo misto e em relação ao bloco THP 155 Euro 5).

Com uma pressão de injecção máxima de 200 bar e a tecnologia Stop&Start (com sistema de arranque reforçado), este motor debita uma potência máxima de 121 kW (165 cv CEE) às 6.000 rpm, característica de uma notável agradabilidade de condução desde os baixos e médios regimes.

 

No capítulo Diesel, o novo DS 5 beneficia de uma nova geração de motorizações Diesel chamada BlueHDi. Através destas, atingem-se performances de elevado nível com consumos e emissões de CO2 particularmente reduzidas! Estes resultados são atingidos graças ao trabalho realizado no próprio motor (melhoria de rendimento, revestimento tipo Diamond Like Carbon, redução das perdas mecânicas…) e graças a uma linha de escape inovadora e eficiente.

A característica inovadora e única desta linha de escape reside num alinhamento preciso de diferentes tecnologias: o módulo SCR (Selective Catalytic Reduction), posicionado frente ao filtro de partículas aditivado, é o único sistema de pós-tratamento capaz de reduzir até 90% as emissões de NOx, ao mesmo tempo que diminui em 4% as emissões de CO2.

 

  • O motor BlueHDi 120 S&S CVM6

O bloco BlueHDi 120 S&S CMV6 apenas poderia resultar numa motorização performante em termos de consumos e de emissões de CO2 e também de binário. Os números falam por si: 3,8 l/100, 100 g/km de CO2, um binário de 300 Nm. Com estes resultados, o novo DS 5, equipado com este motor, torna-se numa referência face à concorrência no segmento D. No segundo semestre de 2015 este motor ver-se-á associado a uma caixa automática de seis velocidades. A garantia de um prazer eficiente.

  • O motor BlueHDi 150 S&S CVM6

Mais um motor para o qual o novo DS 5 é referência no seu segmento (em motorizações equivalentes) em valores de binário, consumos e emissões: o BlueHDi 150. Esta motorização de 2,0 litros HDi 150 reivindica um consumo de 4,4 l/100 e emissões de 103 g/km de CO2, ou seja, um ganho de 7 g/km em relação ao bloco HDi 160. Também o binário máximo progride face à anterior geração (HDi 150 Euro 5), elevando-se a 370 Nm às 2.000 rpm.

  • O motor BlueHDi180 EAT6

A motorização BlueHDi 180 procura um compromisso de alto nível, graças à sua potência (133 kW) e ao seu binário máximo (400 Nm às 2000 rpm). A integração de um novo turbo de geometria variável, o aumento das pressões de sobrealimentação e as das pressões de combustão, permitem incrementar a potência do DS 5 BlueHDi 180 em 20 cv relativamente à geração anterior. Mais, este novo motor está equipado com árvores de cames de equilibragem para assegurar um nível de conforto acústico e de vibrações esperado neste nível de gama.

 

Resultados: o DS 5 BlueHDi 180 EAT6 alia performance – com uma taxa de emissões de CO2 e de consumos ao melhor nível do segmento (110 g/km de de CO2 e uma média de 4,3 l/100) – e agradabilidade de condução (binário de 400 Nm).

  • O híbrido Diesel Hybrid4x4

Modelo que serviu de lançamento da tecnologia Hybrid Diesel, o novo DS 5 contará sempre com esta cadeia de tracção, associando as performances estradistas do motor Diesel HDi à eficácia da propulsão eléctrica. Com o Hybrid 4x4, as sensações de condução são enérgicas (200 cv, 4 rodas motrizes, circuito urbano em modo elétrico, função boost em aceleração), as emissões de CO2 muito reduzidas (90 g/km) e consumos de 3,5 l/100 km, representando menos 3 litros em utilização urbana.

O Hybrid 4x4 permite uma condução multimodo. Graças a um selector situado na consola central, o condutor pode escolher entre quatro modos de funcionamento: Auto, Zero Emission Véhicle (ZEV), 4 rodas motrizes (as rodas da frente com o motor térmico e as traseiras com o motor elétrico) e Sport (utilização máxima do motor elétrico em combinação com o motor térmico).

 

O REQUINTE E A ATENÇÃO DO DETALHE, VALORES CHAVE DA DS

Seja no exterior ou no interior, as linhas mestras do DS assumem-se como o requinte e a atenção ao detalhe. Verdadeiro porta-estandarte, o DS 5 beneficia agora do melhor savoir-faire da Marca. Uma atenção particular foi dada a cada detalhe! Prova disso é o próprio símbolo DS ao nível dos projectores dianteiros, resultando numa criação única.

O detalhe na DS traduz-se, igualmente, pela utilização de materiais autênticos, como o alumínio nas estruturas das portas, metal na alavanca da caixa de velocidades ou ainda o couro. Materiais autênticos que são aperfeiçoados de forma exclusiva e única, à imagem da confecção Bracelet de Montre do banco em pele.

O novo DS 5 é, para além disso, uma das raras viaturas a propor três tipos de couro, nomeadamente o nappa pleine fleur e o semi-aniline, um dos mais belos couros do mundo, raramente usado na indústria automóvel. Um em cada cinco DS 5 vendidos conta com esta confecção Bracelet de Montre em couro semi-aniline.

Novo DS 5 representa, também, nova decoração do interior! Também estreia uma nova personalização interior, com bancos em couro Nappa em dois tons - preto e azul safira - de confecção bracelet de relógio e inserções metalizadas do monograma DS nas portas e na consola central.

Finalmente, será proposta uma nova cor desde o lançamento, um azul encre, um tom subtil que realça ainda mais a identidade da viatura e a sua elegância.

 


 

 

UM COMPORTAMENTO DINÂMICO E SERENO

Na estrada, o novo DS 5 alia dinâmica à serenidade. As ligações ao solo evoluíram desde o lançamento, a fim de melhorar o conforto. Para tal, os amortecedores foram dotados da tecnologia PLV (Preloaded linear valve), para limitar o rolamento da carroçaria e assegurar uma melhor linearidade de passagem em esforço. Paralelamente, os seus pontos de ataque foram aumentados. Desta forma, o novo DS 5 absorve melhor as irregularidades da estrada e vê o seu conforto notavelmente melhorado pela redução das vibrações e dos ruídos.

 

 

TT EM ANGOLA

 

CARR

CAMPEONATO ANGOLANO DE RALI/RAID

2015

 

 

ACTUALIZADO EM 20.01.2015

REGULAMENTO

 

 

Organização do Campeonato:

Artigo 1º - A EKUIPA Lda. em colaboração com os seus patrocinadores, e com os organizadores das provas promove em 2015 uma manifestação desportiva reservada, denominada Campeonato Angolano de Rali/Raid – CARR 2015 a qual se regerá pelas Prescrições Especificas de Rali/Raid a divulgar antes da primeira prova, pelos Regulamentos da FADM (Federação Angolana de Desportos Motorizados) e pelo presente Regulamento.

O presente Regulamento foi submetido à FADM e às Associações Provinciais de Desportos Motorizados de Luanda, Kwanza Sul, Namibe, Benguela e da Huíla para homologação.

 

1º Englobados no CARR 2015, serão disputados os seguintes Campeonatos:

Campeonato Angolano de Rali/Raid – Condutores                                     M

Campeonato Angolano de Rali/Raid – Condutores                                      Q

Campeonato Angolano de Rali/Raid – Condutores                                      E

Campeonato Angolano de Rali/Raid – Condutores                                     TT

Campeonato Angolano de Rali/Raid – 2ºs Condutores                               TT

 

2º O CARR só terá efectividade desde que se realizem, no mínimo, seis das provas referidas no Artigo 2º.

 

Artigo 2º - As competições que contam para o CARR 2015 são as que constam do quadro seguinte:

 

MES

DATA

PROVA

ORGANIZAÇÃO

 

 

 

 

Março

7 e 8

Namibe

APDM Namibe

Abril

11 e 12

Luanda

EKUIPA

Maio

1 a 3

Quilengues

EKUIPA

Junho

20 e 21

Benguela

Grupo AA/EKUIPA

Julho

18 e 19

2 Horas Longa

EKUIPA

Setembro

5 e 6

Lobito

Angola 100 Trilhos

Outubro

3 e 4

Kuito - Bié

EKUIPA

Outubro/Novembro

30/31 e 1/2

Kwanza Sul

EKUIPA

 

Artigo 3º - Definição dos Campeonatos Angolanos de Rali/Raid

Todas as 8 provas mencionadas no artigo 2º serão pontuáveis, mas segundo os termos definidos nos artigos 7º, 9º e 10º do presente regulamento.

 

Veículos Inscritos:

Artigo 4º - 1º Os Campeonatos são reservados para Condutores com veículos das seguintes classes:

M – Motos de qualquer cilindrada

Q – Quads de qualquer cilindrada.

E – Buggys, UTVs com ou sem turbo, e outros com motor de mota com caixa de velocidades manual ou automática ou motor de carro.

TT – Carros, carrinhas e jeeps com motores diesel e a gasolina sem distinção de cilindrada

2º Será criado um passaporte técnico onde será definido as características técnicas. Será obrigatório a sua apresentação nas verificações técnicas de cada prova.

 

Artigo 5º - Números de competição

1º Os concorrentes ao formalizarem a sua inscrição no CARR 2015 poderão fazer a escolha do seu número de competição que terá validade para todo o ano nos diversos ralis.

2º A colocação dos números de competição é da responsabilidade dos concorrentes.

3º Em caso de escolha do mesmo numero a organização do CARR promoverá um encontro para se chegar a um consenso.

 

Artigo 6º - Concorrentes e pilotos

1º Serão admitidos a este Campeonato, exclusivamente, os pilotos detentores de licença desportiva emitida pela FADM para o ano de 2015.

2º Nas Classes E e TT é autorizada a participação a “SOLO”.

 

 

 

Artigo 7º - Inscrição no Campeonato:

1º Para a participação nas competições todos os Condutores têm que efectuar previamente a sua inscrição oficial no CARR 2015, através do preenchimento e entrega do respectivo “Boletim de Inscrição no CARR 2015”, acompanhado da correspondente liquidação da “Taxa de Inscrição no Campeonato”, a qual terá os seguintes valores:

A-     Inscrição até 28 de Fevereiro de 2015                                             kz  25.000

B-     Inscrição efectuada após 28 de Fevereiro de 2015                         kz  40.000

2º Também os 2ºs Condutores para a classe TT têm que efectuar previamente a sua inscrição oficial no CARR 2015, através do preenchimento e entrega do respectivo “Boletim de Inscrição no CARR 2015”, acompanhado da correspondente liquidação da “Taxa de Inscrição no Campeonato”, a qual terá os seguintes valores:

        A - Inscrição até 28 de Fevereiro de 2015                                           kz  15.000

        B - Inscrição efectuada após 28 de Fevereiro de 2015                                   kz  25.000

3º Para efeitos de inscrição no CARR 2015, a entrega dos boletins de inscrição deverá ser efectuada junto da EKUIPA (Promotora do CARR 2015) através do endereço electrónico: Este endereço de e-mail está protegido de spam bots, pelo que necessita do Javascript activado para o visualizar e o pagamento da Taxa de Inscrição do Campeonato para o BFA em nome da EKUIPA conta nº 50166630, IBAN AO06 0006 0000 50166630 30160.

4º Deverá ser enviada uma foto digital tipo passe para a emissão de um cartão de identificação de inscrição no CARR 2015.

 

Artigo 8º - A Taxa de Inscrição em cada prova não deverá exceder os kz 25.000.

 

Artigo 9º - Classificação

1º Em cada competição do CARR 2015, os concorrentes referidos no artigo 3º e tendo em atenção o disposto no artigo 6º do presente regulamento, obterão os seguintes pontos, consoante o lugar que lhes couber na classificação da sua classe respectiva:

20 pontos

17 pontos

15 pontos

13 pontos

12 pontos

                     11 pontos

                     10 pontos

9 pontos

8 pontos

10º

7 pontos

11º

6 pontos

12º

5 pontos

13º

4 pontos

14º

3 pontos

15º

2 pontos

16º

1 ponto

 

Nota: Todos os restantes concorrentes classificados a partir do 17º lugar (inclusive) obterão igualmente 1 (um) ponto.

2º Sendo assim possível obter na totalidade das provas que integram o CARR 2015 um máximo de 8 (oito) pontuações, para efeitos de pontuação final do CARR 2015, serão considerados em relação a cada piloto apenas um máximo de 7 (sete) pontuações, eliminando-se, no caso de se registarem as 8 pontuações, a pior pontuação obtida.

 

Artigo 10º -

1º No Campeonato Angolano de Rali/Raid, uma prova só será pontuável, se alinharem à partida um mínimo de 15 (quinze) veículos de todas as classes.

2º Para ser classificado no Campeonato, um concorrente deverá ter participado num mínimo de 5 provas do CARR 2015.

3º Se não houver nenhum concorrente com um mínimo de 5 pontuações, o respectivo Campeonato será considerado nulo e de nenhum efeito.

Em todos as classificações finais do Campeonato Angolano de Rali/Raid 2015, eventuais casos de igualdade de pontuação serão resolvidos da seguinte forma:

a) Em função do maior numero de primeiros lugares, segundos lugares, terceiros lugares, etc., obtidos pelos Condutores nas classificações das provas em que participaram e que serviram para constituir o respectivo total de pontos.

Ex.: um 7º lugar na classificação de uma prova valerá mais do que um qualquer número de 8º lugares; um 8º lugar na classificação de uma prova valerá mais do que um qualquer número de 9º lugares; e assim sucessivamente.

b) No caso de mesmo assim se manter o empate, o desempate far-se-á pela melhor classificação obtida na primeira prova do respectivo Campeonato

 

Artigo 11º - Em todas as competições integradas no CARR, é obrigatório o cumprimento das normas de segurança impostas no Anexo I a este Regulamento. 

 

Classificações Finais – Prémios

Artigo 12º - Aos pilotos que somarem maior número de pontos na classificação geral absoluta, nos termos dos artigos 3º, 7º e 9º e seus parágrafos, será atribuído o título de Campeão de Angola de Rali/Raid. Aos classificados em segundo e terceiro lugares, serão atribuídas taças.

Artigo 13º - Os prémios dos Campeonatos Angolano de Rali/Raid 2015 só serão entregues aos pilotos que se apresentem pessoalmente na cerimónia de “Gala dos Campeões” (para a qual serão expressamente convidados).

 

Reclamações – Apelos – Modificações:

Artigo 14º - Todos os casos não previstos neste regulamento, assim como todas as eventuais dúvidas originadas pela sua interpretação, serão analisados e decididos pela EKUIPA e/ou pela FADM.

 

Artigo 15º - Qualquer modificação ao presente regulamento, e depois de validada pela FADM, será introduzida no texto regulamentar em caracteres destacados “BOLD” e no topo do texto surgirá a menção : “ACTUALIZADO EM (DATA)”.

A validade de tais alterações terá efeitos imediatos a partir da data constante nessa referência e da sua consequente divulgação via correio electrónico.1 Helder_Daniel_Copy2 Clio_Sousa_Copy3 Celso_Francisco_CopyCalendrio Definitivo_Copy

 

NOVO RANGE ROVER EVOQUE

 

PRIMEIRAS IMAGENS DO RANGE ROVER EVOQUE 16MY

 

 

L538 16MY_Teaser_Image_Copy

 

 

•    O  Range Rover Evoque 16MY estreia novo design atrativo dos seus faróis dianteiros.

•    É o primeiro Land Rover que oferece faróis adaptativos com tecnologia FULL LED.

•    A primeira fotografia publicada hoje revea a última geração do modelo com mais sucesso da Land Rover.

 

A Land Rover revela hoje o primeiro detalhe do novo Range Rover Evoque 16MY, deixando antever o novo e apelativo design dos faróis dianteiros do modelo de maior êxito da história da Land Rover.

O Range Rover Evoque 16MY será o primeiro Land Rover que vai contar com faróis adaptativos com a tecnologia FULL LED quando haja a sua estreia no próximo dia 3 de março, durante o Salão Automóvel de Genebra. Esta potente tecnologia oferece uma capacidade de iluminação superior em condições de baixa visibilidade, seguindo a trajetória da estrada, e é facilmente reconhecível pelo novo design gráfico dos faróis.  

Gerry McGovern, Design Director e Chief Creative Officer da Land Rover, diss que “o nosso desafio era melhorar o Evoque sem diluir o seu design icónico. Esta atualização dá-lhe mais presença na estrada e mantém o design apelativo que o tornou num êxito , agradando a mais de 400 mil clientes em todo o mundo.”

O Range Rover Evoque 16MY conserva o seu característico design exterior e inclui novas motorizações, equipamento de segurança e conforto e melhorias no habitáculo.

Os detalhes completos do Range Rover Evoque 16MY serão revelados no próximo dia 23 de fevereiro.

 

LADA VESTA EM TESTES EM FRANÇA

LADA VESTA EM TESTES EM FRANÇA

 

 

A marca russa encontra-se em França a testar o novo vesta, que ao que tudo indica, poderá não alinhar na primeira corrida do WTCC, a ter lugar no inicio de Março na Argentina.Nestes testes, estiveram os tres pilotos da equipa com destaque para Rob Huff e James Thompson.LADAVESTAEMTESTESFRNACA Copy

 

LUCROS CRESCEM NA NISSAN

 

NISSAN COM CRESCIMENTO DE 39% NO LUCRO OPERACIONAL NOS PRIMEIROS NOVE MESES DO ANO FISCAL DE 2014

 

 

NISSAN COM CRESCIMENTO DE 39% NO LUCRO OPERACIONAL NOS PRIMEIROS NOVE MESES DO ANO FISCAL DE 2014

  • Receitas crescem 11% nos primeiros nove meses do exercício
  • O resulto líquido cresce 23,6% face a igual período do exercício transacto
  • Nissan revê em alta a previsão de lucros, para 3 mil milhões de euros no exercício fiscal 2014, que terminará a 31 de Março próximo

A Nissan Motor Co., Ltd. anunciou uma melhoria dos resultados financeiros para os primeiros nove meses (Abril a Dezembro de 2014) do seu ano fiscal, devido às sólidas vendas nos EUA, a eficiências de custos e aos movimentos monetários favoráveis, que contribuíram para um resultado líquido de 338,8 mil milhões de ienes (2,4 mil milhões de euros), um crescimento de 23,6% face ao período homólogo anterior.


 

Imagens Relacionadas

Imagens Relacionadas

 

BERLINGOPARA DESPORTOS DE NEVE

 

CITROËN BERLINGO MOUNTAIN VIBE CONCEPT:

PARA A PURA EVASÃO

O novo CITROËN BERLINGO será apresentado no dia 3 de Março no Salão de Genebra, mas alguns dias antes do modelo se revelar na sua versão de série, ele desvenda-se sob os traços de um concept car pleno de optimismo e de energia: o CITROËN BERLINGO MOUNTAIN VIBE CONCEPT. Adornado com reforços de carroçaria e acessórios para a descoberta da natureza, por montes e vales, e pronto a atingir todos os cumes, o BERLINGO MOUNTAIN VIBE CONCEPT é o parceiro ideal para os amantes do desporto ao ar livre e da liberdade.

 

No Salão de Genebra, o novo CITROËN BERLINGO irá declinar-se numa versão enérgica e lúdica. Convidando a viver intensamente cada instante, o MOUNTAIN VIBE CONCEPT sugere, antes de mais, a natureza, os prazeres e a alegria de aproveitar uma vida plena de sensações e de elementos práticos. Fresco e funcional, ele abre as portas a todas as hipóteses de evasão e de liberdade.

 

Pelo seu design exterior audacioso, o BERLINGO MOUNTAIN VIBE CONCEPT suscita o desejo de percorrer as estradas mais ousadas. Numa verdadeira assinatura, as linhas que definem a carroçaria convidam a sair dos caminhos de terra batida e a enfrentar as encostas. Este grafismo original, sobre um rosa brilhante baptizado de Pink, associa-se perfeitamente à pintura Mountain Green da carroçaria, formando uma dupla de cores simultaneamente suave, fresca e optimista.

 

O estilo exterior do BERLINGO XTR é complementado por reforços das cavas das rodas e das embaladeiras. Os seus pneus estão equipados com correntes para neve em cor-de-rosa e as barras no tejadilho revestidas por uma mousse Pink. O conjunto confere-lhe uma aura aventureira alegre, moderna e tecnológica. Equipado com a função Grip Control, facilmente o imaginamos a trepar pelas montanhas da Suíça, a sua volumosa bagageira repleta de equipamento para o lazer na alta montanha, para uma escalada, snowboard ou passeios na neve.

 

No interior, os bancos da frente e os três assentos independentes na 2.ª fila estão revestidos com um tecido técnico LIBERIA com inserções cinza chiné e ornado com costuras Pink, surgindo integrados numa decoração interior sóbria e elegante. O toque colorido dos painéis ilumina o habitáculo e reforça o carácter de convívio do BERLINGO MOUNTAIN VIBE CONCEPT.

 

Os passageiros irão apreciar a luminosidade e a vista para o mundo exterior permitidas pelo tejadilho vidrado Modutop® e o generoso vidro traseiro com abertura.

 

Prático e astucioso, o BERLINGO MOUNTAIN VIBE CONCEPT oferece vitalidade e frescura ao Novo CITROËN BERLINGO, referência de um espaço lúdico em contínua renovação. A bordo, a evasão e o prazer dão o tom, para gerar recordações inesquecíveis.

 034 B9_GNVA_Copy

 

TOM TOM LANÇA NOVO MAPA

TomTom Lança Novo Mapa Input Tracker

É agora possível partilhar o feedback de mapas de forma mais rápida através de qualquer dispositivo conectado.

A TomTom (TOM2) lançou o seu Mapa Input Tracker API, um novo mapa que surge como ferramenta de feedback que as empresas podem facilmente integrar nos seus produtos e serviços. O API permite que o consumidor final partilhe o feedback do mapa de forma rápida através do seu smartphone, tablet, computador portátil ou dispositivos móveis de navegação, contribuindo para a manutenção de mapas de alta qualidade.

“Com o lançamento do nosso novo Mapa Input Tracker API, damos aos utilizadores a oportunidade de partilhar o feedback do mapa a partir de qualquer dispositivo que esteja conectado, onde quer que estejam”, diz Charles Cautley, Mananging Director TomTom Maps. “Este API permite à TomTom encurtar o tempo entre a deteção de mudanças no mundo real e a atualização do mapa do utilizador”.

A TomTom é líder global em cartografia inteligente e uma das primeiras marcas a recorrer ao crowd sourcing para detetar alterações nos mapas. O lançamento do Mapa Input Tracker API, combinado com o recente lançamento do MultiNet-R, revela que a TomTom está apta para disponibilizar mapas atualizados em tempo real e de alta qualidade para os utilizadores, de forma mais rápida que qualquer outra empresa de mapeamento no mercado.



TomTom
 

REVOLUÇÃO NOS PNEUS?

«Alto e estreito», o pneu do futuro

Os fabricantes de pneus têm vindo a trabalhar num novo conceito de rodas.

A revolução dos veículos elétricos não é apenas nos seus motores. Os pneus utilizados foram igualmente adaptados às características de motores. Os fabricantes de pneus têm trabalhado num novo conceito de rodas chamado "Tall and Narrow”, "alto e apertado". Assim, temos o exemplo da BMW I3, que tem rodas de 19 ou 20 polegadas e uma largura que recorda os carros de tempos mais antigos. Para além das medidas também mudam os componentes, onde se procura o máximo de equilíbrio entre aderência, durabilidade e menor resistência à rodagem para otimizar o consumo de energia.

Por isso, é muito provável que no futuro, as rodas altas e estreitas se tornem comuns nos pneus, como os que vemos agora nos carros de gama média-alta.



Renault-EOLAB-Concept
 

KUMHO TYRE APOIA EQUIPA DE FUTEBOL

Kumho Tyre torna-se parceira do FC Schalke 04

Esta parceria decorrerá até ao final da época 2016/17.

O novo ano tem um início bem sucedido para o FC Schalke 04: O clube tomou um passo adiante e importante para a sua internacionalização e expandiu o seu portfólio de patrocínios mais uma vez a uma empresa de topo internacional.

O clube participante na Liga dos Campeões e a fabricante de pneus Kumho Tyre da Coreia do Sul acordaram uma parceria que irá decorrer até ao final da temporada 2016/17 e inclui uma opção para mais um ano de colaboração.

A Kumho Tire Company, com sede em Seul, foi fundada em 1960 e hoje é um dos principais fabricantes de pneus do mundo, vendendo mais de 60 milhões de pneus, com um volume de negócios anual de mais de três bilhões de euros.



Kumho
 

SKF PRESENTE

SKF presente no evento VSM - Romafe Business Match day

No passado dia 28 de Janeiro de 2015, a equipa VSM da SKF Portugal teve o prazer de participar no “Business Match Day”, evento realizado pelo Distribuidor Auto Romafe, S.A.

Neste evento a Romafe levou os seus convidados a assistir ao jogo para a Taça da Liga, Futebol Cube do Porto vs Académica de Coimbra.

Para além das equipas da Romafe e da SKF, o evento contou com a presença de mais de 50 clientes Auto que dão preferência à marca SKF e privilegiam a parceria com a Romafe. Antes do jogo, os convidados tiveram à sua disposição um buffet, após o qual foi feita uma pequena apresentação por parte de ambas as empresas, sendo que durante o intervalo, foram galardoados dois dos clientes da Romafe, o cliente mais antigo e o cliente com maior volume de compras em material Auto da SKF, prémios que foram entregues por Ignacio Conde Responsável de Marketing e Pricing do VSM da SKF a nível Ibérico e Carlo Covini, Director do VSM da SKF da região Europa Sul, também eles presentes, juntamente com a equipa de VSM Portugal da SKF.

O evento contou também com a presença do piloto do carro Fórmula Ford, patrocinado por ambas as empresas em 2015, Diogo Sousa, cujo carro se encontrou exposto durante o evento.



Romafe
 

VULCO APRESENTA PLANOS

Vulco apresenta planos de futuro na convenção anual

A profissionalização e a geração de negócio são os principais focos da estratégia da rede.

A Vulco, a rede de oficinas parceira da Goodyear Dunlop especializada em pneus e mecânica rápida, apresentou novidades, planos e estratégias para 2015 durante a convenção anual, um evento que reuniu membros da rede de Portugal e Espanha. Nesta convenção, que teve lugar no Hotel Meliá Castilla de Madrid no passado dia 31 de janeiro, estiveram presentes mais de 300 associados pertencentes à rede de oficinas.

A Goodyear Dunlop voltou a mostrar o forte compromisso com a Vulco através da presença da equipa de direção da empresa, encabeçada pelo diretor geral Mitchell Peeters, que partilhou a jornada com os membros da rede.

Durante o evento, a direção da Vulco e da Goodyear Dunlop apresentou um amplo portefólio de atividades destinadas a trabalhar em dois eixos fundamentais: a profissionalização da rede, através de ferramentas orientadas para aumentar a competitividade dos centros e a geração de negócio como base para aumentar a faturação dos mesmos.

Em Portugal, durante o ano de 2014 a Vulco conseguiu alargar a sua rede com a incorporação das oficinas Rodaporama, PneuRubras e Pneus da Cidade, permitindo assim um impulso nos planos de expansão da rede que conta, atualmente, com um total de 247 oficinas em Portugal, Espanha, e Andorra.

Alberto Villarreal, diretor da rede Vulco, destacou durante a convenção que “os planos de expansão e reforço da rede baseiam-se em critérios de profissionalização, qualidade de serviço e atuação em todas as áreas geográficas, como acontece agora na zona noroeste de Espanha graças ao acordo com o Grupo Salco”.

A convenção anual de 2015 teve como tema Hits 2015 - Êxitos de um grande grupo e terminou com um jantar no Círculo de Belas Artes, que incluiu a atuação do grupo Too Pack, durante o qual as 300 pessoas presentes puderam trocar opiniões e falar animadamente.



CONVENÇÃO VULCO 2015 (1) CONVENÇÃO VULCO 2015 (2)
 

ESTUDO CURIOSO DAS PME

13% das PME portuguesas preocupadas com catástrofes naturais e imprevisibilidade meteorológica

2ª Edição Estudo “PME: Riscos e Oportunidades”.

As catástrofes naturais e a imprevisibilidade meteorológica estão entre os riscos que mais preocupam as Pequenas e Médias Empresas (PME) nacionais, com 13% dos empresários a indicarem esta opção na terceira fase da edição 2014 do Estudo PME: Riscos e Oportunidades, promovido pela Companhia de Seguros Zurich junto de CEOs, proprietários, Diretores-Gerais e Financeiros e Chefes de Operações de PME de 19 países. Face à mesma questão colocada em 2013, o número de empresários que encaram estes riscos como um dos principais para o seu negócio cresceu 5%, colocando este indicador entre os que mais aumentaram.

Os riscos relacionados com catástrofes naturais e imprevisibilidade meteorológica podem relacionar-se com outros dados fornecidos pelo mesmo estudo, que apontam para uma preocupação relativamente a falhas na cadeia de abastecimento, e transportes/ danos nos veículos das empresas (ambos os riscos apontados por 15% dos empresários questionados).

“Podemos confirmar através deste estudo que os empresários portugueses estão mais sensíveis aos riscos provocados por eventos externos relacionados com o clima adverso. Em Portugal, temos tido alguns exemplos nos últimos anos de como este fator pode impactar a vida das pessoas e, por conseguinte, os negócios, pelo que é natural que as PME estejam mais sensíveis a encarar a gestão do risco como um vetor fundamental no seu planeamento de negócio. Quanto mais preparados estiverem os empresários menos impacto irão sofrer”, explica Artur Lucas, Diretor de Desenvolvimento de Soluções de Mercado da Zurich em Portugal.

Os riscos relacionados com as catástrofes naturais e imprevisibilidade meteorológica cresceram 5% a par dos riscos tecnológicos, que subiram 5%, atingindo agora 7%. Apesar dos empresários se revelarem preocupados com os riscos tecnológicos (falhas na área das TI), o cibercrime mantém-se nos 4%, não sofrendo qualquer alteração face à primeira edição do estudo.

Apesar do peso que as questões climatéricas ganharam, a segunda edição do estudo “PME: Riscos e Oportunidades” indica também que a concorrência e o dumping de preços (31%) e a quebra no consumo e o overstocking (29%) continuam a ser as principais preocupações dos empresários nacionais.

Ainda no âmbito nacional destaca-se a descida acentuada do roubo como um risco para o negócio: de 2013 para 2014, o roubo desceu 10% nas preocupações das PME portuguesas, colocando este indicador nos 22%. Por outro lado, o risco de incêndio subiu 4%, colocando-se agora nos 7%. A corrupção mantém-se sem alterações, nos 8%.

Geografia altera perceção dos riscos
Na maioria dos países da Europa, o maior risco identificado pelas PME é a concorrência e o dumping de preços com impacto nas margens de lucro dos empresários (24% a 43%). A quebra no consumo e o overstocking são outras das principais preocupações para os europeus. O roubo fecha o top 3 dos riscos identificados, apesar deste indicador ter descido nas prioridades neste ano.

Curiosamente, a quebra no consumo não está entre os dois principais riscos na Alemanha e na Áustria, onde é a preocupação com a segurança e saúde dos colaboradores e dos clientes que assume preponderância.

Internacionalmente, o cibercrime é um dos riscos percecionados como menos importantes, apesar desta preocupação ter duplicado desde 2013. Na Malásia, por exemplo, a cibercriminalidade é encarada como o terceiro maior risco pelas PME, enquanto na Turquia é a quarta preocupação.

Por outro lado, as empresas na América do Sul estão, em geral, mais preocupadas com os roubos, com exceção do Brasil que está mais focado nos problemas fiscais e legais (16%), nas falhas na cadeia de abastecimento (18%) e nos incêndios (17%).

No Médio Oriente e em África, as preocupações relativamente às falhas na cadeia de abastecimento em Marrocos (25%) e na Turquia (24%) elevaram a média regional para os 17%, colocando-o cima dos riscos relacionados com a segurança.

Da mesma forma, as preocupações da Ásia-Pacífico sobre catástrofes naturais e meteorologia imprevisível em Hong Kong (28%) e Taiwan (34%) elevaram a média regional para 21%.

Comparando com outros países, a corrupção é um risco considerado mais importante para as PME a operar na África do Sul (16%), México e Marrocos (ambos 13%). A preocupação com a corrupção aumentou moderadamente em quase todos os países comparando com o ano de 2013, com exceção da Suíça onde o aumento foi mais destacado (de 0 para 12%).

Em Outubro de 2014, a Zurich divulgou a segunda fase da segunda edição do Estudo PME: Riscos e Oportunidades, que concluía que apenas 13% das PME portuguesas apostam na exportação para mercados estrangeiros como forma de desenvolverem o seu negócio, sendo a redução de custos e de despesas a prioridade absoluta para 32% das PME.

A 2.ª edição do estudo “PME: Riscos e Oportunidades” foi aplicada pela Gfk em 19 países através da realização de 3.800 entrevistas telefónicas a CEO, CFO, Diretores-Gerais e Chefes de Operações no verão de 2014. Em Portugal foram realizadas 200 entrevistas, a maioria das quais (42%) a CEO das empresas.



CATAS
 

NISSAN E NASA JUNTAS

 

NISSAN E NASA DESENVOLVEM JUNTAS A PRÓXIMA GERAÇÃO DE VEÍCULOS DE CONDUÇÃO AUTÓNOMA

 

 

NISSAN E NASA DESENVOLVEM JUNTAS A PRÓXIMA GERAÇÃO DE VEÍCULOS DE CONDUÇÃO AUTÓNOMA

 

A Nissan Motor Co., através da sua organização Norte Americana, e a NASA anunciaram a formação de uma parceria de investigação e desenvolvimento para os próximos cinco anos com o objectivo de desenvolver os sistemas de veículos autónomos e preparar a aplicação comercial desta tecnologia.  

Investigadores do U.S. Silicon Valley Research Center da Nissan e do Ames Research Center da NASA em Moffett Field, Califórnia, vão concentrar-se nos sistemas de condução autónoma, soluções de interface homem-máquina, aplicações de rede e análise e verificação de software, com base em hardware e software sofisticados utilizados na estrada e no espaço.


Imagens Relacionadas

Imagens Relacionadas

 

GM PORTUGAL MUDA DE INSTALAÇÕES

 

A General Motors Portugal estará a funcionar em novas instalações a partir da próxima segunda-feira, dia 16 de Fevereiro.

Os novos escritórios situam-se no edifício adjacente ao atual e permitem que a empresa volte a aglutinar num único espaço todas as operações Opel de Vendas, Pós-Venda, Marketing e Distribuição.

 

O novo endereço postal é:

     Quinta da Fonte

     Edifício Gil Eanes, Piso 3

     2770-192 Paço de Arcos

 

À exceção do endereço postal, mantêm-se inalterados todos os contactos de todos os departamentos, nomeadamente números de telefone e endereços de e-mail.

 

TOM TOM LANÇA NOVOS SERVIÇOS

 

TomTom lança o serviço Traffic na Grécia, Hungria e Eslováquia

 

A TomTom (TOM2) anuncia a extensão dos seus serviços até à Europa Central e Oriental com o lançamento do TomTom Traffic na Grécia, Hungria e Eslováquia. A partir de hoje são 46 os países que têm acesso à informação de trânsito à escala mundial através do TomTom Traffic.

“O congestionamento de trânsito é um problema para muitos países, incluindo a Grécia, Hungria e Eslováquia” afirmou Ralf-Peter Schäfer, Responsável da Divisão de Trânsito na TomTom. “O lançamento do TomTom Traffic possibilita que os condutores, a indústria automóvel e os governos combatam de uma forma concreta o congestionamento de trânsito nos seus mercados. O nosso objetivo é ser o líder no fornecimento de serviços de informação de trânsito em todos os mercados onde operamos.”

Os níveis de congestionamento de trânsito na Grécia estão entre os mais elevados na Europa. De acordo com os dados TomTom Traffic, em Atenas um percurso habitual demora mais 30 minutos a ser percorrido durante a hora de ponta. Já em Budapeste, em hora de ponta, o percurso atrasa 26 minutos.

A indústria automóvel na Eslováquia cresceu em 2014, com um número estimado de 970 mil carros fabricados*. Volkswagen, Kia e Peugeot fabricam carros na Eslováquia, tornando este mercado num dos principais do mundo na produção de carros per capita.

Nota aos editores: *http://www.cei.int/node/1767/6825

 

Países com TomTom Traffic

­1

Andorra

16

Hungria

31

Rússia

46

Cidade do Vaticano

2

Austrália

17

Irlanda

32

São Marino

 

 

3

Áustria

18

Itália

33

Arábia Saudita

 

 

4

Bélgica

19

Lesoto

34

Singapura

 

 

5

Brasil

20

Liechtenstein

35

Eslováquia

 

 

6

Canadá

21

Luxemburgo

36

África do Sul

 

 

7

Chile

22

Malásia

37

Espanha

 

 

8

China

23

Malta

38

Suécia

 

 

9

República Checa

24

México

39

Suíça

 

 

10

Dinamarca

25

Mónaco

  40

Taiwan

 

 

11

Finlândia

26

Holanda

41

Turquia

 

 

12

França

27

Nova Zelândia

42

Tailândia

 

 

13

Alemanha

28

Noruega

43

Reino Unido

 

 

14

Gibraltar

29

Polónia

44

Estados Unidos

 

 

15

Grécia

30

Portugal

45

Emirados Árabes Unidos

 

 

 

Siga a TomTom Portugal:Traffic coverage_TomTom_Copy

 

NISSAN QASHQAI NO MAIS SEGURO

 

O NISSAN QASHQAI É O AUTOMÓVEL FAMILIAR MAIS SEGURO SEGUNDO O EURO NCAP 2014

 

 

O NISSAN QASHQAI É O AUTOMÓVEL FAMILIAR MAIS SEGURO SEGUNDO O EURO NCAP 2014

 

  • O Nissan Qashqai obteve o melhor resultado entre os automóveis familiares nos testes de segurança Euro NCAP 2014
  • O resultado surge no seguimento de um ano de hat-trick do construtor - o Nissan X-Trail e o Pulsar receberam também cinco estrelas
  • O Qashqai foi particularmente destacado no seu excepcional desempenho nos testes de protecção de crianças e adultos
  • As inovadoras tecnologias do Escudo de Protecção Nissan no novo Qashqai decisivas na qualidade de segurança

O Nissan Qashqai é o automóvel familiar mais seguro disponível no mercado, de acordo com a organização de testes independente Euro NCAP. O galardoado crossover obteve mais pontos de segurança do que qualquer outro automóvel da sua classe testado ao longo de 2014, graças a um conjunto de novas e inovadoras características de segurança, incluindo o Escudo de Protecção da Nissan.


Imagens Relacionadas

Imagens Relacionadas

Comunicados Relacionados

Comunicados Relacionados

CINCO ESTRELAS EuroNCAP PARA O NOVO NISSAN QASHQAI

Fev 26, 2014 | ID: 115837

 

QUER VER DE PERTO UM MERCEDES DO DTM?

QUER VER DE PERTO UM MERCEDES DO DTM?

 

Pois é caro leitor, por acaso estará interessado em ver de p+erto um dos Mercedses que participou no DTM? Então é fácil, só tem de se deslocar atè à concessão da C.santos, ali bem junto ao aeroporto francisco Sá carneiro no Porto - Maia.Assim é só dar uma saltada a esta concessão e poder ver de perto, o carro que Winkelhock conduzui nesta competição.MERC1 CopyMERC2 Copy

 

COMPARAÇÃO

COMPARAÇÃO

 

Foi esta a imagem, que os defensores dop Circuito da Boavista colocaram no facebook, relativo à vinda para a cidade do Porto, duma jornada do Mundial de Motonautica.COMPARAO Copy

 

AUTOCARROS MERCEDES NA LIDERANÇA

 

Autocarros Mercedes-Benz lideram vendas em 2015

 

  • Liderança da EvoBus com 100% do mercado acima das 8 toneladas: 45 autocarros matriculados;
  • Mercedes-Benz Tourismo – Modelo vocacionado para o turismo lidera as vendas entre os construtores de autocarros;
  • Mercedes-Benz Chassis OC 500 – Pela economia e rentabilidade, o chassis preferido pelos transportadores portugueses;
  • 100% de penetração no segmento Turismo;
  • 100% de penetração no segmento Urbano.

 

Com 45 viaturas matriculadas em 2015, a Daimler Buses iniciou o ano com uma clara liderança e uma forte penetração no mercado Português de autocarros (>8T). Neste segmento, a Mercedes-Benz matriculou 44 autocarros e 1 unidade da marca premium Setra.

 

Recorda-se que, em 2014, e pelo 5º ano consecutivo, a Mercedes-Benz foi a Marca com mais matrículas registadas no mercado nacional. Em 2015, com toda a gama renovada e a cumprir a norma Euro VI, a Mercedes-Benz oferece ainda mais economia e rentabilidade, materializadas entre outras inovações na redução de consumos e no significativo alargamento de kms entre revisões, garantindo-se assim a mais elevada rentabilidade.

 

Para além da liderança global nacional em 2014, a Mercedes-Benz assumiu igualmente o topo das vendas de Chassis, com o novo chassis OC 500 RF Euro VI mas também a liderança de matrículas de autocarros originais, com o campeão de vendas Tourismo, facto que se repetiu em janeiro de 2015, o que augura interessantes desafios para a Marca.

 

Mais informações sobre os autocarros Mercedes-Benz em:

www.mercedes-benz.pt/buses ou www.evobus.ptTourismo K_Copy

 

AUDI COMPRA PATENTES

 

Audi compra patentes de células de combustível à Ballard Power Systems

 

Audi A7h_tron_Copy
• Acordo de desenvolvimento com a Ballard prorrogado até 2019
• Prof. Hackenberg, Diretor de Desenvolvimento da Audi: "todo o Grupo VW irá utilizar essas patentes."
Azambuja, 12 de fevereiro de 2015 - A Audi AG adquiriu um conjunto de patentes relacionadas com a tecnologia de células de combustível à empresa Ballard Power Systems Inc. Além disso, o Grupo Volkswagen ampliou a sua cooperação com esta empresa canadiana de energia limpa até 2019.
A compra dessas patentes dará um novo impulso para o desenvolvimento de sistemas de células de combustível à Audi, VW e ao Grupo Volkswagen. Conforme explicou o Prof. Dr. Ulrich Hackenberg, Membro do Conselho de Administração para o Desenvolvimento Técnico da Audi AG e responsável pela direção dos departamentos de desenvolvimento de todas as marcas do Grupo VW: "a Audi adquiriu essas importantes patentes estrategicamente para o todo grupo e irá torná-las disponíveis para todas as marcas. Desta forma, estamos a assegurar uma patente crucial que irá dar um novo impulso para o desenvolvimento desta tecnologia ".
A Ballard Power Systems Inc. está sedeada em Burnaby, no Canadá, e é uma das empresas líderes mundiais na tecnologia de membrana de troca de protões em células de combustível. A Ballard fornece produtos de energia limpa que reduzam os custos do cliente e os riscos, e ajuda os mesmos a ultrapassar os difíceis desafios técnicos e de acordos de negócios nos seus programas de células de combustível.

O Grupo Audi vendeu 1.591.100 veículos da marca Audi até novembro de 2014, ultrapassando o volume total registado em 2013 (1.575.500). Um dos modelos de maior sucesso – o Audi A3 - foi premiado com o título de “World Car of the Year 2014“ por um júri internacional de jornalistas (consumo de combustível médio em l/100 km: 7,1-3,2; emissões de CO2 de 165-85 g/km). A Companhia registou uma receita bruta de € 49.9 mil milhões e um lucro operacional de € 5.03 mil milhões em 2013. A Audi está presente em mais de 100 mercados e produz veículos em Ingolstadt e Neckarsulm (Alemanha), Györ (Hungria), Bruxelas (Bélgica), Bratislava (Eslováquia), Martorell (Espanha), Kaluga (Rússia), Aurangabad (Índia), Changchun (China) e Jacarta (Indonésia). A marca dos quatro anéis produz veículos também em Foshan (China) desde dezembro de 2013, bem como em São José dos Pinhais (Brasil) a partir de 2015 e em San José Chiapa (México) a partir de 2016. Subsidiárias integrais da Audi AG incluem a quattro GmbH (Neckarsulm), Automobili Lamborghini SpA (Sant'Agata Bolognese / Itália) e o fabricante de motos desportivas Ducati Motor Holding S.p.A. (Bolonha / Itália). O Grupo emprega mais de 80.000 colaboradores em todo o mundo, incluindo 55.800 na Alemanha. O investimento total estimado é de cerca de € 24 mil milhões entre 2015 e 2019 - principalmente em novos produtos e na ampliação e na sustentabilidade de novas tecnologias. Paralelamente, a Audi faz jus à sua responsabilidade corporativa estabelecendo como estratégia o princípio da sustentabilidade para os seus produtos e processos de produção. O objetivo final é o de alcançar níveis neutros de CO2 em termos de mobilidade.

 

NOVO SITE DA AUDI

 

Imagem mais moderna e dinâmica, maior interatividade

 


Audi novo_site_Copy O novo site da Audi já está online. Com uma homepage, moderna e com uma imagem em linha com a do configurador, onde predomina o branco, o novo site reforça o carácter Premium e inovador da nossa Marca.
Mais intuito e com inúmeras funcionalidades poderá aceder ao novo site no endereço www.audi.pt. Além de uma consulta pormenorizada de toda a gama de modelos da Audi, poderá aceder a vários Microsites, Serviços, História e Experiência Audi. Ao mesmo tempo, poderá ter acesso às mais recentes notícias da Marca, à lista de concessionários, configurador Audi, loja de acessórios e Audi Advantage plus (lista de usados, campanhas, etc.) como ainda estabelecer o link ao site internacional da Marca. O novo site reforça o carácter Premium e inovador da nossa Marca.
- Fim –
O Grupo Audi vendeu 1.591.100 veículos da marca Audi até novembro de 2014, ultrapassando o volume total registado em 2013 (1.575.500). Um dos modelos de maior sucesso – o Audi A3 - foi premiado com o título de “World Car of the Year 2014“ por um júri internacional de jornalistas (consumo de combustível médio em l/100 km: 7,1-3,2; emissões de CO2 de 165-85 g/km). A Companhia registou uma receita bruta de € 49.9 mil milhões e um lucro operacional de € 5.03 mil milhões em 2013. A Audi está presente em mais de 100 mercados e produz veículos em Ingolstadt e Neckarsulm (Alemanha), Györ (Hungria), Bruxelas (Bélgica), Bratislava (Eslováquia), Martorell (Espanha), Kaluga (Rússia), Aurangabad (Índia), Changchun (China) e Jacarta (Indonésia). A marca dos quatro anéis produz veículos também em Foshan (China) desde dezembro de 2013, bem como em São José dos Pinhais (Brasil) a partir de 2015 e em San José Chiapa (México) a partir de 2016. Subsidiárias integrais da Audi AG incluem a quattro GmbH (Neckarsulm), Automobili Lamborghini SpA (Sant'Agata Bolognese / Itália) e o fabricante de motos desportivas Ducati Motor Holding S.p.A. (Bolonha / Itália). O Grupo emprega mais de 80.000 colaboradores em todo o mundo, incluindo 55.800 na Alemanha. O investimento total estimado é de cerca de € 24 mil milhões entre 2015 e 2019 - principalmente em novos produtos e na ampliação e na sustentabilidade de novas tecnologias. Paralelamente, a Audi faz jus à sua responsabilidade corporativa estabelecendo como estratégia o princípio da sustentabilidade para os seus produtos e processos de produção. O objetivo final é o de alcançar níveis neutros de CO2 em termos de mobilidade.

 

ATENÇÃO LEITORES

ATENÇÃO A TODOS OS LEITORES

 

 

SEgundo o semanário EXprtesso desta semana sobre o assunto das scuts, reproduzimos na integra o mesmo, que merece uma análise profunda.

 

 

Portagens nas SCUT são ilegais Comissão Europeia ameaça Portugal!

 

 

Comissão Europeia ameaça levar o Estado português a tribunal se não alterar as normas que violam o direito comunitário no que respeita às cobranças nas antigas autoestradas “Sem Custo para os Utilizadores”. Especialistas afirmam que parecer é válido para todas as SCUT.

de 2012
Comissão Europeia deu provimento à queixa da Câmara de Aveiro contra o Estado português acerca da introdução de portagens nas ex-SCUT
Comissão Europeia deu provimento à queixa da Câmara de Aveiro contra o Estado português acerca da introdução de portagens nas ex-SCUT / Rui Duarte Silva
A cobrança de portagens nas antigas SCUT é ilegal, considera a Comissão Europeia que ameaça Portugal com um processo no Tribunal Europeu de Justiça caso a situação não seja reposta.

A Comissão reage assim à queixa apresentada, em novembro de 2010, pela Câmara Municipal de Aveiro que defende que a introdução de portagens nas ex-SCUTS é “uma injustificada violação do princípio da livre circulação de pessoas e uma flagrante violação do princípio da não discriminação em razão da nacionalidade”.

Perante os factos, a Comissão Europeia deu provimento à queixa da autarquia contra o Estado português, acerca da introdução do sistema de cobrança de portagens nas antigas autoestradas “Sem Custo para os Utilizadores”, que atravessam o concelho de Aveiro – A17, A25 e A29.

Parecer válido para todas as SCUT

Em comunicado, a Câmara de Aveiro adianta que Bruxelas solicitou “um pedido de esclarecimento junto do Governo português e, na insuficiência da resposta dada pelas autoridades nacionais, o envio formal de um parecer fundamentado pedindo mais explicações e documentação que justificasse a legislação aprovada, o seu sentido e alcance, e as derrogações que a mesma introduz ao ordenamento jurídico europeu”.

A Comissão Europeia acabou por considerar que a cobrança de portagens nas antigas autoestradas “Sem Custo para os Utilizadores” é ilegal e alerta que se Portugal não alterar as normas que violam o direito comunitário, enviará o caso para o Tribunal de Justiça da União Europeia.

Para Ricardo Oliveira, sócio da PLMJ da Área de Prática de Direito Europeu e da Concorrência, o parecer de Bruxelas deverá ter o mesmo impacto em todas as SCUT, uma vez que “a legislação em causa é de caráter geral, embora a Comissão deva presumivelmente estar mais preocupada com as SCUT que sejam mais utilizadas por cidadãos de outros Estados membros que se desloquem a Portugal, em particular as próximas da fronteira com Espanha”.

O especialista disse ao EXPRESSO que a Comissão pode tentar uma ação junto do Tribunal de Justiça da União Europeia (TJUE) para aplicação de uma coima, mas sublinha que Portugal não terá que devolver verbas comunitárias para as autoestradas, uma vez que “não há alegação de que esses fundos tenham sido mal utilizados”.

Por outro lado, Gonçalo Anastácio, da SRS advogados, explicou ao EXPRESSO que se a ação der entrada no TJUE, o processo poderá demorar dois ou três anos a ser decidido.

Qualquer Estado-membro pode atuar

“Mas se a Comissão optar por não intentar a acção junto do TJUE, sempre seria possível outro Estado-membro fazê-lo, por exemplo, a vizinha Espanha), embora tal seja muito raro e excecional”, acrescenta o advogado.

A Câmara de Aveiro garante que “continuará a acompanhar este processo e a desenvolver as diligências que se mostrem adequadas a suprir as ilegalidades em que assenta o sistema de portagens introduzido nas ex-SCUTS, não excluindo a adoção de novas iniciativas junto dos responsáveis pela Comissão Europeia com o pelouro dos transportes e junto de eurodeputados portugueses no Parlamento Europeu”, conclui em comunicado.

Fonte: Jornal Expresso

 

FORD ACELERA INVESTIGAÇÃO

 

Ford Acelera Investigação Sobre Fibra de Carbono para Impulsionar a Inovação na Tecnologia de Fabricação

  • Ford anuncia uma nova e significativa colaboração no desenvolvimento de inovações na fabricação com fibra de carbono na indústria automóvel

 

  • Ford e DowAksa farão parte do ‘Institute for Advanced Composites Manufacturing Innovation’ criado pelo governo dos EUA

 

  • A inovação permite acelerar a investigação da Ford e desenvolvimento de fibra de carbono em grandes quantidades e um menor custo; pode ajudar a reduzir o peso dos veículos, aumentar a eficiência em termos de consumos de combustível sem sacrificar a resistência

 

  • O mês passado, a Ford apresentou o novo Ford GT, o supercarro no qual se empregou de forma generalizada materiais leves, incluindo a fibra de carbono

 

 

FordF150 CopyFordLightweightConcept-2 Copy A Ford Motor Company anunciou uma nova e significativa colaboração para o desenvolvimento de inovações na fabricação com fibra de carbono na indústria automóvel para aplicação em produtos futuros.

 

A Ford e a DowAksa estão a impulsionar uma investigação conjunta para desenvolver técnicas de fabricação em grandes volumes. O objectivo é conseguir produzir veículos mais leves que permitam um consumo mais eficiente, melhor rendimento e competência.

 

Ambas as companhias formarão parte do recentemente constituído ‘Institute for Advanced Composites Manufacturing Innovation’, criado pelo governo dos EUA. O instituto é parte de uma maior rede nacional para a inovação na fabricação, a ‘National Network for Manufacturing Innovation’ apoiada pelo Departamento de Energia dos EUA.

 

“A nossa colaboração com a DowAksa e a participação nesta organização, potencia de forma significativa o que somos capazes de alcançar,” disse Ken Washington, vice presidente de Investigação e Engenharia Avançada da Ford. “Temos uma verdadeira aliança com pessoas com enorme talento que trabalham para levar os materiais da indústria automóvel para o nível seguinte.”

 

A missão do instituto e o objectivo da colaboração da Ford com a DowAksa – uma joint-venture a 50/50 entre a The Dow Chemical Company e a Aksa Akrilik Kimya Sanayii A.Ş. – é superar o elevado custo e a disponibilidade limitada da fibra de carbono, através do desenvolvimento de um processo de fabricação viável para grandes volumes.

 

“Esta oportunidade tem por base o actual acordo de desenvolvimento conjunto entre a Ford e a Dow Chemical e acelera o nosso cronograma para introduzir compósitos de fibra de carbono para aplicações de elevado volume”, disse Jim deVries, gestor global de Investigação de Materiais de Fabricação da Ford. “Esta colaboração ajuda-nos a impulsionar os nossos esforços para criar materiais compostos mais leves no sector da indústria automóvel que beneficiarão os nossos clientes graças a um mais eficiente consumo de combustível sem sacrificar a resistência.”

 

A Ford e a Dow Chemical começaram a trabalhar em conjunto em 2012 para desenvolver compósitos de fibra de carbono em grande volume a um menor custo. Também em 2012, o Centro de Investigação e Inovação da Ford Europa em Aachen, Alemanha, investigou novos processos de produção para reduzir os tempos de ciclo para os componentes de fibra de carbono através do projecto de investigação Hightech.NRW.

 

Os engenheiros em Aachen trabalham de maneira conjunta com os seus colegas nos EUA numa grande variedade de projectos que envolvem materiais avançados e fibra de carbono, incluindo investigação sobre corrosão e análises de fadiga por corrosão em juntas com metais suportando o uso de elementos de fibra de carbono no reforço de peças plásticas em carroçarias de materiais mistos.

 

“A tecnologia e a experiência em fabricação da DowAksa ajudarão de forma efectiva a superar as barreiras no acesso ao uso de compostos de fibra de carbono em grandes volumes em aplicações no sector automóvel,” afirmou Douglas Parks, membro do conselho de administração da DowAksa e um dos principais participantes na fundação do ‘Institute for Advanced Composites Manufacturing Innovation’. “O novo instituto proporciona uma plataforma colaborativa que impulsionará os nossos progressos.”

 

Os compósitos de fibra de carbono há décadas que são usados na aviação e em veículos de competição porque oferecem uma grande resistência com um peso extremamente baixo. É possível criar componentes específicos com propriedades de resistência à medida, tornando-os tão rígidos ou flexíveis de acordo com o necessário para uma determinada aplicação.

 

A Ford apresentou no mês passado o novo Ford GT, o supercarro que utiliza extensivamente materiais leves, incluindo fibra de carbono e alumínio, permitindo uma aceleração e condução excepcionais com uma eficiência melhorada. Com uma ampla aplicação de elementos estruturais em fibra de carbono, o GT exibirá uma das melhores relações peso/potência de qualquer veículo de produção.

 

“O nosso objectivo é desenvolver um material que pode reduzir em grande medida o peso do veículo o que permitirá melhorar a eficiência dos consumos aos nossos clientes,” assegurou Patrick Blanchard, supervisor do Grupo de Compósitos da Ford. “A flexibilidade da tecnologia permite-nos desenvolver materiais para todos os subsistemas de veículos ao longo de toda a nossa gama de produtos. Isto permite poupar peso em mais de 50 por cento em comparação com o aço.”

 

A criação de veículos mais leves é uma parte importante do Plano de Sustentabilidade da Ford para reduzir o consumo de combustível e as emissões. Entre os produtos actuais que aplicam esta filosofia de redução de peso está o Ford Fiesta que utiliza aço de boro de baixo peso. A nova Ford F-150 aplica liga de alumínio de alta resistência que se utiliza no sector militar, para ajudar na redução do peso total até 300kg, o que devolve uma melhoria a nível dos consumos de combustível estimada na ordem dos 29 por cento, em ciclo combinado, dependendo do motor e da transmissão, juntamente com os melhores rácios de capacidade de carga e reboque da sua classe.

 

O Ford Lightweight Concept Fusion aplicou materiais leves tais como alumínio, aço de elevada resistência, magnésio, compósitos e fibra de carbono em quase todos os sistemas do veículo para reduzir o peso do mesmo ao equivalente a um Fiesta, uma redução de cerca de 25 por cento. As conclusões retiradas a partir deste ‘concept’ permitirá catapultar a tecnologia de baixo peso a escalas de produção muito maiores.

 

A Ford e a DowAksa estão também a trabalhar conjuntamente na redução da energia necessária para produzir componentes em fibra de carbono, na redução do custo das matérias-primas e no desenvolvimento dos processos de reciclagem.

 

PNEUS DA CIDADE, É PARCEIRO VULCO

 

Pneus da Cidade é o novo parceiro Vulco

A Vulco volta a apostar na expansão ibérica e apresenta o novo associado em Portugal: a oficina Pneus da Cidade. Esta oficina de manutenção automóvel especializada sediada na freguesia de Pedrouços, Concelho da Maia, está no ativo desde 1996 e dedica-se ao comércio e serviços de pneus. Há quase 20 anos que dispõe de uma equipa especializada e equipamento moderno, com garantia de qualidade e sinceridade. A Pneus da Cidade assume-se assim como um player importante no mercado e um parceiro estratégico para a Vulco atingir os seus objetivos de expansão este ano no nosso país.

 

Alberto Villareal, diretor da rede Vulco, afirma que “Não poderíamos estar mais satisfeitos com esta nova parceria. A Pneus da Cidade é uma referência na região norte de Portugal e será sem dúvida uma mais valia para o crescimento da rede Vulco. É uma casa com quase duas décadas de experiência com a qual nos identificamos inteiramente por apostar na evolução e inovação de produtos e serviços desde sempre”.

 

 

 

 

 

Sobre a Vulco

Presente em 2 Continentes, a rede Vulco é composta por 191 pontos de venda em Espanha, 33 em Portugal e mais de 2000 na Europa. O rápido desenvolvimento fundamentado na gestão moderna, qualidade de serviço e compromisso com o cliente, tem por objetivo fornecer o melhor serviço e obter os mais altos níveis de satisfação.

 

 

Para mais informações sobre a Vulco visite o site www.vulco.pt ou as páginas do Facebook e Twitter.

 

 

 

Sobre a Goodyear

A Goodyear é uma das maiores empresas de pneus do mundo. Emprega perto de 69 mil pessoas e produz os seus produtos em 52 unidades de produção em 22 países a nível global. Os seus dois Centros de Inovação em Akron, nos EUA, e Colmar-Berg, no Luxemburgo, procuram desenvolver produtos e serviços topo de gama que estabelecem um padrão de tecnologia e desempenho para o setor.

 

 

Para mais informações sobre a Goodyear e os seus produtos visite www.goodyear.com e a página do Facebook.

  20150117 163116_1_Copy

 

MUITAS NOVIDADES DA OPEL EM GENEBRA

Opel estreia Opel OnStar, KARL e Corsa OPC em Genebra

No Salão Internacional do Automóvel, em março

 

  • Lançamento este ano: Opel OnStar maximiza conetividade do automóvel;
  • Estreia mundial do KARL, o modelo de entrada na gama Opel;
  • Estreia mundial da variante OPC de alta ‘performance’ da nova geração Corsa;

A Opel prepara-se para abrir um novo caminho em matéria de serviços de informações e de segurança a bordo de automóveis. Depois de ter anunciado em 2014 planos para trazer o sistema OnStar para a Europa, o fabricante vai revelar no Salão Internacional de Genebra, já no início do mês de março, detalhes sobre os serviços. A ligação em rede móvel de alta velocidade fará parte do sistema, disponível em toda a gama de modelos Opel. Como prova da renovação que está a operar em toda a sua linha de produtos e de motores, a Opel apresenta também em estreia mundial o novo modelo de entrada na gama, o KARL. Trata-se de um automóvel de cinco portas com preço acessível, muito compacto por fora e espaçoso por dentro, que alia facilidade e economia de utilização com tecnologias modernas. O ‘stand’ da Opel será também palco para a estreia mundial da versão mais potente da nova geração Corsa - o OPC - com motor 1.6 Turbo de 207 cv.

«Vamos levar a Genebra duas estreias mundiais e revelaremos os novos serviços Opel OnStar», anunciou o CEO do Opel Group, Karl-Thomas Neumann. «O Opel OnStar oferecerá ligações ao mundo digital e proporcionará o mais elevado nível de segurança e de resposta em caso de emergência. Para além disso, vamos mostrar dois modelos que alargam a nossa gama de produtos: o KARL e o Corsa OPC. O primeiro acentua o lado racional e o segundo a vertente mais emocional. Mas ao mesmo tempo, o KARL também é divertido de conduzir e o Corsa OPC também é acessível. Isto é Opel. Isto é o que nos torna competitivos

Opel OnStar: sempre acompanhado quando isso é importante

O sistema OnStar que a Opel vai lançar na Europa na segunda metade de 2015 equipará a gama de automóveis de passageiros da marca. O Opel OnStar constitui um novo passo em conetividade automóvel na Europa. Já disponível nos Estados Unidos da América, no Canadá, na China e no México, o evoluído sistema tem cerca de sete milhões de utilizadores, que assim usufruem de rede ‘Wi-Fi’ no automóvel e são apoiados por numerosos serviços de mobilidade e de emergência. «O Opel OnStar vai dar maior segurança ao utilizador do automóvel», explica Karl-Thomas Neumann. «Seja qual for a emergência, o sistema garante assistência 24 horas por dia, 365 dias por ano. Do outro lado da linha telefónica estará sempre um operador disponível. E se um ‘airbag’ dispara, o Opel OnStar é ativado automaticamente».

O sistema faculta igualmente dados do veículo e informação sobre diversos parâmetros, tais como pressão de pneus ou duração do óleo, que podem ser acedidos através da aplicação OnStar para ‘smartphones’. O fecho centralizado de portas pode ser acionado à distância pela mesma aplicação, para abrir ou fechar o veículo. O Opel OnStar ‘trabalha’ em estreita colaboração com a polícia em caso de furto do automóvel. A funcionalidade de Diagnóstico permite que o proprietário receba um relatório mensal onde constam as informações mais relevantes sobre o veículo. O sistema permite ainda que seja enviado para a oficina um pedido de verificação, mediante um simples comando no telefone.

Com o Opel Onstar, cada Opel torna-se num potente ponto de rede ‘Wi-Fi’ que permite, a bordo, a ligação simultânea à Internet de até sete dispositivos móveis.

Compacto, acessível e sofisticado: o Opel KARL

Pessoas com acentuado sentido prático e sensíveis ao fator preço encontrarão no novo Opel KARL uma opção a considerar em pleno. O KARL é um automóvel citadino de cinco portas, com espaço para cinco pessoas ou, em opção, volume de 940 litros para bagagens e objetos, tudo isso num comprimento exterior de apenas 3,68 metros. A motorização está a cargo de um novo 1.0 ECOTEC de três cilindros, construído em alumínio, que debita 75 cv de potência. Com caixa manual de cinco velocidades e sistema Start/Stop, o consumo médio em ciclo misto do mais recente Opel fica-se por 4,3 litros de gasolina a cada 100 km, a que correspondem emissões de CO2 de apenas 99 g/km.

O novo Opel KARL está dotado de completo leque de equipamentos de segurança e conforto, pouco comuns neste segmento de mercado. Para além do sistema de assistência ao arranque em planos inclinados, o KARL pode oferecer alerta de saída de faixa graças à câmara dianteira. Tal como no ADAM e no Corsa, existe um modo ‘City’ de assistência acrescida na direção para facilitar manobras na cidade. O sistema de assistência ao estacionamento Park Assist também está disponível. O programador de velocidade com limitador faz parte do equipamento de série e os faróis de nevoeiro integram a função de luz de curva. «É um automóvel que apela tanto ao coração como à razão», explica o CEO do Opel Group.

Potente, rápido e dinâmico: novo Corsa ganha ainda mais paixão com versão OPC

A estreia do novo Opel Corsa OPC em Genebra apelará especialmente aos condutores experientes que não prescindem de um automóvel utilitário no dia-a-dia mas, simultaneamente, capaz de proporcionar ‘performances’ referenciais quando solicitado. Fiel à tradição, o topo de gama Corsa tem bancos dianteiros ‘bacquet’ Recaro, volante especial forrado a couro e um visual exterior marcado por pára-choques e saias específicos, bem como por um ‘spoiler’ no topo da tampa da mala e duas saídas de escape a ladear um difusor aerodinâmico.

O motor 1.6 Turbo a gasolina debita 207 cv de potência e 245 Nm de binário máximo, com 35 Nm adicionais disponíveis através da função ‘overboost’. A transmissão integra uma caixa manual de seis velocidades com comando de curso curto. A tração é às rodas dianteiras. O Corsa OPC acelera de zero a 100 km/h em apenas 6,8 segundos e consegue atingir 230 km/h de velocidade máxima. A suspensão, desenvolvida em parceria com os especialistas da Koni, oferece inovações ao nível do amortecimento. A tecnologia de Amortecimento de Frequência Seletiva (FSD) ajusta a pressão dos amortecedores à frequência de funcionamento da suspensão. Desta forma, o Corsa OPC consegue garantir bons níveis de conforto numa utilização normal e o melhor desempenho numa condução dinâmica. O controlo eletrónico de estabilidade ESP pode ser completamente desligado. O sistema de escape foi elaborado com a Remus e produz um ruído grave a condizer com o potencial dinâmico do Corsa OPC.1423737178009 Copy

 

LAMBORGHINI EM ASPEN

lamb2 Copylamb3 Copylamb4 Copylamb5 CopyLAMBORGHINI EM ASPEN

 

A marca italiana Lamborghini levou a efeito um winter academy na estâcia de esqui de Aspen nos Estados Unidos, e o resultado está à vista nas imagens hoje publicadas....lamb6 Copylamb7 Copylamb8 Copylamb9 Copylamb10 Copylamb11 Copy

 

DACIA ROAD SHOW

DACIA ROAD SHOW

 

 

 

DACIA: UMA HISTÓRIA DE SUCESSO

 

A Dacia é muito provavelmente o fenómeno mais recente da indústria automóvel. Quando a Renault, em finais de 1999, adquiriu mais de 50 por cento do capital desta marca de origem Romena, o objectivo era o de integrar no Grupo Renault uma marca automóvel com produtos destinados aos mercados emergentes da Europa de Leste e do Magrebe.

O primeiro modelo integralmente concebido e desenvolvido pelo grupo Renault, o Dacia Logan, foi um sucesso imediato. E no passado mês de Outubro foi atingido o marco histórico de 3 000 000 de vendas em apenas dez anos!

Em Portugal, e, em 2014, pela segunda vez consecutiva, a Dacia foi a marca, do TOP 20, com maior crescimento das vendas (+96% face a 2013), ocupando o 14º lugar entre todas as marcas presentes no mercado Português.

As razões para o sucesso são várias: fiabilidade (as associações de consumidores de França, Bélgica, Itália, Espanha e Portugal integram, desde 2012, a Dacia no Top 2 das marcas mais fiáveis do mercado), robustez, economia, uma relação qualidade-preço imbatível e a mais jovem gama do mercado: sete novos modelos lançados nos últimos 25 meses! Uma gama bastante versátil que – também! – traduz o investimento da marca no reforço dos equipamentos e na qualidade dos interiores. O futuro é, portanto, promissor. Afinal, a marca ‘escandalosamente acessível’, não é ‘apenas’ racional: é também uma moda um pouco por todo o mundo!

 

A notoriedade é recente, mas a verdade é que, no próximo ano, a Dacia vai comemorar meio século de existência. Na realidade foi, em 1966, no auge da Guerra Fria, que a marca nasceu na Roménia sob a alçada do estado Romeno. Nos primeiros 40 anos da sua existência, a Dacia foi uma marca regional implantada apenas na Roménia e países limítrofes.

 

Atenta ao previsível crescimento dos mercados emergentes da Europa de Leste, a Renault adquiriu, em Setembro de 1999, 51% das acções da marca. E cinco anos depois (em 2004), investiu na aquisição de 99,3% das acções!

 

Se, na origem, a aposta da Renault se destinava aos mercados emergentes da Europa de Leste e do Magrebe, o sucesso imediato do Logan, o primeiro modelo Dacia concebido e desenvolvido pela Renault, levou o Grupo a apostar na introdução da Dacia na Europa Ocidental.

 

 

A Renault ia tornar a Dacia uma marca global!

 

A Renault, mais uma vez, voltava a inovar e a surpreender o mundo da indústria automóvel. Enquanto os restantes fabricantes ainda discutiam nos gabinetes a necessidade de lançar marcas com o conceito ‘low cost’, a Renault introduzia no mercado as primeiras propostas, o Logan (em 2004), o Logan MCV (em 2007), o Logan Pick-Up (em 2008) e a primeira geração do Sandero (também em 2008). Modelos que capitalizavam valores essenciais para qualquer cliente: robustez, fiabilidade, economia e reduzido custo de aquisição. Uma relação qualidade-preço imbatível!

 

UM SUCESSO (TAMBÉM) NA EUROPA OCIDENTAL

 

Apenas dez anos passados sobre a comercialização do primeiro Dacia sob a égide Renault, a marca atingiu os 3.000.000 de unidades vendidas.

 

Na Alemanha – imagine-se! – é a segunda marca não-alemã mais vendida no mercado. Em França, a Dacia é a quinta marca mais vendida no país. Em Espanha, o Sandero liderou as tabelas de vendas em Fevereiro, Agosto e Setembro de 2014 e terminou o ano como o oitavo modelo mais vendido do país!

 

Em Janeiro de 2015, a Dacia inicializou a comercialização no seu 44º mercado: Israel.

 

Não é, também, por acaso que, em vários mercados, sobretudo na América Latina, que a Dacia é comercializada com o símbolo da Renault. E a razão é simples: A Dacia não faz ‘apenas’ parte do Grupo Renault. Todos os Dacia são concebidos e desenvolvidos segundo as mesmas normas e padrões da marca Renault, nomeadamente com a incorporação de componentes como chassis, motores, caixas de velocidades, etc.

 

Nesse sentido, destaque para o facto de toda a gama beneficiar de 3 anos/100.000 km de garantia contratual. Este é mais um elemento que atesta a robustez e fiabilidade da marca, o que aliás tem vindo a ser demonstrado por estudos independentes realizados, até por associações de consumidores, em toda a Europa.

 

A IMPORTÂNCIA DO DUSTER NA IMAGEM E CRESCIMENTO DA DACIA

 

Mas foi, em 2010, que os pressupostos que fizeram o sucesso da Dacia saíram (ainda mais) reforçados… A ‘culpa’ foi do Duster! A primeira geração atraiu um perfil de clientes ainda mais heterogéneo. Em países como Portugal, o Duster tornou-se uma moda, até um objecto de desejo. Como felizes proprietários, não apenas classe média, mas também clientes habitualmente mais associados a marcas ‘premium’, mas que reconheciam no produto uma relação qualidade-preço extraordinária e excelentes qualidades não apenas para as deslocações do quotidiano, mas também para a prática de todo-o-terreno.

 

De tal forma que o Duster é hoje o símbolo da democratização e da notoriedade da marca pelo Ocidente. O modelo ajudou a quebrar preconceitos e criou um consenso generalizado em relação à marca, seja na imprensa, fóruns ou redes sociais. Os proprietários assumem-se como verdadeiros ‘embaixadores’, eles que são testemunhas dos atributos que fazem a história de sucesso da marca.

 

O Duster é, aliás, o modelo mais vendido pelo Grupo Renault em todo o mundo, com praticamente meio milhão de unidades vendidas anualmente.

 

A MAIS JOVEM GAMA DO MERCADO

 

Hoje, a Dacia orgulha-se de possuir a mais jovem gama do mercado. O mais antigo dos sete modelos comercializados em Portugal – Sandero, Sandero Stepway, Logan, Logan MCV, Lodgy, Duster e o comercial ligeiro Dokker Van – foi lançado há apenas 25 meses.

 

Uma gama que se caracteriza em 4 simples palavras:

 

Fiável: como o reconhecem os estudos realizados pelas associações de consumidores de 5 países (França, Bélgica, Espanha, Itália e Portugal) que colocaram a Dacia no 1º lugar (em 2012) e no 2º lugar (em 2013) no que respeita à fiabilidade dos seus automóveis de entre todas as marcas existentes no mercado.

 

Útil: com uma relação qualidade/preço imbatível, a Dacia oferece tudo o que é indispensável: conforto, habitabilidade, segurança.

 

Generosa: por aquilo que reconhecem os possuidores de automóveis da marca. Os produtos Dacia valem mais do que o valor que é pedido por eles. E são generosos no espaço, no equipamento, nas prestações dos motores.  

 

No fundo uma oferta inteligente.

 

A PROGRESSIVA DE AFIRMAÇÃO DA DACIA NO MERCADO NACIONAL

 

Apesar da estreia da marca no mercado nacional ser datada de 2008, já circulam em Portugal mais de 12.000 unidades de Dacia. Foi no dia 1 de Maio de 2008, por ocasião do Salão Automóvel de Lisboa, que os Portugueses puderam fazer as primeiras encomendas. A comercialização coincidiu com a estreia do bloco 1.5 dCi no modelo Logan MCV.

 

Entre 2008 (o ano de estreia no mercado nacional) e 2014, a Dacia passou das cerca de 500, para as quase 4.000 unidades. De uma quota de mercado residual de 0,2%, passou para 2,4% no último ano, isto no que diz respeito ao mercado de ligeiros de passageiros. Em sete anos, só uma quebra de vendas: em 2012, o auge da crise económica que tanto afectou a classe média.

 

Interessante o número de Dacia táxis que, hoje, circulam pelas estradas nacionais. Hoje, são mais de 300 os profissionais rendidos à fiabilidade, bem como aos baixos custos de aquisição e de utilização de modelos como o Sandero, Logan e Lodgy.

 

 

 

O HISTÓRICO DE VENDAS DACIA EM PORTUGAL

 

DACIA

VP

%

VCL

%

2008

442

0,2

 

2009

584

0,4

51

0,1

2010

1.658

0,7

132

0,3

2011

2.231

1,5

110

0,3

2012

1.109

1,2

31

0,2

2013

1.794

1,7

190

1,0

2014

3.433

2,4

460

1,8

 

VP = Veículos de passageiros

VCL = Veículos comerciais ligeiros

% = Percentagem de quota de mercado

 

 

Beneficiando de uma cada vez maior notoriedade junto dos Portugueses, a Dacia teve, em 2014, o seu ano de afirmação no mercado Português. Com um crescimento das vendas de 91,4% no mercado de veículos de passageiros e tendo multiplicado por 2,5 as vendas nos Comerciais Ligeiros (mesmo só disponibilizando o modelo Dokker Van) a Dacia foi, de forma evidente, a marca do Top 20 que mais cresceu em Portugal. O sucesso continuado do Duster (2º SUV do segmento C mais vendido em Portugal), um verdadeiro ícone da marca, o sucesso da gama Sandero (com especial ênfase do Sandero Stepway) e do Logan MCV (2ª break mais vendida do segmento B) estiveram na base deste resultado.

 

Em 2014 a Dacia vendeu, em Portugal, 3.893 unidades (3.433 automóveis de passageiros e 460 comerciais ligeiros) a que correspondeu uma quota de mercado de 2,3% e a entrada no Top 15 (com o 14º posto) das marcas mais vendidas em Portugal.

 

Nos comerciais ligeiros, e apesar de apenas contar com o modelo Dokker Van, a Dacia alcançou o 12º posto entre as marcas mais vendidas, com uma quota de mercado de 1,8%.

 

O resultado obtido pela Dacia, em 2014, esteve perfeitamente alinhado com os objectivos publicamente anunciados no início do ano (crescimento da marca superior ao do mercado) e a dinâmica criada em 2014 é um excelente indício para o ano que agora se inicia. Sustentada por uma gama jovem, fiável, uma oferta clara com um posicionamento de preço sem concorrência, a “generosidade” da marca em que claramente oferece muito por um valor reduzido, continuará a ser o pilar de desenvolvimento da marca em Portugal.

 

Um outro eixo de desenvolvimento da marca é a oferta de combustíveis alternativos. A Dacia é a única marca em todo o mercado a oferecer uma gama completa de modelos bi-fuel (gasolina e GPL).

Para além da vantagem ambiental (o GPL reduz, em média, as emissões de CO2 em cerca de 13%) e económica, a solução bi-fuel permite autonomias superiores a 1.200 km sem necessidade de reabastecimento.

Em qualquer circunstância o condutor pode passar da gasolina para o GPL, ou vice-versa, através da simples utilização de um botão no painel de bordo.

 

 

A Dacia dispõe, em Portugal, de uma rede de vendas e de assistência com 37 concessões com uma qualidade de serviço (venda e após-venda) assegurada pelo know-how da marca Renault.

 

 FOX 4623_CopyFOX 4624_CopyFOX 4625_CopyFOX 4627_CopyFOX 4628_CopyFOX 4629_CopyFOX 4630_CopyFOX 4631_CopyFOX 4632_CopyFOX 4633_CopyFOX 4634_CopyFOX 4635_CopyFOX 4636_CopyFOX 4638_CopyFOX 4639_CopyFOX 4641_CopyFOX 4642_CopyFOX 4643_CopyFOX 4644_CopyFOX 4645_CopyFOX 4650_CopyFOX 4651_CopyFOX 4654_CopyFOX 4655_CopyFOX 4656_CopyFOX 4658_CopyFOX 4659_CopyFOX 4661_CopyFOX 4662_CopyFOX 4664_CopyFOX 4665_CopyFOX 4666_CopyFOX 4668_CopyFOX 4669_CopyFOX 4670_CopyFOX 4671_CopyFOX 4672_CopyFOX 4673_CopyFOX 4674_CopyFOX 4679_CopyFOX 4680_CopyFOX 4681_CopyFOX 4682_CopyFOX 4683_CopyFOX 4684_CopyFOX 4685_CopyFOX 4686_CopyFOX 4705_CopyFOX 4706_CopyFOX 4707_CopyFOX 4708_CopyFOX 4709_CopyFOX 4710_CopyFOX 4711_CopyFOX 4712_CopyFOX 4713_CopyFOX 4714_CopyFOX 4715_CopyFOX 4715_CopyFOX 4716_CopyFOX 4717_CopyFOX 4718_CopyFOX 4719_CopyFOX 4720_CopyFOX 4721_CopyFOX 4722_CopyFOX 4723_CopyFOX 4724_CopyFOX 4725_CopyFOX 4726_CopyFOX 4727_Copy

 

MERCEDES É NOTICIA

 

Mercedes-Benz Classic disponibiliza os seus arquivos na internet

 

Informações, documentos, fotos e muito mais acerca da história do mais antigo fabricante de automóveis do mundo estão agora disponíveis para consulta na internet. Desde 30 de janeiro de 2015 que se encontram disponíveis para todos os interessados, informações sobre a história da Mercedes-Benz e sobre os seus produtos no portal Public em: https://mercedes-benz-publicarchive.com. Neste portal é possível consultar informações sobre a Marca, bem como o arquivo de viaturas clássicas da Mercedes-Benz.

 

“Uma história fascinante é sempre composta por momentos emocionantes. Isto é verdadeiramente especial quando nos referimos à história da Daimler AG, que remonta à invenção do automóvel por Carl Benz, em 1886. O nosso objetivo é dar a conhecer esta herança ao maior número possível de pessoas” refere Michael Bock, Diretor da Mercedes–Benz Classic e do Customer Center. “Queremos oferecer informações exclusivas sobre a nossa marca, sobre a nossa empresa e sobre a evolução tecnológica na forma de um banco de dados”.

 

A abreviatura “M@RS” significa “Multimedia Archive and Research System”. Este é o nome sob o qual a Mercedes-Benz Classic desenvolveu há 15 anos um portal com informações sobre os seus arquivos onde, por exemplo, jornalistas e pesquisadores de todo o mundo podem explorar vários detalhes da história da Daimler. Esta base de dados foi o ponto de partida para o desenvolvimento da nova Public M@RS, que se encontra online gratuitamente desde janeiro.

 

Numa primeira fase de lançamento, o foco do novo portal será a área dos veículos ligeiros de passageiros. Imagens, dados técnicos e ilustrações encontram-se divididos em cinco capítulos históricos (Benz & Cie. até 1926, Daimler-Motoren-Gesellschaft e Mercedes até 1926, Mercedes-Benz de 1926 a 1945, Mercedes-Benz desde 1946 e Maybach desde 2002). O acesso é rápido e simples, sendo possível encontrar informações de produto desde os primeiros automóveis datados de 1886 aos atuais modelos Mercedes-Benz.

 

Os arquivos da Mercedes-Benz Classic são um dos maiores arquivos industriais na Europa e único na indústria automóvel. Tudo começou oficialmente com a Ordem administrativa/Portaria Nº1145 de 1936 do então Daimler-Benz Aktiengesellschaft que instruiu o engenheiro Max Rauck a “recolher e examinar a literatura histórica e material fotográfico com o objetivo de criar um arquivo histórico”. Mercedes-Benz CopyPatent Copy

 

PEUGEOT DISPONIBILIZA SERVIÇO INOVADOR

 

PEUGEOT ASSISTANCE

Peugeot disponibiliza serviço inovador – 8 anos de Assistência

em Viagem gratuita

 

 


A PEUGEOT Portugal acaba de lançar o novo serviço de assistência em viagem “PEUGEOT Assistance”, que se assume como uma verdadeira solução contra os imprevistos. Todos os clientes que tenham um veículo PEUGEOT, novo ou usado com idade até 8 anos, vão beneficiar deste programa de assistência gratuita, em caso de avaria ou acidente.

 

A subida em gama verificada na Marca PEUGEOT traduz-se também no serviço após-venda. Para o cliente beneficiar desde programa de assistência disponível 24 horas/dia e 7 dias/semana, basta contactar a plataforma PEUGEOT Assistance através do número verde 800 206 366, que garantirá a desempanagem e/ou reboque do veículo e apresentará as necessárias soluções de mobilidade, de modo a preservar a comodidade do cliente PEUGEOT face a imprevistos ocorridos.

Este é mais um serviço inovador, reservado aos Clientes Peugeot que tenham o cartão de fidelização MyPeugeot. Seja novo ou usado, todos os automóveis PEUGEOT com menos de 8 anos de idade, face à data original de matrícula da viatura, estão abrangidos pela nova proposta de serviço PEUGEOT ASSISTANCE – Avaria & Acidente. Em caso de acidente, avaria, furo, engano de combustível e perda/roubo de chave ocorrido em território nacional ou além-fronteiras*, os clientes da Marca com cartão MyPeugeot beneficiarão automaticamente de um serviço de assistência, gratuito, sem limite de quilómetros e sem necessidade de subscrição de qualquer contrato suplementar.

Tudo o que há a fazer é uma chamada telefónica para o número verde 800 206 366, prestar as informações solicitadas, e o cliente será assistido de imediato, num serviço de desempanagem e/ou reboque sem custo até ao Reparador Autorizado Peugeot Aderente mais próximo. Este serviço está disponível 24 horas por dia, 7 dias por semana.

Em simultâneo, nos casos em que tal se mostrar necessário, a Plataforma PEUGEOT Assistance pode oferecer aos clientes e passageiros soluções de mobilidade ou de alojamento, de modo a minimizar os imprevistos decorrentes da situação.

Será ainda apresentada, nos casos em que tal seja necessário, uma estimativa do custo associado às intervenções a realizar na sequência de avaria ou de acidente.

Um serviço integrado que assegura mobilidade e alojamento do cliente

Este novo serviço PEUGEOT ASSISTANCE – Avaria & Acidente cobre acidentes e avarias mecânicas, eléctricas ou electrónicas, incluindo, furos, enganos no abastecimento de combustível, perda ou roubo de chaves, com excepção das avarias provocadas pela bateria do veículo e avarias já cobertas pela assistência em garantia do Construtor ou por um contrato de serviço PEUGEOT (da Marca ou da rede) subscrito para o veículo em causa, que impossibilitem a sua deslocação.

Nas situações que impliquem o reboque do veículo para o Reparador Autorizado mais perto do local do incidente, sempre que se justifique é disponibilizado veículo de substituição, acrescido de possibilidade de alojamento, continuação de viagem ou encaminhamento ao domicílio.

Nos casos previstos, o veículo de substituição é disponibilizado pelo prazo máximo de 5 dias (em caso de acidente) e de 3 dias (em caso de avaria), caso a reparação seja efectuada num Reparador Autorizado da Marca aderente e o tempo de intervenção seja superior a 3 horas.

(*) O novo serviço está, também, disponível no estrangeiro, aqui apenas com a função de apoio logístico, já que as despesas associadas à intervenção dos diferentes operadores serão da responsabilidade do cliente. No entanto, podem as mesmas ser associadas aos estatutos de garantias e/ou contratos de serviço que o cliente possa ter com a Marca.

As Condições Gerais e demais informações inerentes ao serviço PEUGEOT ASSISTANCE – Avaria & Acidente estão disponíveis nos Pontos de Venda PEUGEOT e no site da Marca, em www.peugeot.pt.Peugeot Assistance_Copy

 

CONVENÇÃO ANUAL MPIRELLI

 

Na convenção anual 2015, A pirelli reuniu em jerez os clientes “key point”

 

o mítico circuito de jerez (espanha), foi o palco da reunião anual que destaca os melhores clientes da marca

 

 

KPOINT PT-3_CopyKPOINT PT_1_CopyKPOINT PT_2_CopyNa passada semana, a Pirelli reuniu na sua convenção anual em Jerez (Espanha) os clientes do programa “Key Point”, realizada exclusivamente para os clientes Portugueses e coincidente com os primeiros testes de pré-temporada do mundial de Fórmula 1, 2015. Esta ocasião, permitiu aos convidados desfrutar de um completo programa de actividades. A convenção, com uma duração de dois dias, contou com a presença da maior parte dos agentes deste grupo exclusivo “Key Point”.

 

O programa iniciou na tarde do dia 3 de Fevereiro, com a habitual presença dos responsáveis da marca que mencionaram e avaliaram as actividades de 2014 e delinearam as directrizes para 2015, com o principal objectivo de consolidar a actual estrutura do programa de oficinas seleccionadas. Posteriormente, Mario Isola, responsável da assistência técnica de competição da Pirelli Motorsport, realizou um balanço dos resultados alcançados pela marca e seu retorno, como fornecedor da Fórmula Um, aproveitando para divulgar as novidades para época que iniciou precisamente nestes dias.

 

Na manhã seguinte, o mesmo Isola foi o responsável em mostrar a todos os convidados a “Motorhome” da Pirelli no circuito de Jerez, incluindo a “Fitting area”, na qual se preparam todos os pneus que são utilizados durante os fins-de-semana de grande prémio. Todos eles, também tiveram a possibilidade de visitar a bancada principal, a sala de imprensa e o circuito, como assim, o museu oficial. Para terminar o programa, uma divertida corrida de Karts.

 

Alejandro Recasens, director da Pirelli Portugal, afirmou: “ Esta, é uma ocasião especial para a equipa Pirelli, já que é um privilégio ter a oportunidade de reunirmos neste espectacular e descontraído ambiente, com alguns dos nossos clientes mais próximos e poder partilhar com eles as ideias e experiências, que posteriormente nos permitem potenciar e aproximar a nossa colaboração com eles. Mais, tenho que destacar a elevada participação e envolvimentos dos clientes “Key Point” , e resta-me agradecer-lhes profundamente a intenção de querer continuar a partilhar estes momentos connosco.”

 

Por outro lado, avaliando o funcionamento do programa em Portugal, acrescentou:

“ O Key Point é um projecto relativamente recente em Portugal, no entanto foi muito bem acolhido. Em pouco tempo reunimos um grupo de oficinas muito interessante, que partilhou a vontade da Pirelli em tornar-se a referência máxima no segmento de mercado de alta performance, tanto no que concerne ao produto, como ao serviço. O elevado crescimento alcançado em 2014 em termos de volume de vendas, apoia esta aposta, e acreditamos que o caminho percorrido pela Pirelli e os seus clientes, irá trazer muitos êxitos.”

 

O programa de fidelização da Pirelli, Key Point, iniciou em Espanha em 2006 e Portugal em 2011, reunindo um número seleccionado e exclusivo de clientes independentes da marca, que trabalham entre outras características, como a qualidade dos seus serviços e pela especialização do produto no âmbito das altas prestações.

 

 

GOODYEAR É O NOVO FORNECEDOR

 

Goodyear é o novo fornecedor de pneus de camião de HOYER

 

Graças ao novo acordo, a Goodyear vai fornecer e prestar serviço a 4000 veículos em toda a Europa

 

A HOYER, fornecedor logístico internacional, elegeu a Goodyear como principal fornecedor de pneus para a grande maioria da sua frota na Europa. O programa de gestão de pneus da Goodyear FleetFirst para os 4000 pesados e reboques da HOYER inclui o fornecimento de pneus novos e recauchutados, assistência em estrada e o programa de gestão de pneus online FleetOnlineSolutions. A rede TruckForce da Goodyear, com 2000 prestadores de serviço estrategicamente localizados em 28 países europeus, fará a assistência à HOYER.

“A qualidade e rendimento dos pneus Goodyear, a extensão da sua rede de fornecedores de serviços, a inovação das suas soluções e serviços, bem como a sua fiabilidade convenceram-nos a tomar esta decisão”, comenta Frans Tutuhatunewa, gestor de Compras Corporativas da HOYER GmbH. “Um dos principais motivos para escolher a Goodyear foi a última geração de pneus da Goodyear para pesados como os KMAX, que testámos. Além disso, a ampla gama de serviços e soluções da oferta da FleetFirst, incluindo FleetOnlineSolutions, acrescentam maior benefício às operações. Este pacote completo da Goodyear melhora a nossa eficiência e ao mesmo tempo reduz a marca de carbono.”

O Grupo HOYER é líder no mercado global de transporte de líquidos em estrada, comboio e mar. É pioneiro em oferecer soluções integradas de logística e desenvolveu serviços logísticos como complemento às suas atividades.

“Estamos satisfeitos e orgulhosos pelo facto da HOYER ter eleito pneus Goodyear para os veículos pesados e como fornecedor de serviços para a maioria dos seus veículos na Europa. FleetFirst não só proporciona produtos inovadores, mas também presta serviços e soluções. Isto inclui recauchutagem e FleetOnlineSolutions, bem como a rede TruckForce, que ajuda os consumidores a reduzir os custos operativos de diferentes formas. A nova parceria com o grupo HOYER demonstra que o nosso conceito de oferta integrada traz valor real aos clientes”, comenta Jan-Piet Huylebroeck, diretor de vendas de pneus de pesados da Goodyear Europa, Médio Oriente e África.

Os serviços que a Goodyear vai disponibilizar são todos os produtos da FleetFirst, incluindo os mais inovadores, e recauchutagem. No âmbito da gestão de pneus, a FleetOnlineSolutions (FOS) da Goodyear é um elemento chave. Este programa de gestão online está acessível à HOYER, Goodyear e todos os fornecedores de serviço. O sistema disponibiliza informação sobre a política de pneus acordada e os dados de cada veículo para a rede TruckForce. Esta situação permite reduzir o tempo de espera e gestões administrativas. Além disso, a ferramenta FOS proporciona um relatório centralizado sobre o rendimento dos pneus e custos associados. A assistência em estrada é gerida através do ServiceLine24h, programa de assistência internacional 24 horas da Goodyear Dunlop.

Sobre a Goodyear

 

A Goodyear é uma das maiores empresas produtoras de pneus a nível mundial. Tem cerca de 68.000 empregados e fabrica os seus produtos em 50 instalações localizadas em 22 países em todo o mundo. Os seus dois Centros de Inovações, em Akron, no Ohio, e em Colmar-Berg, no Luxemburgo, esforçam-se por desenvolver produtos e serviços de última geração que estabelecem o padrão da indústria em termos de tecnologia e desempenho.

 

 

A gama de pneus da Goodyear Dunlop Europa para veículos comerciais e autocarros incluem mais de 400 pneus diferentes em mais de 55 tamanhos. Muitos dos principais fabricantes comerciais do mundo usam pneus Goodyear de série, entre eles a DAF, Iveco, MAN, Mercedes-Benz, Camiões Renault, Scani e Volvo. A Goodyear também fornece pneus aos principais serviços de reboque. Graças à Fleet First, que inclui a rede de serviços TruckForce, a linha 24h de assistência na estrada, o sistema de gestão online FleetOnlineSolutions e as tecnologias para recauchutar da Goodyear, a empresa oferece uma das mais amplas gamas de serviços específicos para o setor.

 

Para mais informação acerca da Goodyear ou os seus produtos, consulte www.goodyear.com/corporateGoodyear Wins_Hoyer_Contract_1_Copyright_HOYER_Group_Copy

 

CITROEN C 4 PREMIADO

 

FESTIVAL INTERNATIONAL AUTOMÓVEL 2015:

CITRoËn c4 cactus PREMIADO PELO MAIS BELO INTERIOR

Por ocasião da 30ª edição do «Festival International Automóvel», Linda Jackson, Directora Geral da marca CITROËN, recebeu o galardão para o «Mais Belo Interior do Ano» atribuído ao CITROËN C4 Cactus. Esta distinção, concedida por um júri de especialistas de diferentes origens, recompensa o trabalho feito pelas equipas de design interior da CITROËN. Estética, facilidade de utilização e funcionalidade, o interior do C4 Cactus submerge os passageiros no universo do conforto e das viagens.

 

Todos os anos, mesmo no coração de Les Invalides (em Paris, França), o «Festival Automobile International» apresenta uma exposição sobre o tema dos concept-cars e do design automóvel, recompensando os projectos de maior beleza a nível automóvel e artístico. Esses prémios são atribuídos por um júri de especialistas e entusiastas das áreas do desporto automóvel, da arquitectura, moda, design, cultura e membros da imprensa.

 

Presidido este ano pelo arquitecto Jean-Michel Wilmotte, o júri desta 30ª edição atribuiu ao CITROËN C4 Cactus o galardão do «Mais Belo Interior». Este prémio recompensa o modelo de série que encarna a abordagem mais relevante em termos de design de interiores, harmonia de volumes, escolha das cores e de materiais.

 

Rearrumar o habitáculo, oferecendo ao condutor e passageiros mais “à vontade”, mais hospitalidade e mais conforto: foi esta a abordagem que norteou a concepção do interior do CITROËN C4 Cactus, um design que convenceu o painel de jurados. O ambiente interior é simultaneamente chique e descontraído, mergulhando os ocupantes no mundo das viagens e das bagagens, nomeadamente através das correias que se destacam dos painéis das portas. O painel de bordo, de traço fino e flutuante, conta na sua secção superior com um espaço de arrumação generoso e de acesso fácil, conseguido pela recolocação do airbag do passageiro no tejadilho, numa estreia mundial. Os bancos garantem o conforto ideal com um design no espírito de um sofá, enquanto o ecrã táctil de sete polegadas reagrupa os diferentes comandos, simplificando o painel de bordo.

 

Para além do júri, o C4 Cactus já seduziu uma vasta franja de clientes, tendo registado mais de 42 000 unidades vendidas em 2014.

 

 CL 13.116.013B_CopyCL 14.001.019B_Copy

 

NOVO HONDA CIVIC TYPE R

 

CONCEBIDO PARA A PERFORMANCE: AERODINÂMICA SUPERIOR PARA O NOVÍSSIMO HONDA CIVIC TYPE R

 


 Motor 2.0 litros VTEC TURBO de injecção directa e carroçaria aerodinâmica oferecem velocidade máxima topo-da-classe de 270km/h *
 Entradas de ar, grelhas e spoilers exclusivos contribuem para melhorar as forças aerodinâmicas de sustentação e minimizar o arrastamento aerodinâmico
 Estreia mundial do novo Honda Civic Type R no Salão Automóvel de Genebra de 2015

 

Civic Type_R_1_CopyCivic Type_R_2_CopyCivic Type_R_3_Copy
O novíssimo Honda Civic Type R – que terá a sua estreia mundial no Salão Automóvel de Genebra de 2015 – estará equipado com uma série de características atraentes de design que foram bastante influenciadas pelo exaustivo trabalho de desenvolvimento e testes realizados, tanto em computador, como no túnel de vento. O resultado é um automóvel com uma estabilidade excepcional a alta velocidade e elevados níveis de sustentação aerodinâmica.
A superior performance aerodinâmica ajuda a extrair o máximo do motor VTEC TURBO de 2.0 litros e injecção directa, permitindo ao Civic Type R alcançar a velocidade máxima de 270km/h (167mph) * – um valor sem precedentes entre os seus concorrentes de tracção dianteira.
Informação de Imprensa
Honda Motor Europe – Sucursal Portugal Rua Fontes Pereira de Melo, Nº16 – Abrunheira 2714-506 Sintra Portugal

A nova parte inferior, praticamente plana, permite a passagem do ar por baixo do veículo, cujo efeito se combina com o difusor traseiro para optimizar a sustentação aerodinâmica sobre o automóvel – fazendo o carro, efectivamente, "agarrar-se á estrada". O spoiler traseiro personalizado dá ao veículo uma melhor aparência visual e contribui também para a referida sustentação, graças especialmente à estrutura da sua secção aerodinâmica.
O largo divisor dianteiro e os spoilers laterais, profundos, também contribuem para a melhor gestão dos fluxos de ar e para reduzir o efeito de levantamento; o pára-choques dianteiro tem formato especialmente concebido para reduzir a turbulência à volta das rodas dianteiras, cortando o arrastamento e melhorando a estabilidade a alta velocidade.
Para ajudar o condutor a controlar a fantástica potência do Type R, o veículo está equipado com travões Brembo de elevada performance à frente, num conjunto especialmente concebido para este modelo. Na frente, as pinças de quatro êmbolos trabalham em discos perfurados de 350 mm de diâmetro. As novas jantes de liga leve de 19 polegadas, exclusivas do Type R, complementam as alterações visuais, enchendo as cavas das rodas e alojando os potentes travões.
A gestão do aquecimento foi outro dos principais pontos de atenção da equipa de design e que teve influência directa em diversos aspectos do design exterior. Grelhas superiores e inferiores de maior dimensão no pára-choques dianteiro, entradas de ar nos painéis por cima das rodas dianteiras e saídas de ar quente atrás das cavas oferecem maior capacidade de arrefecimento e ventilação ao motor de elevada potência.
O Civic Type R será apresentado no Salão Automóvel de Genebra em acabamento Branco Championship – uma cor partilhada por sucessivas gerações de sucesso de vários veículos simbólicos portadores do emblema Type R.
Honda Motor Europe – Sucursal Portugal Rua Fontes Pereira de Melo, Nº16 – Abrunheira 2714-506 Sintra Portugal

A exposição da Honda está localizada no stand 4250, pavilhão 4, no 85º Salão Automóvel de Genebra de 2015 (entre 3 e 15 de Março).

 

GOODYEAR RECEBE PRÉMIO

 

Goodyear recebe distinção de 'Top Employer na Europe' pelo terceiro ano consecutivo

A Goodyear Dunlop Tires Europe, um dos principais produtores de pneus na Europa, foi reconhecida com o prémio 'Top Employer Europe 2015' atribuído pelo Top Employers Institute (Instituto das Melhores Entidades Patronais) pelo terceiro ano consecutivo. A organização independente certifica empresas que “atingem a excelência nas condições de trabalho para os colaboradores”. A Goodyear recebeu a prestigiada certificação, pelo terceiro ano consecutivo, em nove países europeus: Alemanha, Bélgica, Eslovénia, Espanha, Holanda, Itália, Luxemburgo, Polónia e Reino Unido e pela primeira vez também as filiais da Goodyear na Turquia, África do Sul e Emirados Árabes Unidos foram certificadas como ‘Top Employers’. A Goodyear é uma das 27 empresas a receber a acreditação como um dos melhores empregadores na Europa este ano.

O foco da pesquisa do Instituto está alinhado com a filosofia Top Talent and Teams da Goodyear e com o objetivo de atrair, desenvolver, motivar e manter a melhor equipa de colaboradores. O estudo abarca áreas chave da política de RH para selecionar as empresas que recebem a distinção, incluindo estratégia de talento, gestão de desempenho, gestão de carreira, aprendizagem e desenvolvimento, bem como compensação, benefícios e cultura da empresa.

Helga Peláez, Diretora de Recursos Humanos na Goodyear Dunlop Iberia, refere: “Receber a distinção de ‘Top Employer Europe’ pelo terceiro ano consecutivo por um instituto independente bem conhecido e alargar a certificação a três novos países fora da Europa é uma excelente recompensa pelos esforços e desempenho dos Recursos Humanos da nossa empresa na região. Consideramos o prémio como um reconhecimento do nosso compromisso continuado em disponibilizar o melhor ambiente de trabalho em toda a organização para atrair e reter colaboradores altamente motivados, empenhados e qualificados. No atual contexto económico, só poderemos inovar, produzir e comercializar as melhores marcas, produtos e soluções da indústria se tivermos as melhores pessoas na empresa.”

Com sede na Holanda, o Instituto atribui os prémios Top Employers em todo o mundo desde 1991. Judith Oude Sogtoen, diretora de Desenvolvimento Empresarial Internacional para o Top Employers Institute, comenta: “A nossa extensa pesquisa

 

 

concluiu que a Goodyear Europe faz parte de um grupo selecionado de entidades patronais que melhora as conduções dos colaboradores a nível mundial. Agora que receberam a certificação Top Employers Europe 2015, podem considerar-se no topo de um grupo exclusivo das melhores empresa onde trabalhar no mundo, o que é um excelente motivo para celebrar.”

 

Sobre Goodyear

A Goodyear é uma das maiores empresas produtoras de pneus a nível mundial. Tem cerca de 68.000 empregados e fabrica os seus produtos em 52 instalações localizadas em 22 países em todo o mundo. Os seus dois Centros de Inovações, em Akron, no Ohio, e em Colmar-Berg, no Luxemburgo, esforçam-se por desenvolver produtos e serviços de última geração que estabelecem o padrão da indústria em termos de tecnologia e desempenho. Para mais informação acerca da Goodyear, consulte www.goodyear.com/corporate.

 Helga Pelaez_Directora_RRHH_Goodyear_Dunlop_Iberia_Copy

 

SEAT É NOTICIA

 

SEAT é o primeiro fabricante de automóveis a receber o certificado Top Employers España

/   O instituto Top Employers realça os programas de carreira da SEAT, bem como as suas ações de recrutamento e demais programas de retenção de talento



SEAT recebeu o certificado Top Employers España 2015, confirmando ser uma das melhores empresas do país para trabalhar. Com este galardão, a SEAT torna-se no primeiro e único fabricante de automóveis a poder ostentar este certificado em Espanha. A SEAT alcançou a distinção depois de ultrapassar um exaustivo processo de análise do Top Employers Institute, uma organização que começou em 1991 a qualificar e a destacar o tratamento de excelência das empresas para com os seus trabalhadores.

 

Em concreto, essa análise escrutinou as condições oferecidas aos trabalhadores em nove pontos: Estratégia de talentos, Planificação de equipas de trabalho, On-boarding, Aprendizagem e desenvolvimento, Gestão do desempenho, Compensação e benefícios, Gestão da carreira e da sucessão, Desenvolvimento de liderança e Cultura. O estudo concluiu que a SEAT garante um excecional ambiente de trabalho, com resultados positivos em todos os pontos em análise, destacando-se nos programas de desenvolvimento profissional e de atração e retenção de talentos.    

"A SEAT não tem como objetivo apenas a criação de postos de trabalho, tal como aconteceu em 2014 com a contratação de mais 800 novos trabalhadores. Queremos, também, desenvolver um ambiente no qual as pessoas possam realizar-se pessoal e profissionalmente. A certificação Top Employers España 2015 confirma que o compromisso da SEAT com o emprego de qualidade está mais forte do que nunca" assegurou Josef  Schelchshorn,  vice-presidente executivo dos Recursos Humanos  da SEAT.

O que faz da SEAT um bom empregador

Os colaboradores da SEAT ascendem a 14.000 profissionais. Para sustentar o seu desenvolvimento, o fabricante de automóveis dispõe de um amplo programa de formação em capacidades técnicas, liderança e idiomas, entre tantos outros; incentivando também iniciativas de experiências internacionais e programas de formação e de carreira personalizados. A empresa investe anualmente uma média de 14 milhões de euros em formação. Em 2014, a SEAT disponibilizou aos seus colaboradores mais de 304.000 horas em ações formativas. Acresce que a SEAT é pioneira na implementação de programas de Dupla Formação, que permitem aliar a formação profissional de um curso médio ao trabalho prático na empresa. Em 2014 formaram-se 45 estagiários com este sistema, que foram incorporados na empresa em regime de contrato sem termo.

Uma das prioridades da SEAT é a de garantir um ambiente laboral seguro. Este é um objetivo da Política de Prevenção de Doenças Profissionais do Grupo SEAT, que foi renovada em 2014 num acordo entre a direção da empresa e os sindicatos. É manifesto o compromisso do Grupo SEAT com a segurança, a saúde, a eficiência e a satisfação dos empregados, assim como a continuada melhoria das condições de segurança e de saúde laboral. Para consegui-lo, aposta num sistema de gestão de prevenção das doenças profissionais, acordado, renovado e auditado recentemente. 

 

A empresa tem além de tudo isto um plano de igualdade para evitar a discriminação no local de trabalho em função do género. A eficiência deste plano é assegurada com a figura do Agente da Igualdade, assim como de uma comissão constituída por representantes da empresa e dos sindicatos. Aliás, a SEAT tem a fábrica de automóveis em Espanha com a maior percentagem de trabalhadoras: 22% dos colaboradores da fábrica de Martorell é feminina, o dobro da média do setor em Espanha. 

 

A SEAT incentiva a participação dos seus trabalhadores no programa Ideias para Melhorar, no qual os trabalhadores podem manifestar as suas propostas para otimizar processos, produtos, ferramentas ou outros aspetos relativos à sua atividade laboral. A par destas ações, para manter o bom ambiente de trabalho, a SEAT promove periodicamente um inquérito junto de todos os empregados para auscultar os seus níveis de satisfação face às condições de trabalho.

 

 

SEAT é a única companhia no seu sector com a capacidade total de desenhar, desenvolver, fabricar e comercializar automóveis, em Espanha. Membro do Grupo Volkswagen, a multinacional tem a sua sede em Martorell, Barcelona, exportando mais de 80% dos seus veículos, estando presente em mais de 75 países. Em 2014, as vendas mundiais da SEAT totalizaram um volume de 390.500 unidades.

           

O Grupo SEAT emprega 14,000 profissionais nos seus três centros de produção em Barcelona, El Prat de Llobregat e Martorell, onde fabrica, entre outros, os tão bem sucedidos modelos Ibiza e Leon. Adicionalmente, a companhia produz o modelo Alhambra em Palmela (Portugal), o Mii em Bratislava (Eslováquia) e o Toledo em Mladá Boleslav (República Checa).

 

A multinacional espanhola também tem um Centro Técnico, um ‘núcleo de conhecimento’, com um total de cerca de 900 engenheiros, que têm como objetivo, contribuírem como força impulsionadora de inovação, do investidor industrial número um em I&D em Espanha. Em linha com o seu compromisso declarado na proteção ambiental, a SEAT baseia a sua atividade central na sustentabilidade, nomeadamente na redução de emissão de CO2, eficiência energética e reciclagem de recursos, bem como a sua reutilização. 

 

JAGUAR HERITAGE CHALLENGE SERIES

 

JAGUAR REVELA OS DETALHES DA

`JAGUAR HERITAGE CHALLENGE SERIES´

 

Jaguar Heritage_Racing_logo_CopyJaguar Heritage_Series_C-Type_CopyJaguar Heritage_Series_CopyJaguar Heritage_Series_MK_II_Copy

 

  • A `Jaguar Heritage Challenge Series´ será disputada durante cinco fins de semana de 2015 em alguns dos melhores circuitos britânicos e europeus.
  • Este novo troféu, organizado em colaboração com o Historic Sports Car Club, está aberto a modelos Jaguar fabricados antes de 1966: das berlinas MkI e MkII aos C-Type, D-Type e aos primeiros E-Type.
  • `Jaguar Heritage Challenge Series´ reúne pela primeira vez numa competição automóvel um conjunto de veículos históricos de competição da firma britânica tão variado como este.
  • Os participantes e pilotos podem aceder a toda a informação sobre este novo troféu na página criada exclusivamente para a nova competição www.hscc.org.uk/jaguar-heritage-challenge.

 

 

A Jaguar e o Historic Sports Car Club (HSCC) revelaram hoje mais detalhes sobre a nova competição automóvel `Jaguar Heritage Challenge Series´, incluindo as datas dos eventos, as categorias e os veículos que poderão participar. Os participantes e pilotos podem encontrar toda a informação e os passos a seguir para procederem à inscrição numa nova página criada exclusivamente para a ocasião: www.hscc.org.uk/jaguar.

 

Neste novo e emocionante campeonato poderão participar os modelos Jaguar fabricados antes de 1966, que serão divididos em cinco categorias: XK; berlinas anteriores a 1966; C-Type, D-Type e XKSS; e duas categorias E-Type. Com a `Jaguar Heritage Challenge Series´, será a primeira vez que se reúne num evento um conjunto de veículos históricos de competição da firma britânica tão variado como este.

 

A `Jaguar Heritage Challenge Series´ será disputada este ano ao longo de cinco fins de semana entre 2 de maio e 31 de agosto em alguns dos melhores circuitos da Europa coincidindo com eventos desportivos históricos. O calendário completo de competição é o seguinte:

 

De 2 a 4 de maio: Donington Historic Festival
De 16 a 17 de maio: Silverstone International (circuito GP)
De 11 a 12 de julho: Brands Hatch Super Prix (circuito GP)
De 7 a 9 de agosto: Nürburgring Oldtimer Grand Prix
De 29 o 31 de agosto: Oulton Park Gold Cup

A `Heritage Challenge Series´ apoia-se no sucesso da `E-Type Challenge Series´ disputada à várias temporadas. Coincide também com um momento de atividade plena na Jaguar Heritage: o lançamento da réplica do E-Type Lightweight, a Heritage Driving Experience e o negócio florescente de restauração e peças para veículos clássicos. Jaguar Heritage integra a divisão `Special Operations´ da Jaguar Land Rover.

 

Derek Weale, Heritage Business Director da Jaguar Land Rover, afirmou: “Estamos muito satisfeitos pelo novo troféu da Jaguar clássicos se realizar em alguns dos melhores circuitos de competição da Europa e se integre em dentro eventos automobilísticos históricos de prestígio mundial. O espectáculo de ver uma prova criada especialmente para estes Jaguar clássicos, nestes circuitos e nestes eventos, será algo único e inesquecível.”

 

Graham White, CEO do Heritage Sports Car Club, afirmou: “Uma competição automóvel exclusiva como a `Jaguar Heritage Challenge´ representa um complemento de grande importância ao nosso calendário de competição e mas posso esperar por ver, em maio, alguns dos que foram os melhores Jaguar de competição alinhados na grelha de Donington.

 

O regulamento e toda a informação sobre a inscrição na `Jaguar Heritage Challenge Series´ está disponível em www.hscc.org.uk/jaguar-heritage-challenge

 

JAGUAR É NOTICIA

 

DE LONDRES A BERLIM: IDRIS ELBA E O NOVO JAGUAR XE 

 #IdrisXERoadTrip 

 

Este é o primeiro de quatro documentários que o ator e músico Idris Elba irá gravar na sua viagem de Londres a Berlim. Durante a viagem, o famoso ator irá testar os fantásticos consumos do novo Jaguar XE, um modelo que lidera o seu segmento em termos de consumo e tecnologia. 

  

A viagem começa no National Youth Music Theatre de Londres, onde Idris Elba iniciou a sua própria carreira e onde o ator realizou variadas audições a jovens promissores antes de se sentar ao volante do novo Jaguar XE 2.0 diesel de quatro cilindros e 163 CV. Nesta aventura de três dias irá percorrer 1.200 quilómetros através de quatro países diferentes em condições invernais, tudo para levar o Jaguar XE até à sua apresentação na Alemanha, numa festa exclusiva pop-up em Berlim. 

  

No link abaixo poderá ver o primeiro vídeo desta aventura http://youtu.be/MJt9pfUDkq0

  

O vídeo seguinte estará disponível a 15 de fevereiro e o último a 22 de fevereiro.

 Jaguar XE_Idris_Elba_Copy

 

ALFREDO AMARAL NA DIRECÇÃO

 

Alfredo Amaral assume a Direcção de Portugal

na Direcção Geral Ibérica das marcas Peugeot, Citroën e DS           

 

Alfredo Amaral assumiu a Direcção de Portugal no quadro da Direcção Geral das marcas Peugeot, Citroën e DS para a Península Ibérica. Esta nomeação inscreve-se na política de optimização comercial da PSA Peugeot Citroën na Europa para acelerar o crescimento do Grupo e impulsionar em Portugal o posicionamento das marcas Peugeot, Citroën e DS, que conservarão cada uma a sua identidade e especificidades próprias.

 

No âmbito das suas novas funções, Alfredo Amaral assumirá também para Portugal a representação da PSA Peugeot Citroën junto dos organismos nacionais e das entidades relacionadas com o sector automóvel.

 

Com 57 anos e uma carreira de 33 anos na área automóvel, Alfredo Amaral assumia desde 2012 a Direcção Geral da Peugeot Portugal.

 

Detentor de um PAGE concedido pela Universidade Católica de Lisboa, a sua actividade profissional está ligado ao Grupo PSA Peugeot Citroën desde 1994, quando participou na criação da Filial da Peugeot Portugal. Desde então, assumiu diversas funções de responsabilidade na empresa. Entre 1995 e 2000 foi responsável pelo desenvolvimento da Rede de Concessionários da Marca em Portugal, em 2000 assumiu os destinos da Sucursal de Lisboa e, a partir de 2004 liderou a Direcção de Peças e Serviço da Filial. Em Julho de 2005 iniciou a sua carreira internacional na Automobiles Peugeot como responsável pelas operações comerciais da Marca para a América do Sul (Brasil, Argentina, Chile, Uruguai e Paraguai). Em Outubro de 2008 regressou a Portugal para assumir a Direcção Comercial da Marca e, de 2012 até à data, esteve à frente dos destinos da Peugeot Portugal.

 

 Alfredo Amaral_PSA_Peugeot_Citron_Copy

 

NOVO VOLKSWAGEN POLO GTI EM PORTUGAL

NOVO VOLKSWAGEN POLO GTI JÁ CHEGOU A PORTUGAL

 

 

Já chegou o novo Polo GTI. Com uma potência de 192 Cv (mais 12 Cv que o modelo anterior), o novo Polo GTI aproxima-se do rendimento do Polo de série mais potente de todos os tempos: o “R WRC” – a versão de estrada do Polo com que a Volkswagen Motorsport ganhou o Campeonato Mundial de Ralis em 2013 e cujo título defendeu com êxito na temporada do ano passado.

 

O rápido Polo GTI alcança 236 km/h e consome apenas 5,6 l/100 km com transmissão DSG

Novo Polo GTI Com motor TSI de 192 Cv e o chassis opcional “Sport Select”

A mais recente versão do Polo GTI é equipada com caixa manual de velocidades ou com transmissão DSG

Volkswagen Polo_GTI_01_CopyVolkswagen Polo_GTI_02_CopyVolkswagen Polo_GTI_03_Copy

 

 

 

 

SUCESSO NA FEIRA DO BRINQUEDO

SUCESSO NA FEIRA DO BRINQUEDO

 

 

teve lugar uma vez mais no passado sábado no hotel Tuela na cidade do Porto, mais uma edição da Feira do Brinquedo, que contou com a visita de muitas centenas de colecionadores, que vieram assim à procura de mais miniaturas para as suas colecções.feirabrinquedo1 Copyfeirabrinquedo2 Copyfeirabrinquedo3 Copy

 

NOVO LEXUS RC F JÁ CHEGOU A PORTUGAL

 

Novo desportivo Lexus RC F disponível em Portugal, com 3 versões

# Luxury, Dynamic, Carbon disponivel desde 117.500€  #

O novo desportivo da Lexus, o RC F já se encontra disponível em Portugal, através da rede de concessionários da marca, estando definida uma gama de três versões. A versão de acesso ao novo Lexus RCF, designada por Luxury, arranca no 117.500€, seguida pela versão Dynamic e Carbon de 121.600 € e 124.400 €, respetivamente.

O novo RC F representa um passo importante nos desportivos da Lexus ao estar equipado com o motor V8, mais potente, alguma vez desenvolvido pela marca. O bloco de 5 litros, atmosférico, desenvolve 477 cavalos e 530 Nm destacando-se pela sua eficiência quando funciona sob o ciclo Atkinson, privilegiando assim o baixo consumo de combustível e, por outro lado, a entrega de potência no momento em que funciona sob o ciclo Otto.

Ligado a uma caixa de 8 velocidades extremamente rápida, o novo modelo desportivo Lexus, que ostenta o logotipo F, é capaz de acelerar dos 0 aos 100 km/h em apenas 4,5 segundos e atingir uma velocidade máxima (limitada eletronicamente) aos 270 km/h.

O interior do novo Lexus RC F  foi desenvolvido tendo em mente as necessidades do condutor, numa condução mais desportiva ou durante o dia-a-dia. Com um equipamento extremamente completo, na versão Luxury destaca-se a seleção de 4 modos de condução - Eco/Normal/Sport S/Sport S+; controlo de som ativo (ASC); bancos em pele desportivos; faróis em LED; sistema de máximos automáticos (AHB); sistema de monitorização do angulo morto (BSM); sistema de assistência à manutenção de faixa (LKA); alerta de trafego em marcha atras (RCTA); sistema de áudio Mark Levinson com 17 colunas; sistema de navegação premium Lexus; entre muitos outros equipamentos.

A versão Dynamic foi desenvolvida pela Lexus Portugal para os clientes que privilegiam a dinâmica mais apurada. Assim foi incluído o diferencial com vectorização de binário (TVD) apurando ainda mais o prazer de condução do RC F. Com a primeira aplicação mundial na configuração de motor dianteiro/tração traseira, este diferencial controlado eletronicamente aumenta significativamente a tração e o controlo do carro garantindo níveis extraordinários de aderência e um comportamento irrepreensível em curva, que se se traduzem em maior estabilidade em curva e rapidez.

Por último existe a versão mais arrojada designada por Carbon. Tal como aplicado no superdesportivo Lexus LFA e no carro de competição IS F CCS-R, este pack substitui o capô, o tejadilho e a asa ativa traseira com painéis de Plástico Reforçado com Fibra de Carbono (CFRP), meticulosamente acabados.

Lexus RC F

Designação

PVP s/despesas

Lexus RC F Luxury

117.500 €

Lexus RC F Dynamic

121.600 €

Lexus RC F Carbon

124.400 €Lexus-RC-F-001 CopyLexus-RC-F-002 CopyLexus-RC-F-003 Copy

 

VULCO APRESENTA PLANOS

 

Vulco apresenta planos de futuro na convenção anual

  • A profissionalização e a geração de negócio são os principais focos da estratégia da rede

 

 

A Vulco, a rede de oficinas parceira da Goodyear Dunlop especializada em pneus e mecânica rápida, apresentou novidades, planos e estratégias para 2015 durante a convenção anual, um evento que reuniu membros da rede de Portugal e Espanha. Nesta convenção, que teve lugar no Hotel Meliá Castilla de Madrid no passado dia 31 de janeiro, estiveram presentes mais de 300 associados pertencentes à rede de oficinas.

image003.png@01D0447E.184A1260" >A Goodyear Dunlop voltou a mostrar o forte compromisso com a Vulco através da presença da equipa de direção da empresa, encabeçada pelo diretor geral Mitchell Peeters, que partilhou a jornada com os membros da rede.

 

Durante o evento, a direção da Vulco e da Goodyear Dunlop apresentou um amplo portefólio de atividades destinadas a trabalhar em dois eixos fundamentais: a profissionalização da rede, através de ferramentas orientadas para aumentar a competitividade dos centros e a geração de negócio como base para aumentar a faturação dos mesmos.

 

Em Portugal, durante o ano de 2014 a Vulco conseguiu alargar a sua rede com a incorporação das oficinas Rodaporama, PneuRubras e Pneus da Cidade, permitindo assim um impulso nos planos de expansão da rede que conta, atualmente, com um total de 247 oficinas em Portugal, Espanha, e Andorra.

 

Alberto Villarreal, diretor da rede Vulco, destacou durante a convenção que “os planos de expansão e reforço da rede baseiam-se em critérios de profissionalização, qualidade de serviço e atuação em todas as áreas geográficas, como acontece agora na zona noroeste de Espanha graças ao acordo com o Grupo Salco”.

 

A convenção anual de 2015 teve como tema Hits 2015 - Êxitos de um grande grupo e terminou com um jantar no Círculo de Belas Artes, que incluiu a atuação do grupo Too Pack, durante o qual as 300 pessoas presentes puderam trocar opiniões e falar animadamente.

 

 

Sobre a Vulco

Presente em 2 Continentes, a rede Vulco é composta por 191 pontos de venda em Espanha, 33 em Portugal e mais de 2000 na Europa. O rápido desenvolvimento fundamentado na gestão moderna, qualidade de serviço e compromisso com o cliente, tem por objetivo fornecer o melhor serviço e obter os mais altos níveis de satisfação.

 

Para mais informações sobre a Vulco visite o site www.vulco.pt ou as páginas do Facebook e Twitter.

 

 

Sobre a Goodyear

A Goodyear é uma das maiores empresas de pneus do mundo. Emprega perto de 69 mil pessoas e produz os seus produtos em 52 unidades de produção em 22 países a nível global. Os seus dois Centros de Inovação em Akron, nos EUA, e Colmar-Berg, no Luxemburgo, procuram desenvolver produtos e serviços topo de gama que estabelecem um padrão de tecnologia e desempenho para o setor.

 

Para mais informações sobre a Goodyear e os seus produtos visite www.goodyear.com e a página do Facebook

CONVENCION VULCO_2015_041_CopyCONVENCION VULCO_2015_409_Copy
 

MAIS NOVIDADES NA AUDI

 

Novo Audi Q3  - Mais potente, mais eficiente, mais confortável

 

Desde o seu lançamento no mercado no Outono de 2011, o Q3 tem sido um dos modelos bestseller da Audi. Mas este modelo pleno de virtudes em todos os domínios e com um êxito sempre crescente ficou agora ainda melhor. Os novos modelos Audi Q3 e RS Q3 não só surgem com um design reformulado como também apresentam uma grande variedade de novidades técnicas.

 

 

Novo Audi RS Q3 -Aceleração 0-100 km/h em apenas 4,8 segundos.

 

Coincidindo com a atualização da gama Q3, também é apresentado o novo Audi RS Q3. O SUV compacto de elevadas prestações é agora mais vigoroso e dinâmico. O seu motor de 5 cilindros, com uma cilindrada de 2.5 litros, debita agora uma potência de 340 Cv (250 kW) e um binário máximo de 450 Nm, satisfazendo ao mesmo tempo a norma EU6. A aceleração 0-100 km/h deste mais potente modelo é de 4,8 segundos e a velocidade máxima está eletronicamente limitada a 250 km/h. Um sistema de escape RS com uma válvula comutável acrescenta mais volume à inconfundível sonoridade do motor de cinco cilindros.

 

Audi Q3_2.0_TFSI_quattro_Branco_Glaciar_01_CopyAudi Q3_2.0_TFSI_quattro_Branco_Glaciar_02_Copy
 

JLR E O JAMES BOND

 

JAGUAR E LAND ROVER ANUNCIAM PARCERIA COM SPECTRE,

A 24.ª AVENTURA DO JAMES BOND

 

 

Jaguar Land_Rover_James_Bone_Copy

 

 

  • Prosseguindo o envolvimento de sucesso da Jaguar Land Rover na saga James Bond, o Jaguar C-X75, o Range Rover Sport SVR e o Land Rover Defender Big Foot vão participar no novo filme do James Bond, SPECTRE.
  • Os veículos C-X75 irão entrar em espetaculares cenas de perseguição em Roma.

 

A Jaguar Land Rover anunciou o alinhamento de veículos preparados para o SPECTRE, a 24.ª aventura de James Bond, da EON Productions de Albert R. Broccoli, da Metro-Goldwyn-Mayer Studios e da Sony Pictures Entertainment, que incluirá os modelos Jaguar C-X75, Range Rover Sport SVR e Defender Big Foot e que serão disponibilizados pela divisão de Jaguar Land Rover Special Operations.

Os Jaguar C-X75 vão entrar numa espetacular sequência de perseguição automóvel pelo meio de Roma ao lado do Aston Martin DB10. Os veículos C-X75 foram construídos em colaboração com a Williams Advanced Engineering nas suas instalações em Oxfordshire, Inglaterra.

As cenas com os fortemente modificados Land Rover Defender e Range Rover Sport SVR já foram filmadas na Áustria. O Range Rover Sport SVR é o Land Rover mais rápido e potente de sempre e os muito competentes Big Foot foram construídos pela divisão de Special Operations com enormes pneus todo-o-terreno de 37" de diâmetro para superar as condições extremas do terreno. Também estão equipados com uma suspensão por encomenda e proteção da carroçaria melhorada.

 

O Managing Director das Special Operations, John Edwards, disse: "Esta é uma parceria excitante para a Jaguar Land Rover e uma oportunidade de demonstrar as fantásticas capacidades da equipa de Special Operations."

Os veículos Jaguar e Land Rover já participaram em vários filmes do James Bond. Mais recentemente em 2012, a resistente Defender 110 Double Cab Pick Up foi conduzida pela operacional Eve Moneypenny na sequência de abertura de `Skyfall´.

 

NOVIDADES AUDI

 

Audi A1 e A1 Sportback -- Ainda mais ágil e eficiente

 

Mais de 500.000 unidades vendidas desde o seu lançamento no mercado em 2010 são a prova inequívoca da popularidade do Audi A1 e do Audi A1 Sportback. Agora, os modelos compactos da Audi são ainda mais atrativos. O design também foi revisto, quer no interior quer no exterior. Inserções e novas cores transmitem uma imagem mais desportiva. O pequeno compacto caracteriza-se por um comportamento dinâmico similar ao de um veículo do segmento médio. A robusta carroçaria e a curta distância entre eixos são a garantia de uma grande agilidade e manobrabilidade.

 

 

Audi S1 e Audi S1 Sportback -- Mais desportivo e eficiente, jovial e atrativo

 

Um nome que é um verdadeiro ícone está de regresso: as versões S1 e o S1 Sportback, com um comprimento de 3,98 metros, são os mais emblemáticos da gama compacta A1. O motor 2.0 TFSI com 231 Cv (170 kW) de potência e binário máximo de 370 Nm, o sistema de tração permanente quattro e a nova suspensão traseira four-link tornam o Audi S1 muito ágil e dinâmico. Os Audi S1 e S1 Sportback tornam-se, assim, numa referência na sua categoria em termos de desempenho dinâmico.

 

Audi A1_SB_01_CopyAudi A1_SB_02_CopyAudi A1_SB_03_CopyAudi S1_SB_01_Copy
 

EM PORTUGAL ACONTECE....

 

Em Portugal, as marcas premium representam 23% das vendas de veículos novos, acima da média europeia que se situa nos 21%. À frente dos portugueses só os alemães e os ingleses que, em 2012, possuíam uma quota de marcas premium de 31% e 25%, respetivamente. O mais recente estudo do Observador Cetelem revela ainda que, em Portugal, a BMW estava na quarta posição de vendas em 2012, à frente da Opel e, em 2013, a Mercedes subiu à quinta posição.

É na Europa que as marcas premium são mais representadas, com uma taxa média de 21% nos oito países analisados. O posicionamento alta gama dos três construtores alemães – Audi, BMW e Mercedes – confere à Alemanha a posição líder relativamente ao veículo premium: em 2012, um veículo novo em cada três vendidos pertencia a essa categoria.

 

Volkswagen (12,1%), Ford (7,4%), Opel (6,9%), Renault (6,8%) e Peugeot (6,1%) constituem o top 5 das principais marcas com maior representação no mercado europeu. Logo atrás surgem as marcas topo de gama: Audi (5,6%), BMW (5,1%) e Mercedes (4,9%).

 

Fora da Europa, é na África do Sul que as marcas topo de gama têm mais representação (14%). O país é seguido de perto pelos Estados Unidos, onde a taxa de penetração média das marcas premium é de 12%. Na China, estas marcas representam apenas 8% das vendas de veículos novos, no entanto, o seu crescimento é fulgurante, na ordem dos 30% anuais.

 

No Japão, onde a indústria automóvel é o primeiro setor industrial e o principal empregador do país, o mercado é amplamente dominado pelas marcas locais, que representam cerca de 95% das vendas e que na sua generalidade não se encaixam na categoria de marcas premium. Consequentemente, o arquipélago nipónico possui uma das mais pequenas quotas de marcas topo de gama do mundo (5%).

 

As análises económicas e de marketing, bem como as previsões, para o Caderno Automóvel 2015, foram efetuadas em colaboração com a empresa de estudos e consultoria BIPE (www.bipe.com). Os inquéritos de campo ao consumidor foram conduzidos pela TNS Sofres, durante o mês de julho de 2014, em catorze países (Bélgica, Alemanha, Espanha, França, Itália, Polónia, Portugal, Reino Unido, Turquia, Japão, Estados Unidos, Brasil, China e África do Sul), com amostras representativas das populações nacionais, num total de 7.550 pessoas questionadas pela Internet.

 

MERCEDES COM RECORDE ESTE ANO

 

Mercedes-Benz começa 2015 com recorde de vendas

  • O melhor início de ano na história da Mercedes-Benz com 125,865 veículos entregues a clientes em janeiro (+ 13,6%);
  • No ano dos SUV’s para a Mercedes-Benz, o mês de janeiro apresentou um crescimento de 37% neste segmento;
  • Aumento de vendas nos principais mercados – EUA (+9%), China (+14,5%) e Alemanha (+11,4%);
  • Crescimento de 50% nas vendas do Classe C Limousine e Station;
  • smart aumenta as suas vendas em cerca de 30% comparativamente ao ano anterior.

A Mercedes-Benz continua o seu sucesso de vendas após um ano extraordinário em 2014, com um início de ano recorde. Em janeiro, foram entregues 125,865 veículos a clientes, mais 13,6% que no ano anterior para a Mercedes-Benz e mais 30% para a smart.

O mercado Europeu continua em crescimento para a Mercedes-Benz, tendo sido entregues 47,693 veículos em janeiro. Este crescimento verificou-se em mercados como Espanha (+47,4%), Portugal (+33,3%), França (+22%), Reino Unido (+20,4%) e Itália (+16,3%). No mercado Alemão, o aumento de vendas foi de 11,4%, reforçando a posição da Mercedes-Benz neste mercado como a marca premium mais vendida.

Na região NAFTA, um total de 27,621 modelos Mercedes-Benz foram comercializados (+9.6%). Com 24,619 unidades vendidas, um novo recorde de vendas foi atingido nos EUA (+8.9%).

Na região Ásia-Pacifico foram entregues 46,269 veículos a clientes (+16.4%), dos quais 28,080 são referentes ao mercado Chinês (+14.5%). Este recorde de vendas na China foi igualmente verificado no Japão onde a Mercedes-Benz mantém a liderança de vendas no segmento premium.

Vendas Mercedes-Benz Cars

 

Janeiro 2015

Variação%

Total 2015

Variação %

Mercedes-Benz

125,865

+13.6

125,865

+13.6

smart

8,457

+29.9

8,457

+29.9

Mercedes-Benz Cars

134,322

   +14.5

134,322

    +14.5

Vendas por mercado

Europa

47,693

+14.5

47,693

+14.5

- Alemanha

15,503

+11.4

15,503

+11.4

NAFTA

27,621

+9.6

27,621

+9.6

- EUA

24,619

+8.9

24,619

+8.9

Ásia-Pacifico

46,269

+16.4

46,269

+16.4

- Japão

4,534

+11.7

4,534

+11.7

- China

28,080

+14.5

28,080

+14.5

 

 

GALERIA DE IMAGENS

GALERIA DE IMAGENS

 

CAM RALI FESTIVAL

 

 

Grupo de imagens do CAM Rali Festival da autoria do nosso amigo e colaborador Armindo Cerqueira da Foto GTI.

 

 

Fotos de Armindo Cerqueira - Foto GTI - www.velocida00 Copy01 Copy02 Copy03 Copy04 Copy05 Copy06 Copy07 Copy08 Copy09 Copy10 Copy11 Copy12 Copy13 Copy14 Copy15 Copy16 Copy17 Copy18 Copy19 Copy20 Copy21 Copy22 Copy23 Copy24 Copy25 Copy26 Copy27 Copy28 Copy29 Copy30 Copy31 Copy32 Copy33 Copy34 Copy35 Copy36 Copy37 Copy38 Copy39 Copy40 Copy41 Copy42 Copy43 Copy44 Copy45 Copy46 Copy47 Copy48 Copy49 Copy50 Copy51 Copy52 Copy53 Copy54 Copy55 Copy56 Copy57 Copydeonline.com

 

A TECNOLOGIA PROGRESSIVE TRACTION

A tecnologia ProgressiveTraction da Trelleborg, galardoada com o prémio FinOvation nos EUA

A tecnologia ProgressiveTraction será galardoada com o prémio FinOvation durante a próxima Farm Machinery Show, que terá lugar de 11 a 14 de fevereiro, em Louisville, Kentucky, EUA.

O desejado prémio da feira, reconhece e premeia os produtos mais inovadores e interessantes para a indústria agrícola. A Farm Industry News seleciona cuidadosamente os melhores produtos de maior interesse para os seus leitores ao longo do ano.

Piero Mancinelli, Director de Pneus Agrícolas e Florestais da Trelleborg Wheels Systems, disse: "Ser nomeado \\\'Machine of the year 2014’ na Agritechinica 2013, ‘Siver Ears 2013’ na Agribex 2013 e agora ganhar o prémio dos leitores da Farm Industry, FinOvation, fala por si só. Estamos orgulhosos que a indústria agrícola reconheça o compromisso da Trelleborg no desenvolvimento contínuo de soluções que melhoram a eficiência, produtividade e sustentabilidade da agricultura moderna."



ProgressiveTraction
 

NOVAS FICHAS TÉCNICAS DAYCO

Novas Fichas Técnicas Dayco - Kits de Correias de Distribuição

Todos os elementos do kit (correia, tensor hidráulico, engrenagens e guias), cumprem com os requisitos técnicos de cada componente.

A tradição inquestionável com que conta a Dayco em relação aos sistemas de transmissão síncronica de correias dentadas e o profundo conhecimento dos requisitos funcionais e dos critérios de qualidade, controlo e fiabilidade, foram aplicados com sucesso também aos kits de correias.

Na fase de projeto dos kits de correias seguiu-se a lógica de "sistema", no sentido de que todos os elementos do kit (correia, tensor hidráulico, engrenagens e guias), além de cumprirem com os requisitos técnicos de cada componente, tiveram de ser integrados para garantir a funcionalidade, o ruído reduzido e a duração de toda a transmissão.

Principais vantagens e característicasdos kits de correias Dayco:

- Design sinérgico de todo o kit (correias, guias, tensores, engrenagens e juntas)
- Elevada solidez e fiabilidade comprovada em bancos de testes e em frotas de veículos
- Utilização das melhores tecnologias atualmente disponíveis:

Correias: utilização de aço de alta resistência, com experiência e conhecimento dos três tipos de correia utilizados em aplicações automóveis: Bush Chain, Roller Chain, Silent Chain
Tensores: mecanizações de precisão para reduzir ao mínimo as folgas internas e poder controlar melhor os tempos de passagem do óleo.
Guias: utilização de plásticos de alta resistência carregados com fibras de vidro
Engrenagens: aço fundido de alta resistência ou bem sinterizado, ambos com tratamentos térmicos específicos para endurecer a superfície das zonas dentadas

No quadro em anexo ou na página web da Dayco poderá encontrar as seguintes e novas instruções de montagem.
Poderá ver todas as Fichas Técnicas (informação técnica) visitando o http://web.daycogarage.com/catalogue/es-es/%22/%22/%22/%22/%22/%22">Catálogo Web Dayco ou visitando a área reservada http://login.daycogarage.com/DaycoRowWeb/Login.do?lang=ES&;country=ES\%22\%22\%22\%22\%22\%22">Garagem Virtual Dayco.



Dayco
 

DISCOVERY É NOTICIA

 

EMBAIXADORES LAND ROVER PROTAGONISTAS

DE UMA AVENTURA A BORDO DO DISCOVERY SPORT

 

Los Embajadores_del_Land_Rover_Discovery_Sport_protagonizan_una_aventura_1_CopyLos Embajadores_del_Land_Rover_Discovery_Sport_protagonizan_una_aventura_2_CopyLos Embajadores_del_Land_Rover_Discovery_Sport_protagonizan_una_aventura_3_Copy

 

  • O Discovery Sport da Land Rover proporcionou a Monty Halls, Kenton Cool e Ben Saunders, embaixadores da marca, que demonstrassem os seus extraordinários feitos na Islândia.
  • O Discovery Sport apresenta características de design, potência e versatilidade líderes de mercado, graças às quais os convidados puderam enfrentar as exigentes condições do terreno islandês.
  • A Land Rover continua a demonstrar a sua histórica relação com a aventura.

 

Três embaixadores da Land Rover juntaram-se ao Discovery Sport para protagonizar um fim de semana de atividades desafiantes em Reikiavik, na Islândia. Monty Halls, Kenton Cool e Ben Saunders comprovaram a sua experiência em aventuras e demonstraram que o Discovery Sport é o SUV compacto Premium mais versátil e potente do mercado.

Monty Halls, ex-membro da Royal Marine do Reino Unido, lidera expedições em alguns dos mais desafiantes e exigentes locais da Terra. Os seus projetos levaram-no a dar quatro voltas ao mundo, num período de cinco anos. Halls desafiou os jornalistas presentes no evento a vestirem fatos de mergulho, antes de imergirem nas águas geladas do Parque Nacional de Thingvellir, na Islândia, e aproximarem-se do centro da Terra através da fenda de Silfra – uma fissura entre as placas tectónicas da América do Norte e da Eurásia.

Kenton Cool é um dos mais prestigiados guias de alta montanha do mundo: chegou ao topo do Evereste 11 vezes, duas delas na mesma semana - um recorde mundial. As condições meteorológicas na Islândia impediram Cool de realizar uma impressionante escalada numa cascata congelada, mas encantou os jornalistas com as histórias das suas aventuras.

Em 2013, Ben Saunders e o seu parceiro Tarka L'Herpiniere reescreveram a história ao completarem, pela primeira vez, a malograda viagem da ‘Expedição Terra Nova’, liderada pelo capitão Robert Falcon Scott. Foram os primeiros exploradores a conseguir chegar ao fim da expedição de Scott: a travessia polar a pé mais comprida da história. Saunders detém vários recordes em expedições polares e foi o mais jovem explorador a chegar ao Polo Norte em esqui solitário. O aventureiro brindou o grupo com a possibilidade de partilhar as suas experiências, ao liderar uma caminhada pela neve num percurso particularmente difícil, enfrentando o clima implacável e imprevisível da Islândia.

 

 

Durante todo o fim de semana, o Discovery Sport demonstrou a sua potência e versatilidade adaptando-se a todo o tipo de terrenos e às temperaturas extremas da Islândia. A configuração flexível de 5 + 2 lugares do Discovery Sport facilitou o transporte dos passageiros e de todo o material, entre as diversas atividades.

 

Mark Cameron, Global Brand Experience Director da Jaguar Land Rover, comentou que “este evento foi um maravilhoso exemplo do espírito de aventura que caracteriza a marca Land Rover. Os extraordinários embaixadores permitiram-nos dar uma olhadela aos seus mundos e feitos incríveis. Representam realmente a definição do nosso lema ‘Above and Beyond’.”

 

 

 

MERCADO ESPANHOL COMEÇA A CRESCER

Mercado automóvel em Espanha começa o ano com um crescimento de 27,5%

O primeiro mês de 2015 registou 68.118 unidades vendidas.

O mercado de automóveis em Espanha cresceu 27,5% em janeiro, com um total de 68.118 unidades vendidas. É o maior aumento no volume desde há cinco anos e o maior aumento percentual desde há 20 anos. Na verdade, é preciso voltar aos anos de 1996-1997 para encontrar um período de contínuos aumentos semelhantes a este, pois com este resultado, o mercado acumula 17 meses de contínuo crescimento.



Vendas

 

AUTOPROMOTEC ANUNCIA RENOVAÇÃO

Autopromotec anuncia a renovação do Industrial Vehicle Service

A iniciativa destinada aos veículos pesados, em 2015 terá um enfoque especial no GNL (gás natural liquefeito).

Os organizadores da Autopromotec, evento bienal de equipamentos e aftermarket automóvel, anunciou para a 26ª edição da feira, programada de 20 a 24 maio de 2015, em Bolonha, a renovação da iniciativa Industrial Vehicle Service, destinada ao mundo da assistência a veículos pesados.

O Industrial Vehicle Service, nascido na Autopromotec em 2011, é uma iniciativa que oferece um tour na exposição dedicado aos camiões, com um guia exclusivo destinado às empresas presentes do setor da assistência e manutenção de veículos para o transporte rodoviário e com um logótipo especial para identificar os expositores de equipamentos, componentes e peças de reposição para camiões.



Autopromotec
 

PSA LIDER EUROPEU NA REDUÇÃO DE EMISSÕES

PSA Peugeot Citroën líder europeu na redução de emissões CO2 em 2014

 

O Grupo PSA Peugeot Citroën reconquistou o primeiro lugar europeu no que respeita à redução de emissões, terminando o ano de 2014 com uma média de 110,3 gramas de CO2 por km* (fonte: AAA DATA), um valor muito inferior à média do mercado europeu, que se situou nos 123,7 gramas de CO2. Desde 2008, o Grupo tem vindo a reduzir de forma consolidada as emissões dos seus veículos em cerca de 30 gramas. 

Este novo recorde ilustra o compromisso do Grupo PSA Peugeot Citroën em procurar soluções práticas para os problemas ambientais. Mais de 50% do orçamento de Investigação & Desenvolvimento (I&D) é dedicado ao desenvolvimento de tecnologias com vista a melhorar a performance de consumos e também ambiental dos veículos produzidos.

A liderança do Grupo PSA Peugeot Citroën é, em grande medida, resultado do downsizing dos seus motores, designadamente a introdução da nova família de motores PureTech de 3 cilindros a gasolina, assim como a introdução dos novos motores BlueHDi. Em 2014, cerca de 30% dos veículos vendidos pelo Grupo emitiam menos de 100 gramas de CO2.

Tendo em conta a elevada eficiência dos motores gasolina e diesel, muitos dos modelos do Grupo são líderes em baixas emissões de CO2 em cada uma das suas categorias. Devido ao facto de representarem uma parte significativa das vendas na Europa, contribuem, consequentemente, para uma redução geral das emissões poluentes.

Os seguintes modelos são exemplos de veículos líderes em baixas emissões de CO2:

- Citroën C4 Cactus 1.6 BlueHDi 100 cv, 82 g/km

- Citroën DS 3 1.6 BlueHDi 100 cv, 79 g/km

- Peugeot 308 1.2 PureTech 130 cv, 107 g/km. Esta versão estabeleceu um novo recorde de economia de combustível com uma média de 2,85 litros/100 km, percorrendo um total de 1.810 km com um depósito de 51 litros.

Os novos modelos Peugeot 308 e Citroën C4 Picasso (fabricados com a nova plataforma EMP2) e o Citroën C4 Cactus (lançado em 2014) têm pesos significativamente reduzidos, em -140 km e -200 kg, respectivamente, o que se revela, também, um factor essencial de redução de emissões.

“Esta redução marcante das emissões de CO2 é o fruto das avançadas tecnologias empregues pelo Grupo PSA Peugeot Citroën nos motores a gasolina e diesel, mas também da pesquisa contínua para desenvolver veículos mais leves e aerodinâmicos”, disse Gilles Le Borgne, Director de I&D da PSA Peugeot Citroën. “O Grupo continua a investir fortemente na investigação e inovação, particularmente no campo das tecnologias dos Híbridos Plug-in e numa nova geração de veículos eléctricos”.

*Média homologada NEDC ciclo combinado de emissões CO2 dos veículos ligeiros de passageiros do Grupo PSA Peugeot Citroën vendidos em 2014, nos 22 estados membros da U.E. (excluindo Grécia, Croácia, Roménia, Bulgária, Chipre e Malta)

 

 

3 M É NOTICIA

 

No seguimento da campanha de lançamento da fita de mascarar 233+

3M premeia profissionais “Auto-Exigentes”

 

4@11@9@11@9@5xe" filled="f" stroked="f">image001.png@01D04168.0C145E10" croptop="9673f" cropright="2534f">No seguimento da campanha de lançamento da fita de mascarar 233+, indicada para todo o processo de mascarar em qualquer reparação automóvel, a 3M Ibéria lançou várias promoções e um sorteio aos profissionais “auto-exigentes”.

 

Todos os profissionais que adquiriram pelo menos uma caixa de fita 233+, em 2014, puderam habilitar-se a ganhar um dos três grandes prémios a sorteio:

 

1º Prémio: Mota Honda PCX 125;

2º Prémio: Experiência de conduzir um super desportivo no circuito de Jarama (incluindo viagem, mais estadia no hotel se o vencedor não for de Madrid);

3º Prémio: Cartão El Corte Inglés no valor de 250 euros;

 

O sorteio decorreu no final do ano de 2014 e os respetivos prémios acabam de ser entregues aos profissionais das seguintes oficinas:

 

1º Vencedor - oficina: AUTOPEREZ CASTEJON, SL;

2º Vencedor  - oficina: Automoviles Citroen España;

3º Vencedor  - oficina: Automoviles ENMA.

 

3M Auto-Exigentes: Soluções de Confiança para Profissionais que transformam cada reparação automóvel numa verdadeira Obra de Arte!

 

 

Acerca da 3M

A 3M capta a força das novas ideias e transforma-as em milhares de produtos inovadores. A nossa cultura de colaboração criativa inspira um fluxo constante de tecnologias fortes que tornam a vida melhor. A 3M é uma empresa de inovação que nunca para de criar. Com 31.000 milhões de dólares em vendas, a 3M emprega 89.000 colaboradores em todo o mundo e tem operações em mais de 70 países. Para mais informação consulte o website www.3m.pt. Siga a empresa em twitter.com/3MPortugal ou facebook.com/3MPortugal e visite a sua página Youtube: www.youtube.com/3MIberia

 1vencedor Copy2 Vencedor_Copy3 Vencedor_Copy

 

TOYOTA REFORÇA SERVIÇO APÓS VENDA

 

Toyota reforça serviço Após-venda para viaturas com mais de 5 anos

A Toyota acaba de anunciar o arranque do novo Serviço Toyota 5+, dando continuidade à ação iniciada em 2014, orientada para todas as viaturas da marca com mais de 5 anos. Reforçando a proposta anterior de packs de óleo e filtro, somam-se agora packs de travões e pack de embraiagem, inicialmente disponíveis para os modelos Aygo e Yaris e que vão ser alargados aos restantes modelos. A Rede de Oficinas Toyota dispõe de um serviço específico, dedicado a todas as viaturas Toyota com mais de 5 anos, proporcionando aos seus clientes toda a qualidade a preços fixos e competitivos.

Numa altura em que a idade média do parque circulante se situa nos 11 anos e as famílias privilegiam preços de manutenção/reparação mais competitivos para o seu Toyota (continuando sempre a valorizar o fator segurança durante a condução), as propostas agora, disponíveis no Serviço Toyota 5+ procuram dar resposta a esta nova realidade.

E porque a segurança, a par da qualidade, são dois dos pilares fundamentais da marca, ao aderir aos packs de óleo e filtro (a partir de 54,90€), os clientes Toyota podem ainda beneficiar de um check-up gratuito que inclui os seguintes itens:
• Travões
• Amortecedores
• Escape
• Verificação de danos na carroçaria (arranhões, mossas, etc.)
• Escovas limpa para-brisas (examinar se é preciso a sua substituição)
• Luzes (faróis: verificar a necessidade de polimento ou substituição)
• Para-brisas (existência de quebras)
• Pneus (verificar desgaste e necessidade de substituição ou alinhamento)
• Bateria (necessidade de recarregar ou substituir)
• Cintos de segurança

Em qualquer uma das Oficinas Toyota, os clientes vão encontrar uma equipa especializada, ferramentas de diagnóstico específicas para o modelo em questão, peças genuínas e a garantia de um serviço de qualidade Toyota. A proposta é clara: "O seu Toyota nas mãos de quem o conhece realmente."Servico-Toyota-5-Mais-002 Copy

 

A LIXA DA 3M IMPERMEÁVEL

 

Sabe como foi inventada a lixa impermeável 3M? Estávamos no início dos anos 20. A 3M era já uma empresa próspera que procurava produtos inovadores. O seu então vice-presidente – William L. McKnight – sabia que as ideias inovadoras podiam vir de qualquer parte e de qualquer pessoa. Atento a este fato, a sua curiosidade foi despertada ao examinar uma carta enviada à empresa em 1920 por um jovem chamado Francis G. Okie, um pequeno fabricante de tintas de impressão de Filadélfia.

Okie solicitava na sua carta amostras de qualquer tamanho de grãos minerais utilizados pela 3M no fabrico dos seus abrasivos. No entanto, não especificava qualquer razão para o seu pedido. McKnight, em vez de pôr a carta no lixo, reencaminhou-a ao seu diretor de vendas da Divisão Este, R.H. Skillman, que viria a entrar em contacto com Okie.

Foi assim que a 3M soube das suas ideias para um novo tipo de papel de lixa impermeável. Através da equipa de trabalho de Okie e dos investigadores da empresa foram criados os abrasivos em suporte flexível Wetordry, patenteados e postos no mercado em 1921.

Os fabricantes e polidores de automóveis foram os primeiros a adotar o novo produto, seguidos da indústria do mobiliário. Em meados dos anos 20, a marca Wetordry era líder no mercado de abrasivos sobre suporte flexível e continua no mercado até aos dias de hoje. Nas linhas de montagem esta lixa também melhorou as condições de saúde de trabalhadores de todo o mundo.wetordry Copy

 

MAZDA APRESENTA NOVIDADES EM GENEBRA

 

Mazda com vaga de novos modelos
em Genebra

 


• Estreia do Mazda CX-5 em solo europeu
• Novos Mazda MX-5 e Mazda2 lado a lado com os 2015 Mazda CX-5 e 2015 Mazda6

 

. A ofensiva de modelos da Mazda chegará a todo o
vapor no decurso da 85ª edição do Salão de Genebra, a realizar no início de Março, ali se
apresentando o novo Mazda CX-3 – o seu quinto lançamento num espaço de seis meses – lado a
lado com duas novas gerações de outros modelos, o novo Mazda MX-5 e o novo Mazda2
recentemente desvendados, bem como as gerações 2015 Mazda CX-5 e 2015 Mazda6.
Em lugar de destaque estará o Mazda CX-3, o primeiro pequeno SUV da Mazda que faz a sua
estreia em solo europeu. Disponibilizado com tracção AWD ou 2WD, o elegante design KODO e a
combinação que ultrapassa as convenções no domínio da eficiência de consumos e performance,
permitido pela Tecnologia SKYACTIV, estarão aptas a enfrentar de imediato as necessidades deste
segmento em rápido crescimento, quando no início do Verão tiver início a sua comercialização.
Já a muito aguardada quarta geração do Mazda MX-5 oferece conteúdos para todos os gostos.
Revelado em Setembro último, as características do novo MX-5 irão fazer acelerar os corações
através de um novo design exterior e dos motores SKYACTIV. O design de reduzido peso remonta
às raízes do modelo original lançado há 25 anos, num modelo cuja chegada ao mercado está
agendada para o próximo Outono.
Por seu turno, o novo Mazda2 eleva a fasquia do segmento B através de uma completa gama de
equipamentos para a sua classe, incluindo um sistema head-up display. Entretanto, o pequeno
citadino já garantiu os ceptros de “Carro do Ano 2014-15” no Japão e o “Volante de Ouro” na
Europa.
Finalmente, as edições 2015 Mazda CX-5 e 2015 Mazda6 completam o conjunto de novas
propostas que a Mazda mostra em Genebra. Além de um visual e interiores redesenhados,
destacam-se os novos sistemas de segurança activa, como sejam os Faróis de LED Adaptativos,
uma estreia na Mazda. O 2015 Mazda6 terá, a partir de agora, uma variante AWD e um sistema
head-up display, enquanto a gama de motores do 2015 Mazda CX-5 passa a contar com o
poderoso SKYACTIV-G 2.5 a gasolina.

 

cx-3 2015_Copy
Todos estes cinco modelos estarão equipados com o MZD Connect, sistema de conectividade
através de smartphones, de elevada segurança e fácil utilização, e com a conceituada tecnologia de
segurança activa i-ACTIVSENSE da Mazda.
No Salão de Genebra, certame que abre as suas portas à imprensa nos dias 3 e 4 de Março, a
Mazda ocupará o stand 5150 (pavilhão 5). Segue-se a abertura ao público entre os dias 5 e 15
desse mês. A Conferência de Imprensa da Mazda está marcada para as 10h45 do dia 3 de Março.

 

GALERIA DE IMAGENS

GALERIA DE IMAGENS

 

GT EM SLOT

 

 

Grupo de imagens da derradeira prova de slot para a categoria de GT, que teve lugar na pista do Slot Clube do Porto.

 

Fotos de Luis Faria - www.velocidadeonline.comslot100 Copyslot101 Copyslot102 Copyslot103 Copyslot104 Copyslot105 Copyslot106 Copyslot107 Copyslot108 Copyslot109 Copyslot110 Copyslot111 Copyslot114 Copyslot115 Copyslot116 Copyslot117 Copyslot118 Copyslot119 Copyslot120 Copyslot121 Copyslot122 Copyslot124 Copyslot125 Copyslot126 Copyslot127 Copyslot128 Copyslot129 Copy

 

BOSCH COM NOVIDADES

 

Reforço do setor das Soluções de Mobilidade

Bosch conclui aquisição da ZF Lenksysteme

Aprovada pelas autoridades da concorrência

„  A direção elétrica, área em crescimento, é uma tecnologia base para a assistência ao condutor, condução automatizada e carros elétricos

„  Integração no grupo Bosch como divisão independente.

„  A empresa vai chamar-se Robert Bosch Automotive Steering GmbH

No dia 30 de janeiro de 2015, o Grupo Bosch concluiu a aquisição dos restantes 50% das ações da ZF Friedrichshafen AG’s, na joint venture Lenksysteme GmbH (ZFLS), após aprovação por parte das autoridades da concorrência. A empresa vai ser agregada ao grupo Bosch como uma nova divisão com o nome Robert Bosch Automotive Steering GmbH, designação escolhida após votação entre os colaboradores da ZFLS.

A ZFLS emprega mais de 13,000 colaboradores em oito países. A empresa desenvolve, fabrica e vende para todo o mundo sistemas de direção para veículos comerciais e veículos de passageiros. Em 2013 registou vendas de cerca de 4.1 mil milhões de euros. A empresa está presente nos mercados automóvel mais importantes, num total de 20 localizações, tais como Europa, EUA, China, Índia, Brasil e Malásia.

A ZFLS é líder no fabrico de sistemas de direção elétrica mais modernos e económicos, através dos quais gera 60 por cento das suas vendas atualmente. Em conjunto com o seu potencial de poupança de combustível de 0.8 litros aos 100 km, a direção elétrica é a tecnologia base obrigatória para a execução de diversos sistemas de assistência em veículos, bem como para a condução automática. Por exemplo, os sistemas de direção elétrica são um dos pré-requisitos para a ativação da direção automática em situações críticas, bem como para a assistência de faixa de rodagem, e a função start-stop. A ZFLS também oferece sistemas de direção elétrica adequados para o mercado dos veículos elétricos que se encontra em crescimento.

Por outro lado, também a utilização da direção elétrica nos veículos comerciais está a aumentar. Na IAA de Veículos Comerciais 2014, em Hannover, a ZFLS apresentou o novo sistema de direção para veículos comerciais, o Servotwin, que se posiciona como o primeiro passo para a eletrificação da direção de veículos comerciais. A direção hidráulica elétrica para este tipo de veículos abre caminho para a introdução dos sistemas de assistência ao condutor também no segmento comercial.

Os clientes da Bosch vão beneficiar, desta forma, da ampla gama de produtos, que agora inclui sistemas de direção. O principal foco das atividades de I&D da ZFLS é a rede de componentes integrados em sistemas completos controlados por software. Por exemplo, a empresa desenvolveu uma solução para produção em série que permite que o carro seja rebocado e manobrado de fora do veículo através de um smartphone. Graças ao desenvolvimento, do Servotwin, o sistema de direção hidráulico elétrico também funciona em camiões com mais de 40 toneladas de volume de carga, cujo protótipo foi apresentado na IAA de 2014.     

Este tipo de sistema de direção elétrica compacto, de engenharia local e particularmente económico no consumo de combustível para os mercados asiáticos, revela que a empresa não tem apenas soluções para o segmento premium. Ou seja, até os consumidores que conduzem carros mais acessíveis podem beneficiar do aumento da eficiência oferecida por estes produtos.

Em 2013, a empresa investiu cerca de 238 milhões de euros em investigação e desenvolvimento, sendo que, no total, cerca de 1.400 dos novos colaboradores da divisão, ou mais de um em cada dez, trabalham nesta área da empresa... Desde que foi criada, há cerca de 15 anos, a empresa apresentou cerca de 750 patenteslogo bosch_Copy

 

FROTA AUTOMÓVEL EM PORTUGAL

 

Em Portugal, Espanha e Itália, devido à forte queda dos mercados automóveis durante os últimos anos, a idade média do parque automóvel aumentou dois anos, entre 2006 e 2013, ultrapassando a faixa dos 10 anos de idade média. No caso português, a idade média do parque automóvel chegou mesmo aos 10,6 anos, acima da média europeia que se situa nos 9,7. Estas são algumas das conclusões do mais recente estudo do Observador Cetelem, que analisou o envelhecimento do parque automóvel.

O estudo mostra ainda que a idade dos automóveis em circulação varia entre os diferentes países, nomeadamente na Europa, onde existem grandes disparidades. Com uma idade média de 7,6 anos, o Reino Unido possui o parque automóvel mais jovem da Europa, graças ao canal “empresas” que, mais do que em qualquer outro país, efetua a renovação da sua frota com maior frequência do que os agregados familiares privados. No outro extremo está a Polónia, onde os automóveis em circulação têm em média 16 anos. 

 

À semelhança do que acontece na Europa do Sul, também nos Estados Unidos se verifica um envelhecimento significativo do parque automóvel. Se em 2006 a idade média do parque automóvel americano era de 9 anos, atualmente é já superior a 11 anos. No Japão, onde existe um imposto sobre a propriedade que penaliza os veículos mais antigos, a tendência é para a estabilização do parque automóvel, que ronda os 8 anos de idade média.

 

De entre os países analisados pelo Observador Cetelem, a China, cujo mercado automóvel era quase inexistente antes do ano 2000, apresenta-se como uma verdadeira exceção tendo um parque automóvel consideravelmente mais jovem, com uma média de 4,6 anos.

 

«Os casos de incentivos ao abate não foram suficientes para acabar com o envelhecimento do parque automóvel na Europa. O Observador Cetelem já dava conta de um parque envelhecido de 7,9 anos em 2006; situação que continuou a progredir ultrapassando agora a média dos 9 anos na Europa e de 10,6 anos em Portugal», explica Diogo Lopes Pereira, diretor de marketing do Cetelem.

 

SUGESTÃO DO DIA

SUGESTÃO DO DIA

 

VEJAM ESTE VIDEO DO NOVO FOCUS RS

 

 

 

No seguimento da informação disponibilizada sobre o novo Focus RS remetemos o link para um vídeo com Ken Block ao volante do Focus RS:

 

https://www.youtube.com/watch?v=Qy-mhyUAaqE
 

SAGA CITROEN DS 21

1955-2015 DS_NB-5334_Copy1955-2015 DSCL-14.147.032_Copy1955-2015 DS-21-CL_72_24_16-copyright-A.-MARTIN--_Copy1955-2015 DS-19-1960-CL_60_011_001---copyright-A.-MARTIN--_Copy

1955–2015: DS ORIGINAL FESTEJA
Em ano de lançamento, a marca DS
Retromobile, em Paris (França), ali comemorando o 60º aniversário do DS
original de 1955. A partir de hoje, dia 4 e
automóveis poderão descobrir a vitrina DS, localizada
Parc des Expositions de Porte de Versailles e submergir na história lendária
deste automóvel. Organizado com o apoio inestimável da organização
Amicales CITROËN* e dos clubes DS e SM**, a exposição reunirá cinco
unidades de prestígio, bem como uma das mais recent
o DS 3 CABRIO na versão Ultra Prestige
Encontro internacional para entusiastas de automóveis antigos, a exposição Rétromobile representa, para a marca DS, um
ponto de encontro inigualável com o grande
irá expor uma seleção de exemplares emblemáticos do DS original, nomeadamente uma viatura apresentada há 60 anos
no Salão de Paris. A vitrina DS contará, ainda, com dois exemplares do SM, bem como um modelo actual
comercialização, o DS 3 CABRIO.
O envolvimento de vários coleccionadores permitiu reunir
percepção da herança única que hoje alimenta a M
combinam design e tecnologia, conforto e
esperadas são:
- um DS 19 de 1959, apresentado na sua configuração original, com uma pintura num tom cinza rosado e com um
tejadilho aubergine, sendo o interior em azul royal. Concebido para exportação para a Alemanha,
se um termómetro para a temperatura da água
válvulas, conta com uma caixa de quatro velocidades de comando hidráulico

 


O SEU 60º ANIVERSÁRIO NO
irá estar presente na 40ª edição do
até 8 de Fevereiro, os amantes de
bem no coração do
s N* recentes criações da Marca,
Prestige.
público. Apresentando-se como Marca, pela primeira vez
cinco exemplares de excepção. O público poderá ter, assim, uma
ança Marca DS para que possa oferecer aos seus client
prazer de condução, materiais nobres e requinte n
, do motor e um rádio FM/LW. Equipado com um motor de três
, hidráulico;
RÉTROMOBILE
arca, neste evento, a DS
actualmente em
arca clientes automóveis que
nos detalhes. As estrelas ali
no seu painel destacaor

 


- um DS 21 Cabriolet de 1968, equipado com uma caixa de velocidades de comando hidráulico. O nível de
acabamento particularmente refinado desta unidade de linhas elegantes inclui revestimentos em couro vermelho que
contrastam com o branco Carrare da sua carroçaria e o negro do seu capot;
- um DS 20 Pallas de 1973, exemplar de luxo e excelência, dotado de guarnições em couro tabac, uma carroçaria em
beige Tholonet, vidros escurecidos e até mesmo um tejadilho de abertura. O modelo está equipado com uma caixa de
quatro velocidades de comando hidráulico, sincronizadas, e de um motor de 1985 cm3;
- um SM em versão Coupé de 1971 que em termos pertenceu a Sua Majestade Hassan II, Rei de Marrocos. Com uma
pintura metalizada em cor de areia, este modelo distingue-se pela sua matrícula específica, acabamentos em couro
natural, ar condicionado, um rádio Hi-Fi Continental Edison específico para o modelo, vidros escurecidos e faróis de
nevoeiro. O motor que o equipa é um bloco V6 de origem Maserati;
- um SM em versão Coupé de 1972 novo, pintado em castanho Scarabée e com estofos de couro de favos. A sua
suspensão hidráulica com correcção de altura é semelhante à do DS contando ainda com um inovador sistema de
direcção assistida (DIRAVI) que lhe confere um prazer de condução ainda maior.
Adicionalmente estará ali exposto um DS 3 CABRIO ULTRA PRESTIGE lado a lado com estes modelos lendários, modelo
que também encerra os genes dos DS originais e mesmo do SM, na vanguarda da modernidade.

 

CLASS E COM SÉRIE ESPECIAL

 

Mercedes-Benz Classe E com edição especial

 

A Mercedes-Benz irá apresentar em março de 2015 uma edição especial para o Classe E, denominada “Edition E”. Esta edição terá por base a linha de equipamento Avantgarde para todas as motorizações, exceto AMG, distinguindo-se pelos seguintes equipamentos:

 

  • Logótipos específicos "Edition E";
  • Pack Desportivo AMG;
  • Estofos em pele;
  • Tapetes com lettering “Edition E”;
  • Audio 20 CD com navegação Garmin.

 

Com um valor de comercialização de 2.600€, esta edição especial terá uma vantagem para o cliente de 2.400€ podendo ainda ser combinada com o Advantage Pack II, que inclui a pintura metalizada e o COMAND Online, aumentando neste caso a vantagem de preço para o cliente para 3.350€.

 

Esta edição especial já se encontra disponível para encomenda nos Concessionários Oficiais Mercedes-Benz, estando prevista a chegada das primeiras unidades a Portugal em março.Mercedes-Benz Classe_E_Copy

 

MAZDA A CAMINHO DO RECORDE

 

3º Trimestre do Ano Fiscal: Mazda ruma a ano
recorde num crescimento liderado pela Europa
• Crescimento de 70 por cento nos resultados líquidos e de 22 por cento nos resultados
operacionais no conjunto dos primeiros nove meses do presente ano fiscal
• Crescimento global de vendas de 5 por cento face a igual período anterior, liderado pelos
16 por cento de evolução na Europa


 A tendência de crescimento da
Mazda Motor Corporation permanece intacta após o terceiro trimestre do presente ano fiscal, com o
construtor a dar continuidade à melhoria dos resultados recorde estabelecidos no ano passado. No
período compreendido entre Abril e Dezembro de 2014, a Mazda viu aumentar os resultados
líquidos em 70 por cento comparativamente aos mesmos nove meses do ano fiscal anterior, para
131,5 mil milhões de ienes (939 milhões de euros). Os resultados operacionais aumentaram 22 por
cento para 152 mil milhões (1,9 mil milhões de euros) no mesmo período, enquanto as receitas
cresceram 13 por cento para os 2,19 biliões de ienes (15,7 mil milhões de euros)*.
Já as vendas de veículos aumentaram 5 por cento nos primeiros nove meses, em comparação com
o mesmo período de há um ano, representando 1.003.000 unidades em todo o planeta. Para tal
contribuiu o forte impulso registado na Europa**, mercado em que a Mazda cresceu 16 por cento
com 125.000 unidades vendidas, superando-o de modo significativo em termos de performance.
Registou, também, fortes vendas na América do Norte (+11 por cento, 320.000 unidades) e na
China (+10 por cento, 156.000). A Mazda espera alcançar a fasquia de 1,4 milhões de unidades
vendidas em todo o mundo no final do presente ano fiscal, que termina a 31 de Março próximo.
A nova geração de modelos Mazda impulsionou o crescimento na Europa e noutros pontos do
planeta, com modelos como o Mazda CX-5 e o Mazda3 a liderarem essa performance. O line-up de
veículos equipados com a inovadora Tecnologia SKYACTIV e dotados do deslumbrante design
KODO continua em expansão. Já em comercialização em alguns mercados, o premiado novo
Mazda2 chega à Europa no presente trimestre, juntamente com o 2015 Mazda CX-5 e o 2015
Mazda6. Seguem-se-lhes, em meados do ano, o novo Mazda CX-3, o primeiro pequeno SUV da
Mazda destinado a este crescente segmento de mercado, e depois a quarta geração do Mazda MX-
5, a mais recente edição do roadster mais vendido da história.
mazda-badge-hires Copy
Em face deste panorama e com o processo de globalização da produção a seguir de acordo com os
planos, a Mazda continua no bom caminho para ir ao encontro dos objectivos que definiu para o
presente ano fiscal, onde pretende alcançar um novo recorde em termos de resultados
operacionais. A Mazda confirmou as suas previsões para a totalidade de um ano de 210 mil milhões
de ienes (1,52 mil milhões de euros), acima do recorde alcançado no ano fiscal anterior e que foi de
182 mil milhões de ienes, com resultados de 2,98 biliões de ienes. O resultado líquido previsto é de
160 mil milhões de ienes, valor que, uma vez alcançado, representaria uma evolução de 18 por
cento face ao ano anterior.
* Fonte: Resultados Financeiros Consolidados do 3º Trimestre do Ano Fiscal que termina a 31 de Março de
2015, da Mazda Motor Corporation”. Câmbios do Euro calculados a €1 = ¥140 para os primeiros nove meses
e a €1 = ¥138 para a totalidade do ano

 

RENAULT LIDERA REDES SOCIAIS

 

RENAULT LIDERA REDES SOCIAIS EM PORTUGAL COM

A AGÊNCIA ATELIER DO CARACTERE!

 

Na sequência do trabalho desenvolvido pela agência Atelier do Caractere, durante o ano de 2014, a Renault foi a marca automóvel com maior número de menções nas redes sociais em Portugal e a única do sector que integrou o top-20 das marcas de todos os sectores de actividade. Os dados são do Social Media Explorer, a ferramenta de monitorização e de análise do digital do grupo Marktest.

 

Cinco anos depois de dar início ao desafio de lançar a Renault nas redes sociais, em Portugal, a agência de comunicação Atelier do Caractere continua a conduzir a marca a excelentes resultados. Na realidade, desde que o Social Media Explorer deu início à monitorização e análise do digital, a marca tem sido sistematicamente a líder do sector automóvel e a única a intrometer-se entre as marcas de todos os sectores de actividade, com o ano de 2014 a não ser excepção.

 

Segundo o Social Media Explorer do grupo Marktest,  em 2014, a Renault foi a marca automóvel com maior número de menções nas redes sociais, blogues, fóruns e RSS e a única do sector que integrou o Top 20 das marcas de todos os sectores de actividade.

 

 

Em Março de 2010, o Atelier do Caractere introduziu a Renault nas redes sociais em Portugal e hoje gere cinco plataformas que reúnem cerca de 200 mil seguidores: https://www.facebook.com/RenaultPortugal, https://twitter.com/RenaultPortugal, https://www.youtube.com/user/RenaultPortugal, http://instagram.com/renault_portugal e http://pt.scribd.com/RenaultDacia.

 

Para além da produção e gestão de conteúdos, monitorização permanente, interacção com os membros (365 dias por ano!) e planeamento e implementação de diferentes campanhas, a agência tem ainda a responsabilidade de monitorizar a presença da Renault no digital, não apenas nas redes sociais, mas também em blogues, fóruns e RSS. Um serviço que é extensível à marca Dacia.

 Facebook Renault_Copy

 

VERSÃO MAIS MUSCULADA PARA O CORSA

Nova geração Opel Corsa vai ter versão OPC de alta ‘performance’

 

  • Motor 1.6 Turbo com 207 cv de potência e binário de 280 Nm;
  • Aceleração 0-100 km/h em apenas 6,8 segundos; velocidade máxima de 230 km/h;
  • Estreia mundial no Salão de Genebra, em março.

A Opel revela no Salão de Genebra, no início do próximo mês de março, a versão de elevada ‘performance’ da nova geração Corsa. O novo Corsa OPC foi desenvolvido a pensar no máximo desempenho em pista e em estradas exigentes, mas continuará a poder ser utilizado normalmente no dia-a-dia visto que o habitáculo não perde em espaço e a suspensão possui características especiais para manter bons níveis de conforto.

«As nossas versões OPC são os ponta de lança das respetivas gamas. Refletem a tradição desportiva da marca e distinguem-se com evoluída tecnologia e dinâmica de condução ímpar. O novo Corsa OPC demonstra o nível elevadíssimo em que os nossos engenheiros colocaram a fasquia no que se refere a desportivos neste segmento dos utilitários», afirmou o CEO do Opel Group, Karl-Thomas Neumann depois de completadas as voltas rápidas do programa final de calibração do novo Corsa OPC no centro de testes da marca em Dudenhofen.

Mantendo a tradição OPC, o Corsa mais potente possui traços de ‘design’ que o identificam imediatamente como membro da família nascida no Opel Performance Center. A secção dianteira tem entradas de ar de maiores dimensões, nomeadamente as aberturas abaixo dos faróis, semelhantes às do Astra OPC. Atrás destaca-se o ‘spoiler’ no topo do óculo traseiro, que poderá assumir dois formatos à escolha. De série, este Corsa oferece um ‘spoiler’ discreto mas pode ser equipado com um de maiores dimensões que reforça a carga aerodinâmica no eixo traseiro. O escape tem assinatura da conceituada especialista Remus, o que é evidenciado pela dupla saída e pelo inconfundível ruído que é produzido assim que o acelerador é pressionado.

A personalidade dinâmica do Corsa OPC está igualmente bem vincada no habitáculo, onde se destacam desde logo os bancos ‘bacquet’ Recaro que oferecem ótimo suporte dos ocupantes mesmo nos percursos mais exigentes. Especiais são também o volante, com base plana, o punho da alavanca da caixa de velocidades, os pedais e a instrumentação com desenho OPC. A mais recente geração IntelliLink, que permite a integração de aplicações de dispositivos móveis Android e Apple iOS, está igualmente incluída no equipamento de série.

1.6 Turbo ECOTEC com 207 cv e 280 Nm

Na base da excecional dinâmica do novo Opel Corsa OPC está um motor de 1,6 litros sobrealimentado, a gasolina, capaz de debitar 207 cv. A disponibilidade de potência a qualquer regime é bem revelada pelo binário máximo de 245 Nm que se mantém num patamar constante entre as 1900 e as 5800 rpm. A função ‘overboost’ oferece 35 Nm adicionais. Os engenheiros da Opel focaram-se na rápida formação de binário e na extensão da faixa em que aquele valor se mantém no máximo. A nova geração Corsa OPC representa um avanço considerável neste campo, tendo melhorado muito a resposta do motor a baixas rotações. Registe-se que o anterior Corsa OPC Nürburgring Edition atingia o binário máximo às 2250 rpm.

A potência é transmitida às rodas dianteiras através de uma caixa manual de seis velocidades cujo comando se destaca por ser curto e rápido. Este é um fator que contribui para que o Corsa OPC consiga cumprir a aceleração de zero a 100 km/h em meros 6,8 segundos. A velocidade máxima é de 230 km/h. Apesar de todos estes respeitáveis números no que toca a ‘performance’, o 1.6 Turbo consegue ser económico e apresentar uma média de consumo em ciclo misto de apenas 7,5 l/100 km, a que correspondem emissões de CO2 de 174 g/km.

Suspensão com Amortecimento de Frequência Seletiva (FSD)

No desenvolvimento da suspensão do novo Corsa OPC os engenheiros da Opel estabeleceram uma equipa com os especialistas da Koni. Em conjunto, criaram uma solução inovadora em matéria de amortecimento que é extremamente eficaz e inquestionavelmente dinâmica mas consegue oferecer bons níveis de conforto. Este binómio tornou-se possível com a adoção da tecnologia de amortecimento de frequência seletiva (FSD), a qual permite que as forças de amortecimento se adaptem à frequência do trabalho da suspensão.

A suspensão do Corsa OPC recebe também novas molas que reduzem a altura ao solo em 10 mm. O conjunto do chassis foi calibrado a pensar num desempenho dinâmico capaz de desafiar limites. A utilização de sistemas de controlo eletrónico da mais recente geração permite diferentes modos de funcionamento do programa eletrónico de estabilidade (ESP) e do controlo de tração (TC). No ‘Modo Competição’, por exemplo, o controlo de tração é desligado e o ESP intervém mais tarde. Registe-se que ambos ESP e TC podem ser completamente desligados pelo condutor.

O sistema de direção do mais recente membro da família OPC também foi otimizado. Reage de forma mais direta e precisa, conseguindo tornar-se mais ‘informativa’. A travagem está a cargo de quatro discos, com os dianteiros, ventilados, a assumirem diâmetro de 308 mm. E os pneus Michelin 215/45 montados em jantes de liga leve de 17 polegadas são de série.

‘Pack Performance’ eleva o patamar da dinâmica

A Opel disponibiliza para o novo Corsa OPC um conjunto de equipamento que eleva o desempenho dinâmico em alguns degraus. A transmissão passa a contar com um diferencial autoblocante mecânico viscoso multidiscos, feito pela Drexler, as rodas de 17” são substituídas por jantes de 18” e as regulações da suspensão assumem um pendor mais desportivo. O ‘pack’ oferece ainda um sistema de travagem Brembo com discos dianteiros de 330 mm de diâmetro.

Tal como todos os produtos criados pelo Opel Performance Center, o novo Corsa OPC foi intensamente testado no mítico circuito de Nürburgring Nordschleife durante a fase de desenvolvimento1423061983394 Copy

 

VENDAS RENAULT NISSAN COM AUMENTO

 

AS VENDAS DA AlianÇA  Renault-Nissan AUMENTAM PELO 5ºANO CONSECUTIVO, ATINGINDO OS 8,5 MILHÕES DE AUTOMÓVEIS EM 2014

  • As vendas crescem pelo quinto ano consecutivo devido, sobretudo, ao aumento nos Estados-Unidos e na Europa Ocidental.
  • As vendas da Aliança, incluindo a AVTOVAZ representam um em cada 10 automóveis vendidos no mundo.
  • A Aliança mantém a sua posição de liderança nos veículos Zero Emissões com um crescimento das vendas de 24%.

A Aliança Renault-Nissan registou, em 2014, um novo recorde de vendas com 8 470 610 unidades.

As vendas da Aliança crescem pelo 5º ano consecutivo e registam uma progressão de 2,5% face ao ano de 2013. Um em cada 10 automóveis vendidos no mundo sai das fábricas da Renault, Nissan ou AVTOVAZ.

« Um forte crescimento da procura nos Estados-Unidos, a recuperação do mercado na Europa Ocidental e os novos e atraentes modelos estão na base do crescimento, mais uma vez, das vendas da Aliança em 2014 » anuncia Carlos Ghosn, PDG da Aliança. « Nós continuamos bem posicionados e optimistas em relação aos projectos de longo prazo nos mercados emergentes, apesar do recente declínio que pudemos observar nos mercados Russo e Brasileiro. »

A Renault SAS, o terceiro construtor Europeu, vendeu 2 712 432 automóveis em 2014 com um crescimento de 3,2 % face a 2013. Com 1 464 611 unidades vendidas na Europa Ocidental, os volumes do Grupo cresceram 12,5% (2 vezes mais que o crescimento do mercado). Na Europa, a quota de mercado do Grupo Renault ultrapassou os 10%. (+0,6 pontos face a 2013). A Dacia é a marca na Europa que regista o maior crescimento, ganhando 0,4 pontos.

Fora da Europa o Grupo Renault registou quotas de mercado recorde no Brasil e na Rússia que são respectivamente, os segundo e terceiro mercados do Grupo depois da França.

A Nissan Motor Co., Ltd., vendeu 5 310 064 automóveis em todo o mundo com um crescimento de 4,1 % face ao ano anterior. Nos seus principais mercados (Estados-Unidos e China) as vendas da Nissan continuam acima de 1 milhão de unidades anuais.

A AVTOVAZ, o principal construtor Russo, vendeu 448 114 automóveis a nível mundial com uma quebra de 16,3 % face a 2013 devido, sobretudo, ao abrandamento da economia Russa. A Aliança Renault-Nissan detém uma participação maioritária no capital da AVTOVAZ que vende os seus modelos através da marca LADA. Um em cada três automóveis vendidos na Rússia pertenceu à Aliança Renault-Nissan e AVTOVAZ.

Os principais mercados da Renault-Nissan

Os 10 principais mercados da Aliança em 2014 foram: Estados-Unidos, China, Rússia, Japão, França, México, Brasil, Reino-Unido, Alemanha e Itália.

Na China, o primeiro mercado automóvel mundial, a Nissan vendeu 1 221 598 automóveis e é a principal marca japonesa na China com 5,5 % de quota de mercado. Em 2016, a Renault iniciará a produção na China em colaboração com a Dongfeng Motor. A fábrica de Wuhan terá, no início, uma capacidade de produção de 150 000 unidades por ano (que poderá ser aumentada posteriormente).

Nos Estados-Unidos, a Nissan registou um recorde de vendas com 1 386 895 unidades vendidas e um recorde de quota de mercado que atingiu os 8,4 %. Em 2014 os modelos Nissan : Altima, Rogue, Versa, Juke, NV200 e o LEAF (100 % eléctrico) obtiveram também recordes de vendas.

Na Rússia, a Aliança em conjunto com a AVTOVAZ, registaram uma quota de mercado de 30,7 %, (+1,1 ponto face a 2013). A AVTOVAZ detém uma quota de mercado de 15,5 %, (-0,9 pontos) enquanto a Renault com 194 531 automóveis vendidos obteve uma quota de mercado recorde de 7,9 %. A Nissan com 182 412 unidades vendidas obteve uma quota de mercado de 7,3% (+1,8 pontos).

No seu mercado doméstico, o Japão, a Nissan vendeu 670 263 automóveis com uma quota de mercado de 12 %.

Em França, no mercado doméstico da Renault, a marca vendeu 577 601 automóveis com um crescimento de 5,5 % e uma quota de mercado de 26,6 %, (+ 1,3 pontos).

No México, a Nissan registou um novo recorde de vendas com 293 204 unidades. A Nissan é líder do mercado Mexicano com 25,8 % de quota de mercado.

No Brasil a Renault bateu o seu recorde de quota de mercado atingindo os 7,1% e que corresponderam 237 187 automóveis vendidos.

Os veículos Zero Emissões 

Em 2014 a Aliança Renault-Nissan vendeu 82 602 veículos eléctricos, com um crescimento de 24% face ao ano anterior e com uma quota de mercado global de 56%. O Nissan LEAF impôs-se como o modelo de maior sucesso no mercado com 61 507 unidades vendidas enquanto a Renault é a marca líder na Europa com 17 813 unidades incluindo o Twizy.

Desde Dezembro de 2010 a Aliança já vendeu 217 365 veículos eléctricos em todo o mundo. A Aliança vende um em cada dois veículos eléctricos no mundo, incluindo o quadriciclo Twizy e o Nissan e-NV200.

10 principais mercados da Aliança

 

 País

Vendas Totais

Quota de Mercado

Estados-Unidos

1 386 895

8,4 %

China

1 255 665

5,7 %

Rússia*

764 245

30,7 %

Japão

674 922

12,1 %

França

653 326

30,2 %

México

318 093

28 %

Brasil

309 547

9,3 %

Reino-Unido

259 762

9,3 %

Alemanha

240 181

7,4 %

Itália

184 416

12,5 %

*incluindo a AVTOVAZ.

10 principais mercados do Grupo Renault

País

Vendas Totais

Quota Mercado

França

577 601

26,6 %

Brasil

237 187

7,1 %

Rússia

194 531

7,9 %

Alemanha

173 479

5,3 %

Turquia

133 212

17,4 %

Itália

130 996

8,9 %

Espanha

127 666

13,2 %

Reino-Unido

109 014

3,9 %

Argélia

91 800

26,9 %

Argentina

84 946

12,9 %

 

 

 

 

 

 

 

 

GALERIA DE IMAGENS

GALERIA DOS CAMPEÕES

 

 

Derradeiro grupo de imagens da distribuição de prémios no passado fim de semana na Batalha.

 

Fotos de Gala dos Campeões - www.velocidadeonline.combe203 Copybe204 Copybe205 Copybe206 Copybe207 Copybe208 Copybe210 Copybe211 Copybe212 Copybe213 Copybe214 Copybe215 Copybe216 Copybe220 Copybe221 Copybe222 Copybeco1 Copybeco2 Copybecosport CopyBERNARDES1 CopyBERNARDES CopyBERNARDES Copycastanon1 Copycastanon2 CopyCHARAIS Copyfilipematias1 Copyfilipematias2 CopyFILIPEMATIAS Copyhugoaraujo1 Copyhugoaraujo CopyINACIO CopyJOANAB1 CopyJOANAB2 Copyjoaobrites-andrepinto CopyJOAOFONSECA2 CopyJOAOFONSECA CopyJOAOVAIRINHOS Copyjoaopaulomatos-victorrodrigues1 Copyjoaopaulomatos-victorrodrigues Copyluissilva Copymanuelporem Copymouta CopyNELSONTRINDADE1 CopyNELSONTRINDADE Copynog1 Copyvilareal Copynunosantos Copynunosantos1 Copynogueira Copynogueira9 Copynogueira2 Copy_Copynogueira3 Copynogueira4 Copy_Copynogueira5 Copy_Copynogueira6 Copy_Copynogueira7 Copy_Copynogueira8 Copy_Copynogueira9 Copy_Copy

 

PORSCHE COM NOVO MEMBRO DA FAMILIA

 

O novo membro da família GT da Porsche

 


O novo membro da família Porsche GT é o Cayman GT4. Esta é a pri-meira vez que a Porsche introduz uma versão GT com base no Cayman, que possui componentes do 911 GT3. Uma volta cronometrada de 7 minutos e 40 segundos ao circuito de Nürburgring coloca o Cayman GT4 como a nova referência do segmento. Também é uma afirmação de que a Porsche vai continuar a promover modelos des-portivos radicais de duas portas no futuro – veículos desportivos que são desenvol-vidos no departamento de competição em Weissach.
O motor, o chassis, os travões e os elementos aerodinâmicos do Cayman GT4 são configurados para obter o máximo prazer de condução mas, no entanto, de forma a que mantenha a versatilidade e a utilização diária típicas de um coupé de dois luga-res da Porsche. O motor é um boxer 3.8 de seis cilindros com 385 CV, que deriva do motor do 911 Carrera S. A caixa manual de seis velocidades conta com apoios dinâmicos para melhorar a performance. O Cayman GT4 acelera dos zero aos 100 km/h em 4,4 segundos; a velocidade máxima é de 295 km/h. O consumo médio de combustível NEDC é de 10,3 l/100 km. O chassis – rebaixado 30 mm e com um generoso sistema de travagem – é constituido, quase na totalidade, por componen-tes do 911 GT3.

Equipado para o circuito de competição: o primeiro Porsche Cayman com força descendente aplicada em ambos os eixos
No exterior, o Cayman GT4 é claramente diferenciado em relação aos restantes Cayman. Três distintas admissões de ar na dianteira e uma enorme asa traseira fixa, fazem parte do pacote aerodinâmico que foi especificamente desenvolvido para se obter mais força descendente neste Cayman tão especial. Sob pedido, o Cayman GT4 pode ser equipado ainda mais a rigor para a utilização desportiva. As opções são o Sistema de travagem em cerâmica PCCB, as bacquets integrais em fibra de carbono reforçada (CFRP), o Pacote Sport Chrono com a aplicação Track Precision e o Pacote Club Sport.
O interior do Cayman GT4 foi desenvolvido de forma a que o condutor e o passagei-ro possam experenciar uma condução pura. Os bancos desportivos, com revesti-mento em pele e alcântara, distinguem-se pelo excelente apoio lateral. O volante desportivo do GT4 garante uma pega ideal e um feedback da direcção preciso gra-ças às suas dimensões compactas.
Os aspectos técnicos do novo GT têm por base o 911 GT3. Como desportivo de motor central e um exemplo na dinâmica de condução na sua classe – segue a tra-dição e o conceito de modelos como o 904 GTS, o 911 GT1, o Carrera GT e o 918 Spyder. Os desportivos GT da Porsche encarnam da forma mais apaixonada possí-vel a ligação entre a condução no dia-a-dia e a condução em circuito, para além de traduzirem de forma exemplar o princípio da marca: Intelligent Performance. Quatro dos cinco condutores de desportivos da Porsche deste segmento, também são fre-quentes utilizadores dos modelos na pista.
O Cayman GT4 faz a sua estreia mundial no início de Março no Salão Automóvel Internacional de Genebra. Já pode ser encomendado, com a chegada prevista aos Centros Porsche em final de Março. Em Portugal, o preço do Cayman GT4 é de 118.847 euros, com impostos incluídos à data deste comunicado.
P15 0004_CopyP15 0062_CopyP15 0063_CopyP15 0064_CopyP15 0065_CopyP15 0066_CopyP15 0067_CopyP15 0069_CopyP15 0070_CopyP15 0071_CopyP15 0072_Copy

 

ANTÓNIO RODRIGUES COMEMOROU ANIVERSÁRIO

ANTÓNIO RODRIGUES

 

Foi a meio da passada semana que o conhecido piloto António Rodrigues comemorou mais um aniversário, na qual um grupo de amantes do automobilismo, organizaram um jantar em Oliveira de Azemeis, que contou com a presença de muita gente que assim juntou-se a este evento, que acabou por reunir coinhecidas figuras do automobilismo português.

 

 

Fotos de José Silva - www.velocidadeonline.comtoni1-festaaniv-fotosjosesilva-jantaolivazemeis Copytoni2 Copytoni3 Copytoni4 Copytoni5 Copytoni6 Copy

 

RESULTADOS NISSAN

 

RESULTADOS DE PRODUÇÃO, VENDAS E EXPORTAÇÃO DA NISSAN EM DEZEMBRO DE 2014 E NO ANO CIVIL DE 2014

 

 

RESULTADOS DE PRODUÇÃO, VENDAS E EXPORTAÇÃO DA NISSAN EM DEZEMBRO DE 2014 E NO ANO CIVIL DE 2014

  • A Nissan alcançou um recorde absoluto de produção global em 2014, crescendo 3,0% comparativamente a 2013, para mais de 5 milhões de veículos.
  • As vendas globais da Nissan em 2014 aumentaram 4,1% comparativamente ao ano anterior, ultrapassando 5,3 milhões de unidades e estabelecendo um novo recorde absoluto de vendas.
  • Os maiores mercados da Nissan em 2014 foram os EUA, seguidos da China, da Europa e do Japão
  • A Nissan é líder de vendas no México há 67 meses consecutivos, com mais de 22% de quota de mercado.


Imagens Relacionadas

Imagens Relacionadas

 

NOVO SKODA SUPERB

 

Novo ŠKODA Superb: interior espaçoso ao nível de veículos de categoria superior
> As primeiras impressões do Novo ŠKODA Superb
> Nova dimensão global: espaçoso e elegante, com grande atenção aos detalhes
> Confortável em todos os sentidos: extremamente espaçoso e com materiais de nível superior
> Novo patamar de qualidade: trabalho perfeito, precisão cristalina
Azambuja, 3 de fevereiro de 2015 – A ŠKODA destaca mais uma vez as tendências e extraordinárias capacidades de design aliadas ao poder emocional da Marca na nova geração do seu mais emblemático veículo. O Novo ŠKODA Superb combina espaço, funcionalidade e design de uma forma verdadeiramente única.
A ŠKODA já deixou transparecer alguns aspetos da futura linguagem de design da Marca no ano passado, aquando da apresentação do show car ŠKODA VisionC, no Salão Automóvel de Genebra. O novo Superb herda agora estas inovações para a produção em série. A ŠKODA apresenta agora alguns detalhes específicos da terceira geração do Superb com um olhar atento para o interior do veículo.
O objetivo dos engenheiros e designers da ŠKODA era criar um espaço interior superior, com um visual mais moderno, elegante e sofisticado. Com nova melhoria das dimensões interiores, a ŠKODA transitou qualidades dos veículos de categoria superior ao segmento em que o Superb está inserido. Com um conjunto incomparável de cotas interiores em todos os níveis, no conforto, nas novas soluções técnicas e de alta qualidade e em acabamentos precisos, o Novo ŠKODA Superb é verdadeiramente a nova referência no seu segmento face à concorrência.

O Novo ŠKODA Superb
O objetivo dos engenheiros e designers da ŠKODA era criar um espaço interior superior, com um visual mais moderno, elegante e sofisticado. Com melhorias significativas nas dimensões interiores, a ŠKODA transitou qualidades dos veículos de categoria superior ao segmento em que o Superb está inserido.
O Novo ŠKODA Superb
Com um conjunto incomparável de cotas interiores a todos os níveis, no conforto, nas novas soluções técnicas e de elevada qualidade e acabamentos precisos, o Novo ŠKODA Superb é verdadeiramente a nova referência no seu segmento face à concorrência.
KODA novo_Superb_Design_Sketch_CopyKODA novo_Superb_interior_01_Copy
ŠKODA AUTO
> É um dos construtores mais antigos da indústria automóvel em todo o mundo. Desde 1895 que a Marca Checa – sedeada em Mladá Boleslav – produziu bicicletas numa primeira fase, passando pouco tempo depois à produção de motos e de carros.
> Atualmente a oferta é repartida entre sete gamas de modelos de passageiros: Citigo, Fabia, Roomster / Praktik, Rapid, Octavia, Yeti e Superb.
> No ano de 2013 vendeu cerca de 920.800 veículos em todo o mundo.
> Está integrada na Volkswagen desde 1991. O Grupo VW é um dos grupos automóveis com maior sucesso em todo o mundo. A ŠKODA, em associação com o Grupo, fabrica de forma independente e desenvolve os seus veículos, bem como componentes, motores e transmissões.
> Opera em três locais na República Checa, produz na China, Rússia, Eslováquia e Índia, principalmente através de parcerias do Grupo, bem como na Ucrânia e no Cazaquistão através de parceiros locais.
> Emprega mais de 25.800 colaboradores em todo o mundo e está presente em mais de 100 mercados.

 

PEUGEOT LIDERA MARCA EM PORTUGAL

 

PEUGEOT lidera mercado automóvel em Portugal
A PEUGEOT foi a Marca mais vendida em Portugal durante o mês de Janeiro de 2015
com um total de 1.498 Veículos de Passageiros e Veículos Comerciais Ligeiros, mais
40,7% do que no mês homólogo de 2014. A Marca francesa foi também a preferida dos
portugueses no mercado dos VP (Veículos de Passageiros) ao comercializar 1.205
unidades.
A Peugeot Portugal registou com este resultado uma quota VP+VCL de 10,86%, o que
significa um importante reforço de 0.79 pp de penetração face ao conseguido em Janeiro
de 2014.
Ao elevar as suas vendas 40,7% (VP+VCL) durante o mês de Janeiro, a Marca volta a
reafirmar a sua importância no sector automóvel nacional, que em média teve um
crescimento de 30,4%.
No mercado de Veículos de Passageiros, a PEUGEOT aumentou as suas vendas 36,9%
durante o mês e totalizou 1.205 unidades, que se traduzem numa quota de 10,17% (+0.67
pp que em Janeiro de 2014).
Quanto ao mercado de Comerciais Ligeiros, a Marca registou 293 unidades, um acréscimo
de 58,4% nas vendas face ao período homólogo de 2014, o que lhe permite assumir
15,13% deste mercado no nosso País (+1.03 pp que em Janeiro do ano passado).308GT Copy

 

TOM TOM INDICA

 

TomTom indica o caminho mais rápido para surpreender quem mais gosta!

Neste dia de São Valentim, a TomTom não quer que se atrase para o encontro tão desejado com a sua cara-metade. A TomTom indica-lhe o percurso mais rápido, para celebrar com quem mais ama esta data tão especial. Para que possam desfrutar de mais tempo a dois, a TomTom ajuda-o a "não perder o norte" e a chegar a horas ao destino planeado.

Para os amantes das quatro rodas, a TomTom sugere a mais recente gama START que oferece um elevado desempenho, combinado com a reconhecida experiência de utilizador. Para planear um percurso romântico ou encontrar o seu destino mais rapidamente, com a intuitiva Pesquisa Rápida, basta que os condutores toquem no mapa e comecem a digitar. Os equipamentos START têm opções de dimensão de ecrã de 4” 5” ou 6” e estão disponíveis a partir de 139,95€ e até 179,95€.

Siga a TomTom Portugal:

 

Sobre a TomTom:    

                                                                                           

A TomTom (TOM2) dá força ao Movimento. Todos os dias milhões de pessoas em todo o mundo dependem da TomTom para tomarem decisões inteligentes. Criamos e desenvolvemos produtos inovadores que ajudam as pessoas a atingirem os seus objetivos. Conhecida por ser líder global em produtos de navegação e mapeamento, a TomTom também desenvolve Relógios de Desporto GPS, bem como soluções inovadoras de gestão de frotas e líderes em Location Based Services.

 

O nosso negócio é composto por quatro unidades de negócio orientadas para o cliente: Consumo, Automóvel, Licensing e Telematics.

 

Fundada em 1991 e com sede em Amesterdão (Holanda), tem 4.000 colaboradores em todo o mundo e comercializa os seus produtos em mais de 41 países.

 TomTom CMYK_logo_Copy

 

LEXUS VAI APRESENTAR NOVO CONCEPT

 

Lexus vai revelar novo e revolucionário Concept no Salão de Genebra 2015

# Estreia Europeia do Lexus GS F e LF-C2 #

• Estreia Mundial de um novo, revolucionário e surpreendente Concept
• Estreia Europeia do novo modelo desportivo F, o Lexus GS F com 477 CV
• Estreia Europeia do Concept LF-C2

O Salão Automóvel de Genebra 2015 vai ser palco da apresentação de novo surpreendente Concept Lexus, durante a conferência de imprensa prevista para o dia 3 de Março, às 12:30, no espaço da marca situado no Pavilhão 4.

A par desta novidade, vai estar patente o novo modelo desportivo Lexus que ostenta a sigla F, o novo GS F. Revelado pela primeira vez ao mundo, no Salão Automóvel Norte Americano 2015, o novo sedã de quatro portas reúne uma apurada dinâmica e, por outro lado, luxo e conforto inerente à gama GS. Equipado com um motor atmosférico, V8 de 5 litros, o novo GS F debita 477 CV e um binário de 530 Nm. O novo Lexus GS F é o primeiro modelo a estrear o novo pack de segurança “Lexus Safety System +”.

Presente no Salão Automóvel de Los Angeles 2014, o Concept Lexus LF-C2 foi um dos principais modelos desse certame, estando agora disponível para apreciação do público Europeu. O Concept com uma carroçaria roadster de 2+2 lugares explora a evolução do design da marca Lexus de uma forma mais arrojada. O LF-C2 é um luxuoso Concept Grand Touring que representa a paixão da condução na Lexus. Apesar do concept ser cabrio, este foi desenvolvido partindo de uma carroçaria coupé. Concept lexus_2015_01_CopyConcept lexus_2015_02_CopyConcept lexus_2015_03_CopyConcept lexus_2015_04_CopyConcept lexus_2015_05_CopyConcept lexus_2015_06_Copy

 

GERAÇÃO DO HYUNDAI I 20 RECEBE GALARDÃO

 

Nova Geração i20 recebe prestigiado galardão de design
 A Nova Geração i20 recebe prémio ‘iF Design Award 2015’ na disciplina de produto
 Reconhecido o design distintivo e sofisticado do novo modelo Hyundai do segmento B
 Confirmação da qualidade e design da Hyundai Motor
A Hyundai Motor recebeu uma vez mais o reconhecimento internacional pelo design de veículos nos prestigiados ‘iF Design Awards’. A Nova Geração i20 venceu a disciplina de “Produto” na categoria de “Automóveis / Veículos / Bicicletas” dos ‘iF Design do Award 2015’ (Prémios de design).
O prémio reconhece o design refinado do novo modelo da Hyundai Motor. O aspeto distintivo da Nova Geração i20 foi influenciado pela mais recente interpretação da filosofia de design da marca, Fluidic Sculpture, caracterizado por linhas limpas e elegantes, e pela grande e proeminente grelha hexagonal própria da família Hyundai.
A equipa do Centro de Design Europeu da Hyundai Motor em Rüsselsheim, na Alemanha, teve particular atenção na criação de formas e proporções equilibradas. O design frontal e o longo capot conferem um aspeto robusto, e o pilar C em preto brilhante, cria uma curiosa ilusão de tejadilho flutuante. No interior o habitáculo centrado no condutor, dispõe de uma ampla variedade de materiais de toque suave, bem como inserções em preto brilhante e detalhes em cromado, que criam um ambiente interior moderno e sofisticado.
Peter Schreyer, Presidente e CDO da Hyundai Motor Group, referiu: "É uma honra para a Hyundai ser mais uma vez reconhecido internacionalmente pela
‘iF Design Awards’, agora com a Nova Geração i20, continuando o sucesso do Genesis no ano passado. O design tem um papel central na construção da nossa marca e na decisão de compra dos modelos Hyundai, por isso estamos muito satisfeitos por receber um prémio tão prestigiado de uma entidade respeitada no design”.
Há mais de 60 anos que os ‘iF Design Awards’ têm sido reconhecidos em todo o mundo como um simbolo de excelência do design. Organizado pelo iF International Forum Design GmbH, os prémios reconhecem a excelência do design em várias disciplinas e categorias. O júri atribuiu o desejado prémio à Nova Geração Hyundai i20, após um rigoroso processo de avaliação, envolvendo cerca de 5.000 inscrições de 53 países.
A noite ‘iF Design Award’ terá lugar no dia 27 de fevereiro de 2015.
Desenhado, projetado e fabricado na Europa, a Nova Geração i20 estará à venda no mercado português no final de março.
i20 001_Copyif Copy

 

NOVO FORD FOCUS

 

A Ford Antecipa o Novo Ford Focus RS; Modelo Superdesportivo Estreia Inovadora Tecnologia de Tracção Integral com Assinatura Ford Performance

 

  • A Ford antecipa o novo Focus RS, com o modelo de elevada performance a estrear uma avançada tecnologia com o objectivo de subliminar a experiência de condução

 

  • A terceira geração do Focus RS estará disponível nos principais mercados a nível global pela primeira vez e vem na sequência da revelação do novo superdesportivo Ford GT, mostrado no final do mês passado, como da nova era da Ford Performance que irá levar à criação de mais de 12 novos modelos até ao ano 2020

 

  • Desenvolvido pela equipa Ford Performance, o RS está dotado de um fantástico e inovador Sistema de Tracção Integral Ford Performance com Controlo Vectorial Dinâmico do Binário, destinado a enaltecer a velocidade em curva e os limites de maneabilidade

 

  • O motor 2.3 EcoBoost desenvolvido para o RS foi especialmente projectado para permitir alcançar mais de 320 CV. O surpreendente design exterior garante melhorias em termos aerodinâmicos e de arrefecimento

 

  • O novo Focus RS será o 30º modelo a ostentar o badge RS, desde o original lançado em 1968; será construído em Saarlouis (Alemanha) a partir do final do corrente ano

 

  • Ken Block, piloto de ralis profissional e estrela da série de filmes “Gymkhana”, colaborou com a Ford como consultor no desenvolvimento do Focus RS

 

  • A totalidade dos detalhes do modelo serão disponibilizados na sua apresentação mundial, a realizar no próximo Salão de Genebra

 

 

 A Ford antecipou hoje o novo Focus RS, modelo de estrada de elevada performance que estreia o inovador Sistema de Tracção Integral Ford Performance, destinado a enaltecer a velocidade em curva, desempenho emocionante e prazer de condução sem limites.

 

Equipado com uma versão exclusiva do motor 2.3 EcoBoost, que lhe permite alcançar uma potência superior a 320 CV, o Focus RS é o mais recente modelo integrante da nova era Ford Performance, no âmbito da qual a Ford irá criar mais de 12 novos modelos de elevada performance, para clientes globais, até ao ano 2020.

 

Além de agradar aos entusiastas, estes veículos ajudarão a cumprir o plano One Ford de crescimento rentável, de excelência e inovação de produto em todas as partes do seu negócio

 

 “O novo Focus RS é uma máquina séria, com tecnologia de elevada performance e inovadoras soluções de engenharia que definem um novo patamar em termos de prazer de condução na estrada e nas pistas,” refere Raj Nair, Vice-Presidente do Grupo, Desenvolvimento de Produto Global, Ford Motor Company. “A linhagem RS conta com uma orgulhosa história de avanços tecnológicos que migraram veículos Ford de produção em massa e que passaram a beneficiar todos os clientes Ford e o novo Focus RS não é excepção. É um grande exemplo da nossa paixão pela inovação através da performance criando veículos que faz bater o coração das pessoas.”

 

Desenvolvido na Europa e nos EUA por uma pequena equipa de engenheiros do departamento Ford Performance, o novo Focus RS representa a terceira variante do Focus RS, seguindo-se às gerações lançadas em 2002 e 2009. Será, também o 30º modelo a ostentar o lendário badge RS, seguindo os passos de outras propostas que, nos seus tempos, definiram as tendências em termos tecnológicos, como o Escort RS1600 de 1970, o turbocomprimido Sierra RS Cosworth de 1985 com a sua aerodinâmica radical, e o Escort RS Cosworth de tracção integral apresentado em 1992.

 

Ostentando um espectacular design exterior que oferece avançada aerodinâmica e refrigeração, o novo Focus RS oferece tecnologias novas para a marca RS incluindo o sistema de conectividade Ford SYNC.

 

Este novo Focus RS é, também o primeiro modelo RS de sempre a ser comercializado à escala mundial e será produzido para todos os mercados na fábrica da Ford de Saarlouis (Alemanha), a partir do final do presente ano.

 

“O novo Focus RS representa a paixão da Ford ao seu melhor nível, encerrando inovação, incomparável dinâmica de condução e uma impressionante performance, até aqui apenas apanágio de modelos de marcas exclusivas, de luxo e exóticas, a preços elevados,” refere Jim Farley, Presidente, Ford da Europa, Médio Oriente e África. “Estamos conscientes dos pontos de referência que nos propusemos alcançar com os diferentes modelos de performance RS ao longo dos anos, pelo que tenham a certeza de que este novo modelo eleva a fasquia a um nível completamente novo.”

 

"Tão importante quanto isso é o facto de que, com tecnologias como o EcoBoost, somos capazes de demonstrar como uma inovação que equipa quase todos os carros na nossa gama pode também ser o coração dos nossos melhores carros de performance."

 

Como consultor do projecto para o novo Focus RS, a Ford contou com Ken Block, estrela do conceito “Gymkhana” e piloto de World Rallycross, juntando-se à equipa Ford Performance nesta apresentação em Colónia (Alemanha), a cidade que viu nascer a lenda RS em 1968, com o Ford 15M RS.

 

Sistema de Tracção Integral da Ford Performance garante uma maneabilidade ímpar

O novo Focus RS explora o novo e inovador Sistema de Tracção Integral Ford Performance com Controlo Vectorial Dinâmico do Binário, procurando alcançar um novo patamar de maneabilidade e prazer de condução, pela combinação de uma excelente tracção e aderência com uma inigualável agilidade e velocidade em curva.

 

O sistema AWD concebido pela Ford Performance é baseado num duplo pack de embraiagem controlado electronicamente em cada lado do eixo de tracção traseiro. Aqueles gerem a divisão de binário entre as rodas da frente e traseiras do modelo e podem, também, controlar a distribuição de binário a cada um dos lados do eixo traseiro, garantindo a capacidade de vectorização do binário, com um impacto importante na maneabilidade e estabilidade em curva.

 

A unidade de controlo integrada na unidade do eixo traseiro varia, de modo contínuo, a distribuição do binário entre as rodas da frente e traseiras e, nestas últimas, de modo individual à direita e à esquerda, de acordo com as situações reais de condução, monitorizando todos os inputs obtidos a partir dos vários sensores colocados no veículo, fornecidos a uma velocidade de 100 vezes por segundo. Um máximo de 70 por cento do binário pode ser desviado para o eixo traseiro. Desses, a totalidade do binário disponível no eixo traseiro pode ser enviado para cada uma das rodas traseiras individualmente.

 

Na descrição de curvas, a unidade traseira desvia, de modo preventivo, o binário para a roda traseira externa com base nas informações obtidas, tais como o ângulo do volante, aceleração lateral, guinadas e velocidade. Esta transferência de binário tem o efeito de conduzir o carro para dentro da curva, melhorando a entrada na mesma e a estabilidade, praticamente eliminando-se a subviragem.

 

O sistema AWD foi afinado para garantir uma aderência excepcional – com uma aceleração lateral superior a 1g – e uma velocidade em curvas e aceleração para fora dela referenciais na sua classe. Com uma maneabilidade neutra, de limite ajustável, associada à capacidade de se atingir uma sobreviragem controlada em pista, o Focus RS oferece a melhor experiência de diversão.

 

“Este sistema AWD traduz-se numa tecnologia inovadora, capaz de proporcionar uma suprema capacidade de viragem e maneabilidade nos limites,” disse Dave Pericak, Director, Global Ford Performance. “Podemos ter rasgado o livro de regras que diz que os modelos hatchback com AWD não podem ser divertidos de conduzir e criámos um automóvel que irá surpreender e recompensar os seus utilizadores em iguais doses.”

 

Para garantir a excelência em termos de dinâmica de condução, o Sistema de Tracção Integral Ford Performance foi calibrado em conjunto com o avançado Controlo Electrónico de Estabilidade, com particular incidência no sistema de Controlo Vectorial do Binário baseado nos travões, que funciona em paralelo com o sistema AWD com controlo vectorial do binário.

 

Entre as restantes características exclusivas ao nível do chassis incluem-se a suspensão desportivas, com taras de molas, casquilhos e barras estabilizadoras mais rígidas do que os usados no Focus ST, bem como amortecedores de duplo modo comutáveis, que garantem afinações mais duras para condução em pista. Foi dada particular atenção ao sistema de direcção assistida electronicamente (EPAS), trabalhando em combinação com o design das ligações da suspensão dianteira, de características mais rígidas, e braços mais curtos, proporcionando uma excelente sensação de comunicação e resposta da direcção.

 

“O Focus ST e o Fiesta ST demonstraram que podemos conseguir alcançar uma sensação desportiva da direcção com um sistema EPAS, pelo que o RS faz subir a fasquia. Partimos do princípio de dar aos condutores uma direcção muito directa, precisa e bem equilibrada e o RS consegue-o,” acrescentou Pericak.

 

Os engenheiros da Ford trabalharam em estreita colaboração com a Michelin no desenvolvimento de um pneus 235/35 R19 de elevada performance, de modo a complementar a dinâmica de condução do Focus RS. Há, por um lado, um pneu Pilot Super Sport standard para uma utilização no dia-a-dia e – pela primeira vez num RS – um pneu Pilot Sport Cup 2 opcional para uma mais apurada dinâmica em pista.

 

O design exterior do modelo foi, também, desenvolvido para ir ao encontro dos objectivos dinâmicos. O cuidado posto na optimização da aerodinâmica do difusor dianteiro, spoiler traseiro e características da carroçaria inferior elimina as forças de elevação, proporcionando o design final um desempenho equilibrado com elevação nula da frente e da traseira para uma melhor utilização a alta velocidade e maior estabilidade.

 

Uma mecânica única para uma potência acrescida

A tecnologia Ford EcoBoost propulsiona o Focus RS e quase todos os restantes novos modelos da Ford. O bloco EcoBoost de 2,3 litros desenvolvido propositadamente para o modelo alcança níveis de potência e binário que traduzem a impressionante aceleração quando em combinação com a excepcional tracção integral AWD.

 

Projectado para oferecer uma potência superior a 320 cv, esta unidade partilha a sua estrutura fundamental com o bloco de quatro cilindros e 2,3 litros, integralmente concebido em alumínio, utilizado no novo Mustang. Este motor foi, contudo, significativamente evoluído através de um completo pacote de alterações, nomeadamente ao nível do seu design.

 

O acréscimo de potência é gerado por um duplo turbocompressor de baixa inércia, dotado de um compressor de maior volume que provoca um fluxo de ar significativamente maior, juntamente com um intercooler muito maior para maximizar a densidade de carga. A respiração do motor viu-se, ainda, reforçada pelo design menos restritivo da admissão e por um sistema de escape de grande diâmetro e elevada performance, equipado com uma válvula controlada electronicamente colocada no tubo de escape, a qual ajuda a optimizar o equilíbrio entre a saída de pressão e ruído na traseira.

 

A cabeça dos cilindros foi concebida a partir de uma liga mais evoluída, capaz de resistir a temperaturas mais elevadas e surge montada num cabeçote mais robusto, com capacidade térmica melhorada. O bloco dos cilindros emprega revestimentos mais sólidos, de elevada elasticidade, em ferro fundido.

 

Foi dada, igualmente, uma elevada prioridade à questão do arrefecimento do motor, com os engenheiros a criarem espaço adicional na secção frontal do modelo para receber um radiador significativamente maior – o maior alguma vez montado num Focus – que garante um nível de refrigeração como o exigido para uma utilização intensiva em circuitos.

 

O trabalho meticuloso ao nível da calibração assegurou que este potente bloco garante uma excelente capacidade de resposta a baixas rotações, evoluindo de modo poderoso nas rotações intermédias, alcançando o limite das mesmas de um modo livre, até ao limite máximo de 6.800 rpm.

 

Inspirar a performance exige uma banda sonora igualmente inspiradora. Os engenheiros da Ford Performance afinaram o RS de modo a conseguir uma sonoridade gratificante e desportiva durante uma condução mais espirituosa, com os distintivos burbles, pops e estalos que são assinatura RS.

 

“Este bloco muito especial de 2,3 litros EcoBoost irá inspirar os condutores à medida que sentem o impulso do turbo e recompensá-los-á à medida que o levam até ao redline, tudo isto acompanhado por uma ímpar sonoridade, garante de um sorriso nos seus rostos,” afirmou Pericak.

 

A transmissão manual de seis velocidades foi optimizada para os condutores mais entusiastas, através de uma alavanca de velocidades mais curta que proporciona mudanças mais rápidas e precisas. Tanto a transmissão como a embraiagem foram evoluídas através de componentes mais resistentes para conseguirem lidar com o maior binário do motor.

 

Com um design EcoBoost de elevada eficiência, integrando injecção directa de combustível, dupla variação independente da árvore de cames e uma avançada turboalimentação, o motor também garante consumos de combustível significativamente melhores. Equipado de série com o sistema Auto-Start-Stop, os valores indicativos iniciais registam emissões de CO2 que poderão ser significativamente reduzidas, em comparação com a geração anterior.

 

Design de elevada performance para um visual atordoante e de óptima funcionalidade

O design exterior do Focus RS é simultaneamente atordoante e funcional, com uma personalidade mais poderosa e musculada. Os designers trabalharam em estreita colaboração com a equipa da Ford Performance para garantir que os atributos funcionais necessários fossem alcançados, focando-se no downforce aerodinâmico e num balanço permitido pelo projecto, bem como as exigências de refrigeração do motor e travões.

 

“Este é o Focus de excelência, com um visual deslumbrante e totalmente adequado a uma utilização,” referiu Joel Piaskowski, Director de Design, Ford Europa. “Os modelos RS têm resultado, quase sempre, em propostas atraentes, de elevado desempenho e onde a função é algo primordial. Este novo Focus RS é fiel a essa herança.”

 

"Este é o foco final – deslumbrante olhar e totalmente adequados ao uso," disse Joel Piaskowski, diretor, Design, Ford da Europa. "Modelos de RS tem sempre sido marcante, alto desempenho carros onde a função é primordial. Esse novo Focus RS é fiel a esse património. ”

 

Baseado na nova geração do modelo Focus, o RS apresenta uma secção frontal nova e poderosa, com uma grelha superior trapezoidal, acima do divisor dianteiro, incorporando as maiores aberturas possíveis para arrefecimento do motor. Uma postura ampla e musculada é enfatizada pelas asas inferiores e pelas grandes aberturas laterais, em ambos os lados do modelo, que alimentam os ductos de refrigeração de travões, e as luzes de nevoeiro integradas, montadas verticalmente.

 

Na secção traseira, o painel é dominado pelo difusor inferior excepcionalmente grande, que optimiza o fluxo de ar debaixo do veículo para reduzir a resistência, integrando duas amplas saídas de escape de elevado desempenho e, na Europa e na Ásia, uma luz de nevoeiro transparente ao centro. O spoiler traseiro distintivo surge cuidadosamente integrado na silhueta da viatura através de painéis laterais da cor da carroçaria, integrando um subtil logótipo RS gravado.

 

O perfil lateral dinâmico é destacado por painéis esculpidos e pelos proeminentes lábios das cavas das rodas, que albergam uma escolha de jantes RS de 19 polegadas, incluindo um conjunto de elevada performance, em liga leve forjada, com acabamentos em preto de reduzido brilho, que oferece maior robustez e resistência aos impactos, permitindo-se uma economia um quilograma por roda.

 

Os faróis Bi-Xenon HID de série integram um sistema de Iluminação Dianteira Adaptável, que ajusta a intensidade e o ângulo de incidência da luz de acordo com a velocidade, direcção, ângulo e distância aos objectos do veículo, para uma iluminação ideal. Os clientes também podem especificar a tecnologia de travagem automática Paragem Activa em Cidade que opera a velocidades até aos 50 km/h.

 

O carácter de elevado desempenho do RS reflecte-se no interior do modelo, através dos bancos desportivos Recaro, parcialmente em couro e com elevado detalhe como peça central do cockpit. Os bancos em concha com assinatura RS Recaro, com estruturas em microfibra derivada da competição, são uma opção para os clientes na Europa e na Ásia.

 

O habitáculo apresenta o mesmo layout redesenhado de controlos do actual Focus, com um design mais simples e intuitivo. O sistema de conectividade SYNC fornece acesso aos sistemas de áudio, navegação, controlo da climatização e de telemóveis através do controle por voz e directamente num ecrã de toque de oito polegadas, a cores e de alta definição. Simples instruções vocais como “Encontrar uma pista” permite aos proprietários dos modelos RS a possibilidade de obter direcções instantâneas até aos circuitos de competição mais próximos. O sistema SYNC também pode ser especificado com Câmara de Visão Traseira com controlo de distância de estacionamento, bem como um sistema de som Sony premium com 10 altifalantes, incluindo um subwoofer.

 

A experiência de condução RS é reforçada por um novo volante, de formato horizontal na zona inferior, forrado em couro macio, pedais em liga e uma instrumentação gráfica exclusiva dentro do cluster principal de fundo plano. Colocada no topo da consola central, uma bancada adicional de mostradores exibe informações como a pressão e a temperatura do óleo e, também, a pressão do turbo.

 

A imagem distinta em tons de azul RS ecoa por todo o habitáculo, desde a costura dos assentos, volante, tapetes e guarnições interiores, bem como no grafismo colorido na manete das mudanças, para além da própria colocação do logo RS, orgulhosamente presente nos bancos, volante e numa placa escovada nas embaladeiras das portas.

 

São quatro as cores exteriores, de grande impacto, desde o Nitrous Blue, um tom azul vibrante de quatro camadas com acabamento metálico exclusivo do modelo RS, aos Stealth Grey, Absolute Black e Frozen White. A unidade revelada em Colónia conta com um esquema de cores especial Liquid Blue, mostrado pela primeira vez no novo Ford GT, divulgado no mês passado no North American International Auto Show, vulgo Salão de Detroit.

 

Uma herança repleta de inovação e performance

Desde o surgimento dos primeiros modelos Ford RS nas estradas, a marca RS tem sido um elemento essencial do ADN da Ford, encerrando inovações técnicas e performance quer nas estradas e nos circuitos. Remontando aos tempos em que a marca “Rallye Sport” sublinhava os sucessos da companhia, os primeiros modelos RS estabeleceram uma reputação de tecnologia avançada e prazer de condução que tem continuidade até ao presente.

 

“O novo Focus RS é fiel aos princípios fundamentais da RS, da engenharia inovadora à elevada performance. Os entusiastas da condução sempre aspiraram a ter modelos com a marca RS e isso é uma herança que inspira todos nós no seio da Ford,” referiu Joe Bakaj, Vice-Presidente, Desenvolvimento de Produto, Ford Europa.

 

Ao longo dos anos, os modelos RS foram consistentemente pioneiros em tecnologias de performance inovadoras, em mecânicas naturalmente aspiradas ou dotadas de poderosos turbocompressores, com sofisticadas ajudas aerodinâmicas, com tracção às rodas da frente ou às quatro rodas.

 

Entre os modelos que foram pioneiros na tecnologia AWD incluem-se o exótico RS 200 de 1984, com o seu motor montado centralmente e homologado em Grupo B para ralis, o Sierra RS Cosworth 4x4 de 1990, o espectacular Escort RS Cosworth e o Escort RS2000 4x4 de 1994.

 

O primeiro Focus RS de 2002 debitava 215 cv a partir do motor de 2,0 litros turbo e de um avançado diferencial autoblocante. A segunda geração do modelo disponibilizava 305 cv às suas rodas da frente, onde se aplicava um revolucionário design RevoKnuckle na suspensão.

 

# # #

 

Sobre a Ford Motor Company

A Ford Motor Company, empresa global da indústria automóvel, sediada em Dearborn, Michigan (EUA), produz e distribui automóveis em seis continentes. Com cerca de 187.000 empregados e 65 fábricas em todo o Mundo, conta no seu portfólio automóvel com as marcas Ford e Lincoln. A empresa disponibiliza serviços financeiros através da Ford Motor Credit Company. Para mais informações sobre a Ford e os seus produtos, por favor visite www.corporate.ford.com.

 

A Ford Europa é responsável pela produção, comercialização e pós-venda da marca Ford em 50 mercados individuais, empregando aproximadamente 47.000 pessoas nas suas instalações e cerca de 66.000 pessoas no âmbito das ‘joint-ventures’ e restantes parcerias. Em complemento à Ford Motor Credit Company, as operações da Ford Europa incluem a Ford Customer Service Division e 23 unidades fabris (12 detidas na totalidade ou em regime de ‘joint venture’ consolidada, mais 11 em regime de ‘joint venture’ não consolidada). Os primeiros automóveis Ford foram enviados para a Europa em 1903, o mesmo ano da fundação da Ford Motor Company. A produção na Europa teve início em 1911
 

LEXUS LF GT

 

LEXUS LF-LC GT ''Vision Gran Turismo'' revelado virtualmente

A Lexus anunciou o novo concept LF-LC GT "Vision Gran Turismo" disponível, virtualmente no início da Primavera de 2015 para a consola de jogos PlayStation®3 e, em exclusivo, para o jogo Gran Turismo 6.

Apesar da estreia do novo RC F GT500 no Campeonato Japonês de Super GT500 em 2014, a Lexus foi capaz de lutar pelo título até a última corrida. Com a aproximação da temporada de 2015, o panorama das competições vai ser alargado com o RC F homologado para a categoria GT3. Esta classe é conhecida pela participação dos pilotos “gentlemen’s drivers” e pode permitir à marca lutar, até pelo título de construtores em diversos campeonatos.

No contexto do plano de competições da Lexus, o novo concept LEXUS LF-LC GT "Vision Gran Turismo" foi desenvolvido para corresponder aos fãs que gostam de competir com carros de sonho. Este concept foi desenvolvido e desenhado com vista a uma possível participação nos campeonatos de Super GT e nas 24h de Nürburgring.

O luxuoso concept LF-LC, revelado no Salão Norte Americano em 2012, teve como objetivo indicar o que poderia ser um futuro modelo desportivo da Lexus. Os detalhes deste carro, desenhado no centro de DESIGN CALTY, incluem muitas características que evocam e apelam à emoção, tais como a forma das luzes traseiras inspiradas pelas turbinas de um avião a jato.

Com base no LF-LC foram desenvolvidas soluções de topo para corresponder ao desafio da competição, contudo, as linhas exteriores apresentadas pelo centro de DESIGN CALTY foram respeitadas. Como resultado o LEXUS LF-LC GT "Vision Gran Turismo" nasceu como um carro de GT, com linhas fluídas e arrojadas.

O desporto automóvel tem a capacidade de conquistar a atenção dos entusiastas e, ao mesmo tempo, aumentar a paixão e gosto pelos automóveis.

A carroçaria em branco puro do LF-LC GT "Vision Gran Turismo" foi escolhido para reforçar as suas linhas enquanto se encontra parado e, por outro lado, a nota de escape conseguida facilmente vai conferir uma maior carga emocional a todos os fãs da competição.

O LEXUS LF-LC GT "Vison Gran Turismo" nasceu da paixão pelas competições; é um carro que vai cumprir todos os sonhos dos fãs do jogo Gran Turismo 6.Lexus LF-LC_Vision_Gran_Turismo_01_CopyLexus LF-LC_Vision_Gran_Turismo_02_CopyLexus LF-LC_Vision_Gran_Turismo_03_CopyLexus LF-LC_Vision_Gran_Turismo_06_Copy/////////////////////Lexus LF-LC_Vision_Gran_Turismo_05_Copy8888888888888888888888888888888888888888888888888888888888888888888Lexus LF-LC_Vision_Gran_Turismo_04_Copy

 

GALERIA DE IMAGENS

GALERIA DE IMAGES

 

Mais um grupo de imagensrelativas *a Porsche.po1 Copypo2 Copypo3 Copypo4 Copypo5 Copypo6 Copypo7 Copypo8 Copypo9 Copypo10 Copypo11 Copypo12 Copypo14 Copypo15 Copypo16 Copypo17 Copypo18 Copypo19 Copypo21 Copypo22 Copypo23 Copypo24 Copypo25 Copypo26 Copypo27 Copypo60 Copypo61 Copypo62 Copy

 

GALERIA DE IMAGENS

GALERIA DE IMAGENS

 

 

Mais um grupo de imagens referentes aso 2º Salão dos Campeóes, que teve lugar no passado fim de semana na Batalha.

 

 

Fotos 2º  Gala dos Campeões - www.velocidadedonline.comba162 Copyba163 Copyba164 Copyba165 Copyba166 Copyba167 Copyba168 Copyba169 Copyba170 Copyba171 Copyba171 Copyba172 Copyba173 Copyba174 Copyba175 Copyba174 Copyba175 Copyba176 Copyba177 Copyba178 Copyba179 Copyba180 Copyba181 Copyba182 Copyba183 Copyba184 Copyba185 Copyba186 Copyba187 Copyba188 Copyba189 Copyba190 Copyba191 Copyba192 Copyba193 Copyba194 Copyba195 Copyba196 Copyba197 Copyba198 Copyba199 Copyba200 Copyba201 Copyba202 Copyba204 Copyba205 Copyba206 Copyba207 Copyba208 Copyba209 Copyba210 Copyba220 Copy

 

A FROTA " DE ANTÓNIO NOGUEIRA PARA 2015

A " FROTA" DE ANTÓNIO NOGUYEIRA PARA 2015

 

Muito se tem falado da "frota" que Antonio Nogueira e a AMNSport posuem guardados nas instalações da Régua, na qual tivemos conmhecimento que o piloto pretende competir com alguns deles ao longo desta época, senão vejamos

 

Porsche GT 3 R - Foi a ultima compra de António NOgueira, este casrro ao que tudo indica fará algumas provas em Portugal, havendo a hipótese de ir correr no GT Open, em parceria mcom  o António Coimbra

 

 

POrsche 997 - ESte GT 2 mais avançado não tem planos para este ano, podendo funcionar como um carro supelente, no caso do GT 3 R ter alguma problema.António Nogueira tem prevista a participação em tres ou quatro provas do Nacional de MOIntanha, podendo ser este o carro a utilizar

 

Porsche 993 + 996 - Estes dois Porsche, em 2015, poderão ser conduzidos em provas de Montanha, por Luis Anjos, o jovem sobrinho de António Nogueira, que correu pela primeira vez há dois anos atrás.Por seu lado,  Carlos Cerca poderá fazer algumas provas com o outro Porsche GT 2

 

Rover 3500 - Há mais de dois anos que este carro não sia para qualquer pista, mas Nogueira tem planos para correr com o Rover fora de Portugal, provavelmente uma ou duas provas, não mais.

 

Ford Capri - Irá fazer algumas provas do Nacional de Clássicos, mas para já não se sabe quais

 

Ford Escort - Outro carro que nai sai para a pista há dois anos, provavelmente poderá surgir em algumas provas do Nacional de Clássicos com Luis Anjos ao volante

 

Audi Quattro - Utilizado no inicio de carreira de António Nogueira, tem estado parado por falta de peças, não estando previsto que este ano faça alguma coisa

 

 

Maroc LM 600 - Estre carro aparece sempre na Rampa do caramulo, este ano poderá ir de novo a esta prova e existe uma probalidade de vir a participar em uma ou duas provas que se organizam para este tipo de carros  na Béligica e Holanda.

 

De referir que António NOguiera rtecebu recentemente duas propostas de compra para os dois Porsche GT 2, que curiosamente são os unicos ainda no activo, pois garnde parte destes carros faz parte de colecções privadas, e estão guardados religiosamente.Por aquilo que apuramos o assunto está a ser pensado por António Noguiera e lá para o final do ano, talvez hajam mais novidades, mas para já n~

áo estã previsto que deixem Portugal.AA1 CopyAA2 CopyAA3 CopyAA4 Copy

 

PEUGEOT 308 VENCEU EM MARROCOS

 

PEUGEOT 308 eleito Carro do Ano 2015 em Marrocos

Modelo recebe 22º prémio desde o seu lançamento

 

 

O PEUGEOT 308 recebeu, no dia 27 de Janeiro, em Casablanca, o galardão do Carro do Ano 2015 em Marrocos. O modelo, que estava em competição com o BMW Série 2 Coupé, BMW X4, Hyundai Elantra e Mercedes Classe C, garantiu as preferências do júri especializado em automóveis.

 

Reunindo os votos dos jornalistas da Autonews, a principal revista especializada marroquina, de profissionais e elementos de entidades de aluguer de longa duração, bem como especialistas do sector e público em geral, que votou pela internet, a comissão organizadora concedeu por unanimidade esta distinção nacional ao novo PEUGEOT 308 para o ano de 2015.

O PEUGEOT 308 regista, até à data, vendas superiores a 230.000 unidades em todo o mundo desde o seu lançamento em Setembro de 2013, dando continuidade ao seu historial de sucesso com esta eleição como «Carro do Ano 2015» em Marrocos.

Em 2014 e neste país registou-se um total de 122.000 viaturas vendidas, tendo a PEUGEOT alcançado a 5ª posição do mercado marroquino de automóveis de passageiros, com uma quota de 7,2%.

Trata-se da 22.ª distinção atribuída ao novo PEUGEOT 308, numa lista encabeçada pelo prestigiante prémio “European Car Of The Year 2014” e que inclui além de eleições nacionais como “Carro do Ano”, galardões como “Carro do Ano para Empresas”, “Carro Familiar do Ano” e vários prémios de “Design”.

308 Copy 

 

 

 

 

NOVO RENAULT O KADJAR

RENAULT KADJAR, O IRMÃO DO CAPTUR

Depois do sucesso do Captur, a Renault prossegue a sua ofensiva no universo dos crossovers com o lançamento do Renault Kadjar, o primeiro crossover da marca do segmento C.

Num segmento em pleno desenvolvimento e extremamente disputado, o Kadjar irá contribuir para as ambições de internacionalização da Renault, com a sua comercialização, numa primeira fase, na Europa e em vários países africanos e da bacia mediterrânica e, posteriormente, na China.

 

Este “irmão” do Captur é uma proposta inovadora dos crossovers, que se distingue por um design exterior fluido e atlético, mas também por um interior simultaneamente desportivo e requintado, graças à qualidade dos materiais e acabamentos.

 

 

Disponível em versões 4x4 e 4x2, o Renault Kadjar convida à evasão e é, ao mesmo tempo, fácil de manobrar na cidade graças à sua estrutura compacta (4,45 metros de comprimento e 1,84 metros de largura).

O Renault Kadjar oferece a ligação ao mundo exterior, com o R-Link 2®, e serenidade ao volante graças aos mais recentes sistemas de ajudas à condução.

 

O Renault Kadjar está equipado com motores extremamente eficientes que o posicionam ao melhor nível do segmento, tanto em termos de consumos como de emissões de CO2.

 

O Renault Kadjar será apresentado ao público no 85.o Salão Internacional do Automóvel de Genebra, que abre portas a 5 de março de 2015. A comercialização começará no Verão de 2015 na Europa e em vários países africanos e da bacia mediterrânica.


 

 KADJAR, UM AUTOMÓVEL GLOBAL

A Renault amplia a sua oferta de crossovers
Renault Kadjar, uma ambição internacional

Um crossover com o ADN Renault que utiliza uma plataforma comum da Aliança

 

 RENAULT KADJAR, UM NOVO ESTILO NO UNIVERSO DOS CROSSOVERS

Um estilo exterior atlético e fluído
Todo o universo dos crossovers, mais o charme

Um interior desportivo e requintado

 RENAULT KADJAR, UM CARÁCTER FORTE

 

Disponível nas versões 4x4 e 4x2, o Kadjar é tão ágil na estrada como na cidade

Uma condução personalizada e ligada ao mundo

Faça uma escapadela com toda a segurança


 

KADJAR, UM AUTOMÓVEL GLOBAL

 

A Renault amplia a sua oferta de crossovers

Com o Kadjar, o Grupo Renault confirma a capacidade de criar ou fazer evoluir os seus modelos para conquistar novos mercados e novos clientes.

 

Em 2014, perto de um em cada cinco automóveis vendidos em todo o mundo foi um crossover, com uma quota de mercado de 23% na Europa e de 26% na China. Este segmento representa uma porta de entrada nos principais mercados visados pelo Grupo.

 

Depois do Renault Koléos, o Captur foi o segundo automóvel a integrar a gama crossover da Renault. Este crossover urbano, com uma personalidade marcante, posicionou-se, em 2014, no topo de vendas de crossovers do segmento B na Europa, com um pouco mais de 178 000 automóveis matriculados.

 

A Renault continua a sua ofensiva neste segmento com o Kadjar, que se posiciona no segmento C, entre o Captur e o Koléos.

O Renault Kadjar é uma nova proposta neste segmento: design fluido e atlético, estatuto, qualidade de vida a bordo e respeito pelo ambiente.

 

Renault Kadjar, uma ambição internacional

Presente em 128 países, o Grupo Renault vendeu, em 2014, 2 712 432 automóveis em todo o mundo, dos quais 46% fora da Europa (contra 37%, em 2010). A Renault está amplamente instalada na Europa, onde ocupa a 3.a posição no mercado de Veículos de Passageiros.

 

O Kadjar é produzido na fábrica de Palência, que exporta atualmente 83% da sua produção para mais de 50 países dos cinco continentes.

 

O plano produto é a pedra angular do crescimento e da divulgação da imagem do Grupo Renault e o Kadjar vai contribuir para o desenvolvimento do Grupo através da extensão da sua gama e da sua cobertura geográfica.

O Kadjar será o 1.o automóvel Renault fabricado na China, e será o embaixador do desenvolvimento do Grupo neste país.

 

 

 

 

Em Dezembro de 2013, o Grupo Renault oficializou a criação de uma "joint-venture" com a Dongfeng e iniciou, em Wuhan, a construção de uma fábrica com uma capacidade de produção anual de 150 000 automóveis numa primeira fase.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


O sucesso dos crossovers é global e as expectativas são igualmente transversais, tendo como critérios de escolha o design, o preço e a imagem. O Kadjar foi concebido para responder às expectativas dos clientes deste segmento.

 

Um crossover com o ADN Renault que utiliza uma plataforma comum da Aliança 

Criada em 1999, a Aliança Renault-Nissan vendeu 8,4 milhões de automóveis, em cerca de 200 países, em 2014, consolidando assim a sua posição como o 4.o grupo automóvel mundial.

 

O Renault Kadjar beneficia das sinergias resultantes da Aliança, uma vez que assenta numa plataforma partilhada pelos dois construtores.

 

O desenvolvimento da arquitetura modular no seio da Aliança é uma fonte de sinergias em constante evolução. A abordagem CMF (Common Module Family) consiste na produção de uma vasta gama de automóveis com um conjunto de peças e componentes comuns.

 

O projeto CMF divide-se em três segmentos: CMF-A para os pequenos modelos, CMF-B para os modelos intermédios e CMF-C/D para os modelos maiores. O Renault Kadjar utiliza a plataforma CMF C/D da Aliança e o seu fabrico é partilhado entre a Renault e a Nissan, tendo a Renault contribuído com a sua experiência ao nível da concepção e do fabrico das suspensões traseiras, bem como das transmissões.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

ARQUITECTURA

ELÉTRICA / ELETRÓNICA

PARTE INFERIOR DO PISO DIANTEIRA

 

 

PARTE INFERIOR DO PISO TRASEIRA

 

 

POSTO DE CONDUÇÃO

 

 

COMMON MODULE FAMILY (CMF): 4+1 GRANDES MÓDULOS

 

 

 

As sinergias permitem a utilização comum de um máximo número de peças não visíveis (como, por exemplo, o bloco do motor, a arquitetura do sistema de navegação…), respeitando todavia as identidades, o design e as especificidades de cada um dos parceiros da Aliança.


 

RENAULT KADJAR, UM NOVO ESTILO NO UNIVERSO DOS CROSSOVERS

A Renault posiciona-se no universo dos crossovers do segmento C com um design que conjuga robustez e elegância. Com a cor de lançamento vermelho Flamme, o Renault Kadjar exibe todo o seu poder de sedução.

 

Um estilo exterior atlético e fluido

O Renault Kadjar é um crossover do segmento C, na confluência dos mundos do SUV, da berlina e das break. Este “irmão” do Captur é uma nova proposta no universo dos crossovers, com o seu design único em ruptura com as representações actuais no segmento. O Renault Kadjar possui uma forte personalidade, com um grande poder de sedução.

 

As dimensões compactas (4,45 metros de comprimento e 1,84 metros de largura), aliadas a uma altura de apenas 1,60 metros, acentuam o seu dinamismo.

 

A dianteira transmite uma forte sensação de robustez. A continuidade da barra cromada nos faróis dianteiros aumenta a largura visual do automóvel e contribui para a expressão de força e de carácter do Kadjar. A fluidez das linhas evoca sensualidade e é acentuada pelos acabamentos das portas que cobrem as embaladeiras.

 

Todo o universo dos crossovers, mais o charme

Sensual, o Kadjar exibe, também, as características indispensáveis no universo dos crossovers.

 

A elevada distância ao solo (190 mm) sugere, desde logo, a capacidade do Kadjar para sair da dos trilhos tradicionais.

As grandes rodas de 690 mm, aliadas às jantes que podem ter até 19’’, sublinham a vocação desportiva do Renault Kadjar.

 

As proteções inferiores das portas formam um pára-choques adicional que, ao mesmo tempo, reforça a modernidade das linhas, enquanto as protecções laterais das cavas das rodas transportam-no para um universo de aventura.

 

As barras de tejadilho, em alumínio anodizado, reforçam o carácter Kadjar e realçam o dinamismo do seu perfil.

 

 

 

O Kadjar distingue-se dos crossovers do segmento por possuir elementos que lhe conferem elegância, sem alterar a robustez do seu carácter.

 

O Renault Kadjar tem, também, uma forte identidade com a nova assinatura luminosa. Uma guia de luz LED (Light Emitting Diode) em forma de "C", sobre os faróis diurnos (DRL) dianteiros, proporciona estatuto, distinção e uma identidade tecnológica.

Na traseira, esta mesma assinatura dos faróis cria um trilho luminoso na máscara do farol, tal como no concept-car Captur.

 

O Renault Kadjar beneficia de um design coerente e requintado, com as estruturas dos retrovisores e os puxadores das portas na cor da carroçaria em todas as versões. A presença de cromados no contorno dos vidros, nos faróis diurnos e nas proteções das embaladeiras confere uma perceptível qualidade a este musculado crossover.

 

Um interior desportivo e requintado

O Renault Kadjar oferece um interior cuidado em total harmonia com o design exterior.

O painel de bordo é agradável ao toque e de elevada qualidade, graças à utilização de materiais de nível superior.

 

O design da alavanca de velocidades sublinha o carácter desportivo e o tejadilho em vidro fixo de 1,4 m2 proporciona equilíbrio e luminosidade ao habitáculo.

 

O pesponto duplo dos bancos, as pegas de cortesia e a pala sobre o painel de instrumentos valorizam o interior do Renault Kadjar.

 

 

 

 


Renault-Kadjar 1_CopyRenault-Kadjar 2_CopyRenault-Kadjar 3_CopyRenault-Kadjar interiores_Copy

KADJAR, UM CARÁCTER FORTE

Pelo seu estilo, o Renault Kadjar satisfaz as expectativas dos clientes deste segmento, mas sabe também responder às necessidades das famílias, pelo seu sentido prático e modularidade.

O Renault Kadjar beneficia de todas as tecnologias úteis e intuitivas para proporcionar uma condução eficaz e tranquila.

 

Disponível com versões 4x4 e 4x2, o Kadjar é tão ágil na estrada como na cidade

O Kadjar propõe uma experiência de condução e de vida a bordo intuitiva para os condutores que procuram a evasão e o conforto.

O Renault Kadjar vai buscar a sua robustez ao universo SUV.

Com transmissão integral, os três modos de utilização (Auto, Lock e 2WD) permitem seleccionar a transmissão ideal consoante o tipo de utilização.

 

No modo 2 rodas motrizes, o Kadjar dispõe do Grip Control - associado a pneus "Mud and Snow" - que permite manter a aderência em condições de condução difíceis.

 

A elevada distância ao solo de 190 mm, bem como os ângulos de ataque e de saída de 18 e 25°, garantem eficácia em todos os tipos de terreno.

 

 

 

 

 

O Renault Kadjar inspira-se na polivalência e no espírito prático do mundo das break.

 

A modularidade interior é fácil e intuitiva. Graças aos manípulos situados no porta-bagagens, o sistema "Easy Break" permite o desbloqueio e o rebatimento automático do banco traseiro na configuração 1/3-2/3. Adicionalmente, o banco do passageiro pode ser colocado na posição de mesa, graças a um manípulo situado sob o assento, para permitir o transporte de objetos longos.

 

As duas posições do piso do porta-bagagens permitem escolher entre uma posição alta de piso plano completo, para facilitar o transporte de objetos volumosos, ou uma posição baixa para um volume de carga máximo de 472 dm3.

 

O espaço interior oferece uma excepcional habitabilidade. Nos lugares traseiros, a habitabilidade vertical de 910 mm e a largura ao nível dos cotovelos de 1456 mm situam-se ao melhor nível do segmento.

O Kadjar dispõe, ainda, de 30 litros de volume útil em locais de arrumação distribuídos pelo habitáculo.

 

O Renault Kadjar oferece o prazer de condução e o conforto de uma berlina.

A posição de condução é típica de uma berlina e, por isso mesmo, de adaptação muito fácil.

 

O Kadjar é fácil de manobrar, com um diâmetro de viragem de 10,72 m, e dispõe de todas as tecnologias de ajuda à condução úteis para o quotidiano, tais como o estacionamento "mãos livres" e a câmara de marcha atrás.

 

O sistema Stop and Start permite economizar combustível e reduzir a poluição no meio urbano.

 

Uma condução personalizada e ligada ao mundo

O Kadjar dispõe do Renault R-Link 2®, que está presente também no Novo Renault Espace.

O R-Link 2® está equipado com comando de voz para a navegação, telefone, aplicações e rádio, para um acesso fácil e seguro às funcionalidades. A página inicial personalizável permite, ainda, encontrar facilmente as funções mais utilizadas.

 

O Renault Kadjar possui um quadro de instrumentos muito moderno, com ecrã capacitivo TFT a cores de 7’’.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Faça uma escapadela com toda a segurança

 

O Kadjar beneficia dos conhecimentos técnicos da Renault em matéria de segurança, aos quais se juntam as mais recentes tecnologias úteis de protecção aos passageiros.

 

Os blocos ópticos integram dois módulos LED "Pure Vision" que cumprem a função de médios e máximos. O feixe emite uma luz semelhante à do sol, 20% mais potente que um feixe de halogénio, que melhora o conforto da visão nocturna.

 

 

O conjunto de ajudas à condução é acessível a partir do menu R-Link 2®.

 

O Renault Kadjar dispõe de todas as tecnologias úteis e intuitivas, tais como o auxílio à travagem de urgência, o alerta de saída de via, o reconhecimento da sinalização rodoviária com alerta dos limites de velocidade e a câmara de marcha atrás.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 
Mais artigos...

João Raposo

Telemóvel: +351 961 686 867
E-mail: jraposo-air@portugalmail.pt